ATP Tour Finals terá aliciante de definir nº1 mundial

Aposta Ganha / Destaques do Desporto e das Apostas / ATP Tour Finals terá aliciante de definir nº1 mundial

O grande evento de encerramento da temporada tenística de 2019 irá juntar os oito melhores tenistas da atualidade na O2 Arena, em Londres, durante a próxima semana, e o facto de o mesmo poder definir quem encerra o ano enquanto nº1 mundial será mais um fator de interesse acrescido à competição.

Novak Djokovic chega com a motivação de Paris

Apesar de ter perdido o nº1 do ranking mundial para Rafael Nadal após longo período de domínio, o tenista sérvio não pode dizer que a semana passada lhe tenha corrido mal, afinal venceu o último ATP Masters 1000 do ano, em Paris, de modo autoritário sem ceder qualquer set pelo caminho e jogando um bom nivel de tenis.

ATP Tour Finals

‘Nole’ teve um período complicado a meio da temporada e acabou por permitir uma forte aproximação do ‘Touro de Manacor’ que culminou numa ultrapassagem na semana anterior.

Mas Djokovic mostrou em Paris que continua a ser o melhor tenista da atualidade em piso duro, especialmente indoor, e esse será o cenário do ATP Tour Finals na O2 Arena em Londres.

O tenista sérvio já venceu esta prova de final de temporada em cinco ocasiões na carreira, no entanto, falhou esse título nas últimas três edições, surgindo aqui em 2019 praticamente obrigado a vencer o torneio se quiser encerrar a temporada como nº1 mundial.

De qualquer modo, esse cenário estará sempre dependente do que Rafa Nadal possa, ou não, fazer, pois o espanhol abandonou em Paris devido a um problema abdominal e a sua participação está ainda em questão aqui em Londres.

Caso o espanhol não entre em cena, ou dispute apenas um encontro, Novak Djokovic precisará de vencer duas partidas na Fase de Grupos, e depois garantir uma presença na Final para ascender ao topo do ranking mundial.

Mas caso Nadal se sinta bem e vença pelo menos dois dos seus encontros na fase de grupos, então o sérvio terá mesmo que vencer o torneio pela sexta vez na sua carreira.

Mas se o espanhol vencer todos os seus encontros até à Final garantirá automaticamente a liderança do ranking, independentemente de poder perder a Final para Novak Djokovic.

Bem, tudo isso são suposições que serão respondidas a partir deste Domingo numa prova para a qual Novak Djokovic parte como favorito com cotação de 1.80 na Betclic.

Group Bjorn com maiores pergaminhos

Num torneio dividido em dois grupos de quatro atletas, ao contrário das provas a eliminar ao longo de todo o calendário tenístico, temos um Group Bjorn de alta voltagem com Novak Djokovic e Roger Federer no mesmo grupo, para além dos perigosos e talentosos Dominic Thiem e do estreante Matteo Berrettini.

É certo que tanto Federer como Thiem chegam a Londres sem estarem na melhor das suas formas, no entanto, não deixam de ser autênticos pesos-pesados do ténis mundial que precisam ser respeitados pela concorrência.

Matteo Berrettini será um ‘joker’ neste grupo e a sua capacidade de aceleração de jogo pode ser um problema para os seus adversários.

Djokovic é favorito a vencer o Grupo a 1.35 na Betclic, com Roger Federer a 3.20 e Dominic Thiem a 5.25.

Group Agassi muito mais em aberto

Se no Group Bjorn, Novak Djokovic é claramente favorito com Federer na sombra e os outros dois muito distantes, no Group Agassi temos o favoritismo bem mais repartido.

Neste momento, e tendo em conta as dificuldades de Nadal neste tipo de pisos – nunca venceu este torneio – bem como as suas atuais condicionantes físicas é Daniil Medvedev quem ostenta o estatuto de favorito do grupo com cotação de 2.45 nas principais casas de apostas.

nadal finals

Mas a concorrência está muito próxima com o tenista espanhol e nº1 mundial a 2.70, à frente do atual detentor do ATP Finals Alexander Zverev que negoceia a 4.00 e do jovem promissor grego Stefanos Tsitsipas, a 4.40.

Honestamente, estou mais curioso por acompanhar o desenrolar deste grupo que promete partidas muito mais emocionantes e imprevisíveis com os ‘outsiders’ perfeitamente capazes de surpreender os favoritos.

Sim, o outro grupo também pode encetar surpresas, mas parece-me que a probabilidade de tal suceder é maior no Group Agassi.

Dúvidas em relação a Nadal podem abrir portas

No grupo de Nadal, a expetativa será grande para verificar o atual estado do maiorquino. Se o espanhol abdicar de participar ou desistir após o primeiro encontro, tal pode abrir excelentes hipóteses aos restantes tenistas do grupo.

Por outro lado, o compatriota Roberto Bautista-Agut estará ansioso por saber se será recrutado para substituir Rafa Nadal durante a competição, afinal viajou para Londres onde terá a função de substituto nº1.

No caso de algum tenista ser forçado a abandonar pelas mais diversas razões, será o veterano espanhol de 31 anos a subir ao palco (neste caso court) da magnânima O2 Arena, em Londres.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS LEGAIS
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
4,0 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 100€ euros.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
3,8 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.