A Liga NOS já acabou, e muito já se fala sobre a próxima época, desde da dança dos treinadores até as possíveis contratações das equipas. Claro fala-se também no pior do futebol português, questões financeiras, Desportivo das Aves, Setúbal, isso não trás bom agoiro para o que aí vem.

O BALANÇO DA LIGA NOS EM APOSTAS

Mas o que ainda não foi feito, foi o balanço desta Liga NOS em Apostas, sobretudo tirarmo-nos um panorama do que as apostas nos deram e nos tiraram à nossa banca de apostas.

Claro que no artigo que vos trago hoje, teremos que obrigatoriamente dividir a temporada, em duas partes, não é a obvia primeira volta com a segunda volta, mas sim antes do Covid19 e o retorno com todas as condicionantes que envolveu a volta da Liga NOS na Pandemia.

FASE INICIAL DO CAMPEONATO

Quando todos começam a zeros parece fácil de entender o que vão dar na Liga, sonhos, metas, ambições ao rubro, e é aqui que nós apostadores começamos por olhar para os planteis e alguns jogos de pré-época e perceber o que cada equipa pode alcançar.

A isso chamamos o “Power Ranking” onde colocamos as equipas em vários patamares, mesmo que muitos se assemelhem ou sejam os mesmos, e ficamos com uma ideia mais “justa” de cada equipa(s).

O BALANÇO DA LIGA NOS EM APOSTAS

O BALANÇO DA LIGA NOS EM APOSTAS

Na construção do vosso “Power Ranking” e dando o meu “conselho”, tentem afastar-se das propagandas inicias, que poderão ver, nos jornais e algumas conferencias de imprensa, pois as ambições são sempre mais altas por norma que no final da época.

Podem contar que a maioria diria até 90% das equipas, a manutenção é sempre o principal objetivo, mas se retirarem, Braga, Guimarães, Benfica, Porto e Sporting, o resto luta por isso mesmo, a manutenção o mais cedo possível, os famosos 36 pontos por aí.

Esta base de trabalho é essencial para podermos efetuar as nossas análises, mas eu por exemplo, espero entre 4 a 6 Jornadas, para ter uma ideia, apenas uma ideia, de qual será o comportamento das equipas, nos jogos, fora e em casa.

Os primeiros jogos, nota-se que aqui e ali afinal as equipas não estão a corresponder ao expectável, e muitas das vezes, vamos ter que ajustar o nosso “Power Ranking”, e nas primeiras jornadas, podemos assistir uma ou outra chicotada.

Agora vamos às apostas puras e duras, andar atrás dos grandes nesta primeira fase, pode ser aqui e ali benéfico, foi o caso o Benfica e do Porto, culpa do planteis nada reforçados, mas cheios de ambição com Liga dos Campeões e Liga Europa à mistura. As odds estavam baixas, mas não muito baixas.

Obviamente que equipas começaram logo a destacar-se falamos do Famalicão, que muitos diziam que ia quebrar, mas manteve-se sempre lá em cima, equipa que de certeza deu dinheiro a ganhar a muitos de nós nesta Liga NOS.

EQUIPAS EM DESTAQUE

Famalicão é uma delas, e desculpem o Boavista pela equipa que à priori poderia suscitar duvidas e que afinal foi uma boa equipa para andar atrás para se apostar. Com odds normalmente altas, o Boavista assim como o Famalicão foi das equipas que podemos apostar ou retirar aqui e ali muito valor.

Porto, falemos do FC. Porto que numa primeira volta, Conceição esteve com muitos problemas, mas assegurar bons resultados e com o Benfica a pressionar aos comandos de Lage. Mas, como a história muda as coisas, veremos mais à frente.

Outra equipa como o Braga, aos comandados já de Ruben Amorim, destaca-se também pela positiva, com um futebol agradável e atrativo e ofensivo.

O Braga quase que ganha a todos os Grandes e obvio a cobiça do Ruben surge e de imediato vai para o clube da segunda circular o Sporting Clube de Portugal. Um preço alto que o SCP teve que pagar, para que na altura já se afirmava que era o treinador revelação da época.

Mas muitos ainda olhavam para o treinador do Famalicão que tinha uma equipa cheia de experiência e com o apoio de Jorge Mendes, e que reiterava a opinião de treinadores como Jorge jesus, que só se é campeão com jogadores bons e experientes e não com jovens na sua maioria.

O Benfica, apostou muito na sua “cantera”, depois da venda do jovem jogador, João Félix, pelo preço que foi, julgou-se que seria o “mote” daqui para a frente, o que não foi, e de repente se muda os paradigmas no Benfica por culpa de resultados.

Em género de conclusão deste tópico, Famalicão, Braga é a toada certinha de equipas como o Boavista e o Moreirense assim como o Rio Ave, via-se aqui e ali uma boa estabilidade de oportunidades, não esquecendo a equipa de Ivo Viera que jogo após jogos, com uma equipa regular vinha a dar frutos e dinheiro a nós apostadores.

EFEITO LIGA DOS CAMPEÕES E LIGA EUROPA

O pior dos cenários foi mesmo o Benfica, uma prestação péssima, o que pelos vistos tem sido recorrente e que aqui e ali vinha também a prejudicar o futebol interno praticado.

O FC Porto ia-se safando e podendo afirmar que o “Chip” Europa era melhor que o Chip na Liga NOS. Acredito que no que retrata ao “manter o treinador” a culpa deveu-se muito à Europa, onde os jogos e as prestações eram de um nível bem mais superior ao praticado na Liga NOS.

Liga dos Campeões

No que toca ás apostas, bem quem andou à procura de valor no Benfica, é certo que ficou EV-, mas já no FC. Porto, aqui e ali obtivemos odds “gordas” e penso que quem evitou jogos mais “justos” nas linhas tenha ficado EV+.

Relativamente à Liga Europa, obvio que equipas mais curtas de plantel e de qualidade sofreram com isso, mas destaco o Guimarães mesmo contra equipas inglesas, mostram a sua raça sacando um empate em casa 1-1 com o famoso Arsenal ou “Farsenal”, e na deslocação a Inglaterra, só posso dizer, que jogão! Boas odds em golos aqui neste jogo!

Já o Sporting também surpreende, mesmo com um PSV às costas que acaba por nem se classificar para a fase seguinte, ganha quase todos os jogos. O LASK foi mesmo a supressa deste Grupo.

Quem andou aqui atrás de odds, foi um bom exemplo de EV+, porque o SCP cotava sempre odds altas, pois o futebol praticado e toda a instabilidade não fazia querer ás casas de apostas mais atenção ás odds.

Vamos lá destacar uma vez mais o Braga na Europa, Amorim no seu melhor, coloca um Braga em 1º no grupo, contra equipas como o Wolves, recentes nestas andanças, mas com equipa mais altas a nível de plantel.

A pior e que provavelmente desafio as casas de apostas foi mesmo o Besiktas, que acaba em último do grupo. Mais uma vez o Braga deixou-nos também em EV+, mesmo para aqueles que andavam mais distraídos.

COVID-19 E TUDO MUDOU!

Não vou alongar muito aqui, pois ainda estamos muito frescos do que mudou, e do que as equipas fizeram. As condicionantes e o que isso afetou o rendimento das equipas foi notória e ainda está gravado em nós a mudança que o Covid trouxe às nas nossas apostas.

Vamos falar apenas em apostas, quem continuou a apostar aqui e ali no Famalicão, conseguiu safar-se em EV+. No Braga, não, a saída de Ruben Amorim mexeu e muito com a equipa, e mesmo com Custodio as coisas ainda ficaram piores, e acabou mesmo por sair antes do campeonato acabar.

Método de apostas após Covid19

Por outro lado, equipas destacaram-se em recuperações estrondosas, falo do Portimonense que até ao fim lutou por não descer assim como o Setúbal e como o Marítimo, não esquecendo o Tondela.

O Benfica entra em EV-, as apostas caíam que nem tordos em dias de caça, a equipa não ganhava, nem em casa na Luz, o fim de Lage era já anunciado, e acabou por ser.

Na parte final, com o interino, as coisas voltaram mais perto da normalidade, vencendo o Sporting em casa de Ruben Amorim, e a data e hora na elaboração deste artigo ainda falta saber o desfecho da Taça de Portugal em Coimbra.

Conceição, foi ele, mais os jogadores, os obreiros deste Campeonato e quem andou atrás deles em apostas, acaba “Breack Even”?

Acredito que sim, pois as odds pós Pandemia até ajudaram o FC. Porto. Benfica ajudou à festa, foi certo, mas recuperar num deslize com tão pouco tempo para resolver, é de louvar.

Destacar equipas como o Moreirense, que mesmo não entrando em Lugares Europeus faz jogos brilhantes e chateando até os clubes Grandes.

Por outro lado, o Rio Ave, que quase não falamos deles, e que para mim foi a equipa que não fugiu do nosso “Power Ranking” com Carvalhal no comando, pareceu-me que acabamos em EV+ apostando nesta equipa. No fim o prémio e levar Carvalhal para uma casa que já conhece e bem, o Braga de Salvador.

CONCLUSÃO

Em suma a Liga NOS pós pandemia mexeu com as odds, e quem gosta de apostar em BTTS (Ambas as equipas marcam) e em Over’s teve uma bela surpresa, pois, o mote foi esse, onde tivemos diríamos um campeonato mais aberto.

Falta saber o verdadeiro porquê, fator casa, sem publico, equipas menos bem fisicamente comparadas com as outras? O futuro vai-nos dar essas métricas, acredito que muitos Profissionais de Apostas já estejam a trabalhar nesses números e que em breve saberemos os resultados.

Em suma, a Liga NOS foi boa para apostar, se tivemos a noção de alguns aspetos que aqui referi podemos ter acabado em EV+ nesta Liga. Claro deixem-me por de parte as últimas jornadas, vocês já sabem a minha opinião, sobre o que por norma acontece nelas.

Nestas últimas jornadas um pouco de bom senso e leitura de “mercado” poderiam sair e muito em lucro, bastava perceber as “entre linhas”.

Por hoje é tudo, um artigo diferente e espero que gostem, pois, antes de arrancar com a nova época, temos que “enterrar” a passada. Tudo vai mudar, regras, protagonistas, digamos vai começar tudo do zero, digamos vamos voltar a fazer o nosso “Power Ranking”.

Boa sorte a boas apostas.

 

Gostaste do nosso conteúdo?
Então regista-te no nosso canal do Youtube. Entra nas nossas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter. Ainda tens o nosso Chat no Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Casas de Apostas
Luckia

Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.

Nossa Aposta

Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.

Betclic

Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.

Bet.pt

Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.

Betway

Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.

ESC Online

Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.

Betano

Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.