Andy Murray vs David Ferrer – Masters Shanghai

Aposta Ganha / Andy Murray vs David Ferrer – Masters Shanghai
Sem categoria

Andy Murray é um tenista britânico de 27 anos, atual número 11 do ranking ATP. Tem 31 títulos, no qual somou o ATP de Shenzhen recentemente, quebrando um jejum que já durava desde Wimbledon ‘2013.

É um jogador que não tem o carinho do público, provavelmente porque não o vemos efusivo nem com grande comunicação para os presentes no court mas tem muitas caraterísticas positivas.

É um jogador muito inteligente, é bastante atlético e mexe-se muito bem em court, conseguindo jogar bem com todas as armas do seu recurso (e utiliza-as com qualidade) e apesar de manter o estilo de fundo do court, defensivo e tentando provocar o erro do oponente, consegue misturar bem o seu jogo, tanto com forehands e backhands longas como excelentes dropshots que por vezes deixam os adversários estáticos.

Está a jogar no seu piso favorito de longe e onde tem melhores resultados, seguidos da relva, onde também se mostra sempre a excelente nível. Usa também muito bem o slice e tal como referi, tanto as suas qualidades técnicas como físicas fazem dele soberbo.

Em termos negativos, é um pouco frágil mentalmente e consegue “desligar-se” do jogo, sendo que também muitas vezes entra mal nos jogos e tem algumas lesões a mais. Venceu Gabashvilli por 2-0 (6-1 e 7-5) e Jerzy Janowicz por 2-0 (7-5 e 6-2).

David Ferrer é um tenista espanhol de 32 anos, neste momento o 5º classificado do ranking mundial. Com 26 troféus na sua vitrine, este ano venceu o ATP de Buenos Aires, sendo que foi 2º classificado em Hamburgo e Cincinnati.

Em termos de jogo, a sua principal caraterística é a incrível resistência, e a sua consistência ao longo do jogo: tipicamente de fundo do court, mexendo-se muito bem em campo e com um grande jogo de return, torna-se um adversário que para vencer é preciso jogar durante todos os pontos a 100% pois ele nunca desiste, mesmo que o resultado seja muito desfavorável.

É bastante atlético, adora sentir o carinho do público (que em Shanghai deverá estar mais do seu lado) e a sua força mental é também uma grande caraterística deste guerreiro.

Negativamente, parece mesmo estar em declínio, pode apenas ser uma má fase mas os últimos resultados são horríveis, tendo perdido por 3-1 para Gilles Simon no US Open, perdido para Viktor Troicki em Shenzhen e perdido para Granollers-Pujol em Tóquio.

No seu 1º jogo teve de batalhar muito frente a Klizan, perdeu o 1º set, Martin teve a servir para fechar o jogo mas o espanhol conseguiu quebrar, venceu o tie-break e ganhou o 3º set para uma vitória suada onde deu 8 break points e se o eslovaco tivesse aproveitado algum dos 4 break points dados pelo 5º classificado mundial no 2º jogo de serviço a história podia ser outra. Posto isto, venceu por 4-6,7-6 e 6-4.

Ferrer está em declínio ou precisa mesmo de descanso. Chegou aqui com 3 derrotas consecutivas e por muita sorte ainda está aqui e também por aselhice do oponente de hoje.

Penso que Murray ganha a Ferrer até de olhos fechados e não me acredito em surpresas, principalmente neste jogo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

CASAS DE APOSTAS
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.