Prognósticos para Apostas Desportivas Online – Aposta Ganha

Apostas em cantos e cartões – Verdade ou Mito?

Hoje trago-vos mais um artigo onde a celeuma passa pelas as apostas em cantos e em cartões.

Muitos desdenham desta “moda” ou tendência como vocês queiram chamar, mas são muitos os apostadores a optarem neste momento pela moda – as apostas em cantos e em cartões. Obviamente para efectuar este tipo de apostas teremos que saber em primeiro que casa de apostas podemos utilizar para fazer estas apostas!

Obviamente que em Portugal temos o nosso mercado regulado, e com isso as odds estão obviamente desajustadas à realidade internacional.

Assim sempre vos chamo à atenção que devem optar SEMPRE pelo nosso mercado regulado, pois só assim estão mais seguros e protegidos pelo nosso regulador SRIJ.

Mas iremos abordar este tema pela vertente geral ou melhor pelo panorama das casas de apostas internacionais.

Começo a abordar este tema pelo seguinte:

  • As apostas em cartões e em cantos não são a mesma coisa que apostar em golos ou em handicaps.
  • As apostas em cartões e cantos não usam a mesma base estatística que o mercado de golos por exemplo.
  • O mercado de cartões depende muito de uma só pessoa, e também do que o jogo se torna, menos ou mais violento – e a pessoa falo do arbitro claramente.
  • O mercado de cantos passa também pelas dinâmicas das equipas, ora na sua vertente ofensiva ora na defensiva. Esta situação é importante para determinar as linhas corretas ou ter a melhor percepção de onde está o valor.

Depois de uma ligeira abordagem vou dividir os dois mercados e depois em género de conclusão irei responder à pergunta – Verdade ou Mito?

Apostas em cantos

Como já abordei aqui anteriormente este mercado depende muito das características ofensivas como defensivas das equipas. O mercado de cantos diria que é muito usado por apostadores que sabem ler muito bem a questão tactica das equipas.

Antigos treinadores percebem quando se usa a “técnica” do canto ou apercebem-se quando é que uma equipa mais ofensiva procura o canto também, por vezes por culpa da aflição do adversário.

Obviamente que neste campo não sou a melhor pessoa para poder estar aqui com “teorias”, mas sei o que aprendi por alguém que gosta deste mercado e que aqui e ali me explica o real valor destes mercados.

Apostar em cantos passa mesmo pelas características das equipas, reparem em alguns exemplos, o Tottenham, é uma equipa de cantos, não é?

Pois não é explicito, mas agora vejam na vossa data base o número de cantos quando jogo o Kane? Sobe, não sobe a média? Belo exemplo que posso vos dar aqui para que percebam porque é que é importante entender este mercado e estar muito atento aos pormenores.

Apostas em cantos

Outro exemplo, este mais velho, lembram-se dos tempos do Benfica do Jorge Jesus, onde o ala era Di Maria? Lembram-se de como a equipa jogava em contra-ataque rápido e muitas das vezes as defesas deitavam a bola para canto? Outro belo exemplo.

Vamos então agora resumir esta questão em específico, a aposta em cantos passa mesmo muito pela análise do comportamento das equipas, com ou sem aquele jogador que poder influenciar os números.

Passa também pela percepção de como as equipas possam encaixar, não é à toa que falei e bem ali atrás, de que os melhores apostadores de cantos e cartões são muitas das vezes ex-treinadores.

Perceber o “encaixe” táctico é importante para o mercado de cantos, ora em Punter ora em Live! Pois é, falei em Live – É verdade apostar em cantos em ao vivo é também uma mais valia, estar a ver o jogo, perceber o que as equipas podem fazer ou reagir, poderão deixar ir a bola mais vezes para canto.

Mais exemplos? Vamos, por exemplo um jogo calmo, parado entra um golo contra a corrente do jogo, a outra equipa vai correr atrás, e se estamos em minutos finais, a equipa que marcou opta sempre por não complicar, e nada melhor que colocar a bola para canto.

Sim, mas tudo depende, da real capacidade da equipa que ataca e aquela que defende! Saber o seu DNA estudar o seu comportamento em várias situações é muito importante para que na hora de aproveitar ali um desajuste da linha de cantos, entrar muitas das vezes acima do par e com um belo Green no fim do jogo.

Oportunidade – Sim esperar pela oportunidade, diria que nos cantos, em Live o “valor” está na oportunidade e saber esperar pelo momento certo para entrar e saber avaliar o desajuste “natural” que a casa oferece em relação a possível probabilidade de acontecer mais cantos.

Na minha opinião, o valor em cantos e aquilo que consigo “trabalhar” melhor é em Live. Em Punter confesso que é muito complicado para mim perceber a linha correta e ver o real valor das linhas que nos oferecem!

Deixo apenas mais um conselho nesta questão, ver jogos, perceber o DNA das equipas e estuda-las e até percebe-las como se comportam em vários “estágios” no jogo é IMPORTANTE para se ter lucro no mercado de cantos sobretudo em LIVE.

Vamos então à conclusão e responder à pergunta – verdade ou mito?

Para mim não é mito algum, mas sim uma verdade – Apostar em cantos é igual como apostar em Overs ou nos mercados de handicaps asiáticos. A questão que vocês já estão a pensar é – E tem-se lucro?

Tem, digo-vos que sim! Sobretudo em Live, pois é aí que a minha experiência vos pode ajudar, ou melhor que a minha opinião tenha uma sustentação forte! Em Live muitas das linhas estão mesmo desajustadas e saber esperar conhecer as equipas e os momentos do jogo dá para extrair muito valor e muitas apostas ganhas.

Estejam atentos aos pormenores que vos indiquei aqui, e antes de experimentar, ponham-se só a “ver” vejam as linhas e depois vejam como é que o jogo após uma situação se “transformou” e percebam o “conceito” que tentei aqui passar para todos vocês!

Não é um Mito, considero que apostar em cantos é uma realidade absoluta, mas claro não é para todos, sobretudo é preciso ter muita paciência e saber quando e como entrar, e claro ver muitos jogos e saber o DNA das equipas!

Apostas em cartões?

Sim, vamos então agora falar do mercado de cartões, eu aqui sou “híbrido” gosto das duas posições – Punter e em Live!

Na posição Punter por vezes com um belo estudo pré jogo consegue-se perceber quando as casas estão enganadas em relação ao número de cartões no jogo. Saber e perceber como é que o arbitro reage ao jogo, ao que o ambiente pode provoca-lo é importante!

Saber se o jogo vai ser durinho ou não, saber se aquele jogador que por norma leva amarelo, tipo Pepe ou Sérgio Ramos ou até Maxi Pereira! Perceber tudo isto perceber a intensidade de um jogo, podemos extrair muito valor nos cartões.

Apostas em cartões

Diria que em comparação ao mercado de cantos, este por norma em Pré Live está mais justo a maior parte das vezes. Percebo por aquilo que as casas de apostas me dizem que também estudam bem as linhas oferecidas e não deixam por vezes muito margem para “Mexer” no jogo – como diríamos por vezes, têm as linhas “Fair”.

Em Live a questão também é outra, quando o jogo começa a ter uma intensidade grande, e quando dois jogadores andam “picados” mais dois cartões estão mesmo aí à porta, somando aquele cartão amarelo da praxe nos minutos finais, diria que temos mais 3 cartões garantidos.

Ao olhar para a linha encontrarmos valor com esta análise e handicap podemos encontrar odds acima do par, obviamente dependendo do minuto a que nos encontramos no jogo.

Mais uma vez estar a ver o jogo, aperceber-nos das situações vai nos dar edge em relação a casa de apostas. Se a linha estiver baixa, e entrarmos e cartões mais altos, quase que por vezes permite até fechar com CashOut.

Na minha opinião e na minha experiência trabalhar o mercado de cartões é algo mais penoso do que os cantos, diria menos linear!

A incerteza é maior diria que é preciso ser mesmo bom neste requisito dos cartões, a questão do arbitro é complicado analisar, porquê? Este não dá conferencias de imprensa, não se sabe como é que ele se vai preparar e abordar o jogo. Se o vai controlar logo no inico ou deixar “rolar” o jogo. O que podemos tirar é só ilações, de como ele por norma age em certos jogos e se o peso do jogo, diria responsabilidade, dá para puxar mais cartões!

Como este será um dos mercados que talvez menos domino, apenas aqui e ali ando em busca destes mercados, e as tantas influenciado por isso, diria que as questões dos mercados de cartões serão para mim mais MITO.

Mito, digo porque não é acessível para todos, é mesmo necessário ser muito astuto e estar por dentro deste mercado para poder trabalha-lo e retirar lucros.

Em género de conclusão – total cantos e cartões coloquei aqui um como Mito e outro como verdade.

Diria que a culpa desta conclusão seja talvez mesmo a minha incapacidade de momento de aproveitar o valor no mercado dos cartões, que considero mais uma vez que não está ao alcance de todos nós!

Já o mercado de cantos, diria que será mais acessível, até porque conseguimos obter mais informações do que os comparando com o mercado de cartões.
Uma verdade e um Mito fiquei “empatado” neste tema tão delicado e por vezes tão abordado no mundo das apostas online.

Peço também aqui logo em baixo para darem as vossas opiniões/experiências nestes mercados e até algumas dúvidas que vos possa surgir após leitura deste artigo.

Por hoje é tudo, até ao próximo artigo e não se esqueçam de nos acompanhar nas redes sociais, assim como no Telegram ApostaGanha, Forum de apostas e no nosso Portal.

Até breve e boa sorte!