Bayern Munique vs Barcelona – Liga dos Campeões

Aposta Ganha / Destaques do Desporto e das Apostas / Bayern Munique vs Barcelona – Liga dos Campeões

Liga dos CampeõesO Bayern de Munique é líder do maior campeonato de futebol profissional da Alemanha, vem de uma série de 8 vitórias consecutivas, e já foi declarado campeão, pelo que, certamente, teremos um conjunto plenamente concentrado em chegar o mais longe possível nesta competição.

Em termos de registos, a jogar no seu estádio, no seu campeonato nacional, apenas para comparação e até ao momento, esta equipa soma 12 vitórias, 2 empates e uma derrota, um registo inferior ao do dos jogos efectuados fora do seu estádio, mas que revela que esta equipa é muito equilibrada e que tem conseguido, com muito sucesso, impor o seu futebol e sair vitoriosa, face às demais equipas que compôem o seu campeonato.

Totalizando os golos deste conjunto, nesta prova e até á data, o mesmo tem 89 golos marcados e 14 golos sofridos, que correspondem, respectivamente, ao ataque mais eficaz e à defesa que menos golos permite, o que perfaz a melhor diferença de golos, desta prova.

Tacticamente, esta equipa joga num 4-5-1, que pode ser descrito, na horizontal e a pormenor, como um 4-2-3-1, que tem em Thomas Müller o melhor marcador da equipa, nas competições europeias e até ao momento, com 5 golos marcados em 10 jogos disputados, o que perfaz 0,5 golos por jogo e 22% do total de golos, deste conjunto.

Em termos de ausências, Badstuber e Tony Kroos estão lesionados e Mandzukic está suspenso, pelo que estas 3 deverão ser as únicas ausências para o treinador, nesta partida.

É também de referir que este lote de 3 jogadores certamente indisponíveis soma, no campeonato nacional, 57 jogos disputados e 21 golos marcados, pelo que será de esperar que estas ausências se façam sentir, sobretudo no meio-campo e no ataque, desta equipa.

Onze provável do Bayern de Munique: Manuel Neuer, Philipp Lahm, Daniel van Buyten, Dante, David Alaba, Bastian Schweinsteiger, Javi Martinez, Thomas Mueller, Franck Ribery, Arjen Robben e Mario Gomez

O Barcelona é líder do maior campeonato de futebol profissional de Espanha e vem de uma série de duas vitórias consecutivas, não perdendo à 8 jogos, o que revela o bom momento de forma desta equipa, neste momento.

Em termos de registos, a jogar fora do seu estádio, no seu campeonato nacional, apenas para comparação e até ao momento, esta equipa soma 12 vitórias, 2 empates e duas derrotas, um registo inferior ao do dos jogos efectuados no seu estádio, mas que ainda assim revela que esta equipa é equilibrada e que tem conseguido, com bastante sucesso, impor o seu futebol e sair vitoriosa, face às demais equipas que compôem esta prova.

Totalizando os golos deste conjunto, neste campeonato e até ao momento, o mesmo tem 99 golos marcados e 33 golos sofridos, que correspondem, respectivamente, ao ataque mais eficaz e à 3ª defesa que menos golos permite, o que perfaz a melhor diferença de golos, deste campeonato.

Tacticamente, este conjunto joga num 4-3-3, que tem em Leonel Messi o melhor marcador da equipa e um dos 2ºs melhores marcadores da Liga dos Campeões, até ao momento, com 8 golos marcados em 10 jogos disputados, o que perfaz 0,8 golos por jogo e 44% do total de golos, deste conjunto.

Em termos de ausências, Puyol e Mascherano estão lesionados e Adriano está suspenso, pelo que os 3 não poderão ser opções para o treinador, num jogo onde Pinto e Messi estarão recuperados das respectivas lesões.

É também de referir que o lote de 3 jogadores certamente indisponíveis soma, neste campeonato, 54 jogos disputados, e 8 golos marcados, pelo que estas ausências se farão sentir, sobretudo na defesa desta equipa.

Onze provável do Barcelona: Victor Valdes, Dani Alves, Gerard Pique, Eric Abidal, Jordi Alba, Xavi, Sergio Busquets, Andres Iniesta, Alexis Sanchez, Lionel Messi e David Villa

É esperada uma temperatura a rondar os 14 graus, à hora do jogo, com algumas possibilidades de chuva e com uma sensação térmica de, também, 14 graus, o que, certamente, ajudará a manter os níveis físicos dos jogadores, durante toda a partida, e portanto, também os níveis de espectacularidade deste jogo a contar para a 1ª mão das meias de final da Liga dos Campeões sairão beneficiados.

Em confronto teremos, então, o líder do campeonato alemão contra o líder do campeonato espanhol, pelo que, desde logo, o favoritismo para vencer este encontro está, pela primeira vez nesta Liga dos Campeões, contra a equipa do Barcelona, pois aparte esta mesma, a equipa de Munique parece ser uma das principais candidatas ao título europeu, estando num excelente momento de forma, algo que os espanhóis, ultimamente, não têm vindo a demonstrar.

Em termos de comparação táctica, teremos a equipa da casa a jogar num 4-5-1, ao passo que a equipa visitante actuará num 4-3-3, e visto que os dois esquemas tácticos se equivalem, pela descida ou subida da linha de alas ou extremos destas duas equipas, faz com que seja de prever um equilibrio posicional e numérico de jogadores a meio-campo, o que deixará os desiquilibrios do jogo para os planos físicos, técnicos, de eficácia ofensiva, capacidade de criação de linhas de passe, de desmarcações, da eficácia na conversão dos lances de bola parada e da velocidade das transições, onde, na minha opinião, teremos duas das 3 equipas mais completas e talvez mesmo as duas melhores equipas a executar e praticar os ditos planos.

Este será, sem dúvida, um dos grandes jogos do ano, em que duas equipas com mentalidade, posturas e abordagens aos seus jogos completamente diferentes, ou seja, teremos em campo duas equipas com filosofias de jogo completamente opostas.

Do lado da equipa espanhola, uma equipa que é conhecida pelo famoso ‘Tiki-Taka’, uma posse de bola mentalmente muito dificil de gerir para os seus adversários, que tenta contornar e adormecer o seu adversário, para, através da circulação eficiente da bola e usando mudanças de velocidade, conseguir surpreender as defensivas adversárias.

Do lado da casa, temos uma equipa mais ‘tradicional’, muito forte, também, na posse de bola e circulação da mesma, mas, na minha opinião, muito mais forte no ataque posicional, nas mudanças de velocidade e nas velocidades das transições, onde os seus alas possuem muito bons dotes, quer defensivos, quer ofensivos, o que faz com que este seja, até ver, um jogo bastante equilibrado.

Consigo adivinhar que teremos uma equipa do Bayern muito mais pragmática, na medida em que tentará usar o seu excelente poder de retirar a bola ao adversário nos momentos em que não possui a mesma e que tentará, quando possuir a bola, circular a mesma, fazendo a equipa do Barcelona subir no terreno para depois, através dos lançamentos compridos, tentar apanhar a defesa do mais provável campeão espanhol em contra pé.

Existe também o facto de que teremos uma defesa do Barcelona bastante debilitada, com a ausência de Puyol e Mascherano e a suspensão de Adriano, o que, certamente, irá debilitar esta equipa e a impedirá de conferir maior confiança aos seus avançados, nesta partida, fazendo com que, na minha opinião, iremos ter um jogo muito parecido com o que foi o frente ao AC de Milão, em Milão, onde o Barcelona, pelas suas debilidades defensivas, viu-se numa situação onde os seus avançados, tendo que defender muito, praticamente não conseguiam atacar com eficácia.

Já do lado da equipa da casa, teremos, certamente, uma equipa muito mais tranquila e que, em frente aos seus adeptos, tentará levar uma bagagem confortável para o jogo da segunda mão, sabendo de ante-mão que tem um meio-campo capaz de parar e rivalizar com o da equipa espanhola, mas que terá que, rapidamente, ultrapassar esse mesmo, usando a velocidade dos seus extremos e a sua muito boa capacidade de usar diagonais para encontrar linhas de passe, para puder ameaçar a baliza contrária.

Prevejo também um jogo onde a equipa visitante não conseguirá, pela primeira vez, obter uma margem de posse de bola na ordem dos 70%, algo que é comum nos seus jogos, e onde veremos um equilibrio neste campo, que, com a maior taxa e rapidez de penetração do ataque alemão, farão com que tenhamos um jogo que poderá ser muito mais perigoso deste lado e, também, um jogo que se passará muito mais no meio-campo espanhol.

Assim sendo e tendo em conta todos estes planos, assim como o facto de Arjen Robben e Mario Gomez, dois dos principais candidatos a serem titulares neste jogo, só terem jogado 45 minutos, ou menos, na última partida, fazem com que a minha aposta principal, nesta partida, recaia no mercado de Handicaps, pois adivinho um jogo onde a diferença de golos será superior à mínima, para a equipa alemã.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
3,5 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 100€ euros.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
4,0 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.