Apostas Online em Portugal – Aposta Ganha
Apostas Online

        Apostas Online em Portugal. Prognósticos, Tips e Guias de como apostar nos sites de apostas

12 jogadores que celebraram o adiamento do EURO 2020

A notícia do adiamento do Euro 2020 por um ano terá aborrecido a esmagadora maioria dos jogadores que sonhavam com um torneio desta dimensão, no entanto, outros há que terão ficado satisfeitos com esta decisão uma vez que estavam a contas com lesões que provavelmente os impediriam de marcar presença na prova.

O caso da seleção nacional

A luta por um lugar entre os 23 selecionados para uma fase final de grande competição é hoje extremamente acérrima no contexto nacional tal é a qualidade dos nossos jogadores. Esta época, isso não seria exceção e alguns jogadores deveriam ser prejudicados pelo facto de estarem lesionados ou em fases relativamente precoces do seu retorno à competição.

12 jogadores que celebraram o adiamento do EURO 2020

No caso nacional, Ricardo Pereira era o caso mais sonante uma vez que se vinha a notabilizar ao serviço do Leicester City e dificilmente ficaria de fora da lista dos 23 convocados, no entanto, uma recente rotura de ligamentos num joelho iria impedi-lo de dar o seu contributo daqui por três meses.

Deste modo, o defesa direito ex-FC Porto volta a sonhar com a presença na competição pois terá tempo suficiente para recuperar de lesão, e reestabelecer os seus fortes índices competitivos que vinha apresentando na Premier League.

Mas há outros casos na seleção nacional: Gonçalo Guedes tem tido uma temporada para esquecer no Valência fruto de uma lesão que hipotecou grande parte da sua época, e mesmo estando já de volta à competição, seria difícil conquistar um lugar entre os 23 eleitos nesta fase.

O mesmo acontecia com André Gomes ou William Carvalho que tiveram temporada marcadas por lesões que os iria colocar em clara desvantagem face a outros em elevada rotatividade por estes dias como Danilo Pereira, Rúben Neves, Pizzi ou Bruno Fernandes.

Seleção inglesa pode ter um ataque demolidor em 2021

A turma de Gareth Southgate comanda hoje a lista de favoritos a Vencer o EURO 2021 com cotações de 6.00 na Bet.pt. Este valor sofreu uma substancial redução após o anúncio do adiamento da prova para o ano seguinte tendo em vista que Harry Kane e Marcus Rashford podem assim recuperar mais calmamente das suas lesões e apresentar-se na máxima força daqui por um ano.

Kane foi um dos artilheiros do Mundial de 2018 e é figura de proa do conjunto inglês, enquanto Marcus Rashford ia realizando a melhor época da sua carreira no Manchester United antes de contrair uma lesão nas costas. Com estes dois jogadores em boas condições na próxima época, e na companhia de outros como Raheem Sterlng ou Jadon Sancho, a Inglaterra tem um dos ataques mais temíveis da atualidade e tem de ser levada muito a sério num futuro próximo.

Além da sua força ofensiva, também a sua defesa impressiona com Alexander-Arnold, Harry Maguire ou Michael Keane a funcionarem como fonte de segurança defensiva.

Terá terminado o azar de Hazard?

Aos 29 anos de idade, o capitão da seleção belga Eden Hazard terá tido uma das mais frustrantes temporadas da sua carreira tendo em vista que chegou ao Real Madrid por quantia avultada e com a responsabilidade de ser um dos comandantes da equipa.

Acontece que uma onda de lesões o tem impedido de afirmar-se no clube da capital espanhola e a sua presença no EURO 2021 estava inclusivamente em risco, sendo que a Bélgica tem uma das equipas mais fortes do momento e era outra das candidatas ao título.

Na companhia de Kevin De Bruyne, Dries Mertens ou Romelu Lukaku, os Diabos Vermelhos formam outra das favoritas à conquista da prova em 2021 com cotações de 6.50 nas principais casas de apostas.

Laranja Mecânica também não terá desgostado do adiamento

A Holanda tem evoluído muito nos últimos anos com uma nova geração de talentos altamente promissora, no entanto, a equipa chegaria ao Campeonato da Europa algo desfalcada na frente de ataque sem o influente e goleador Memphis Depay e uma das novas promessas do futebol holandês, Steven Bergwijn.

Os jogadores de Lyon e Tottenham estão lesionados com o mais jovem dos dois, recentemente ingressado na Premier League, praticamente excluído da possibilidade de recuperar em tempo útil, enquanto Depay ainda tinha as suas hipóteses, mas poderia chegar longe da melhor forma.

A Holanda é outra das forças emergentes do futebol europeu por seleções e está avaliada em 7.50 para vencer o Europeu em 2021 de acordo com a Bet.pt.

Jovens sonhadores recuperaram esperança

Vários jovens jogadores também recuperaram a esperança de estarem no próximo Europeu. Nicolò Zaniolo de apenas 20 anos é um dos mais talentosos médios italianos da atualidade e poderá estar em condições de contribuir daqui por um ano, tal como Marco Asensio do lado espanhol ou até mesmo o nosso conhecido Merih Demiral da Juventus, que contraiu uma rotura de ligamentos que o impediria de alinhar pela Turquia em 2020.

Este leque de 12 jogadores apontados é apenas uma parte dos jogadores que poderão marcar presença no torneio em 2021, mas que dificilmente o conseguiriam em 2020. De qualquer modo, os aqui mencionados são aqueles que me parecem poder ter maior influência nas suas equipas daqui por um ano.

Se gostastes do nosso conteúdo deves se registar em nosso canal oficial no Youtube. Além disso, entra em nossas redes sociais como o Instagram e Twitter para se manteres bem informado.
Um sitio perfeito para receberes tudo do AG é o canal no Telegram. Também no chat podes conversas com mais de 2.500 apostadores ao vivo sobre as melhores apostas. Se estas a procura dos Pros acede também os Tipster Profissionais.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *