Benfica e FC Porto contra as “forças do Minho”

Aposta Ganha / Destaques do Desporto e das Apostas / Benfica e FC Porto contra as “forças do Minho”

Uma grande jornada da Liga NOS que desafia a força do futebol do Minho em grande neste arranque do campeonato. O FC Porto sentiu isso na jornada inaugural contra o “onze-galo” do Gil Vicente de Vítor Oliveira e agora vai defrontar, no Dragão, um onze motivado pelo sucesso europeu, o V. Guimarães de Ivo Vieira.

Este factor da “factura física europeia” é algo importante para ter como factor de análise na antevisão aos dois jogos de FC Porto e Benfica pois ambos irão defrontar equipas após jogos europeus de grande intensidade três dias antes.

O Braga recebe o Benfica depois da “epopeia vencedora” em Moscovo.

 

braga-europa

O Vitória enfrenta o FC Porto depois do triunfo sofrido no resultado (1-0) mas folgado numa exibição fantástica sobre o Steaua Bucareste.

Não acredito, porém, num Vitória de estratégia defensiva no Dragão, diferente daquele que tem surgido nos últimos jogos.

É natural que Ivo Vieira faça algumas alterações no onze, sobretudo para tornar o jogo interior do meio-campo mais robusto em termos de coberturas e contenção, preparando o embate com esse espaço de intensidade e pressão alta com qualidade do FC Porto, onde Uribe entrou com grande autoridade para uma posição á frente do pivot-trinco Danilo, e ambos “comem” a zona intermediária do relvado.

Será, também, um jogo importante para avaliar um jogador que tem sido, na minha opinião, uma das grandes revelações deste inicio da época: o trinco vimaranense líbio Al Musrati, muito forte fisicamente e com facilidade a sair da pressão para fazer circular a bola de flanco para flanco no inicio de construção, assustando antes qualquer adversário pela sua dimensão física.

Embalado pela vitória na Luz, o FC Porto renasceu mentalmente.

Sobretudo porque foi uma vitória incontestável sem ter mudado nada na sua forma de jogar ou sistema habitual. Ganhou com o seus princípios de jogo e não por nenhuma estratégia especifica para esse jogo.

Isso demonstra personalidade e uma base de crescimento na época muito mais sólida após um inicio muito difícil (com o embate da eliminação precoce da Liga dos Campeões).

porto cabeça

A questão física vimaranense pode-se notar mais no decorrer do jogo e, assim ser forçada (mais por incapacidade atlética do que por opção estratégica) a baixar o bloco e tentar mais jogar em contra-ataque.

Tem jogadores para diferentes variantes do seu sistema (entre o 4x2x3x1 e o 4x3x3) mas em ambos os casos, com capacidade para perceberem bem o que jogo exige tacticamente.

A hora de Taarabt contra a “horta do Braga”?

O Benfica procura em Braga regenerar-se mentalmente e tacticamente no plano exibicional da derrota contra o FC Porto.

Não acredito que Bruno Lage mude o sistema, mas fará, certamente, algumas alterações no onze.

Onde aposto mais que isso suceda é no mais debatido local de segundo-avançado que está a ser ocupado por Raul de Tomas.

Não é a sua posição, pois ele é um nº9 puro de remate e mobilidade e tem mais dificuldade em elaborar desde trás entrelinhas.

O jogo com o Sporting na Super-Taça criou a ilusão contrária. Agora, como os adversários já sabem dessa opção de Lage, já se prepararam para o controlar.

Por isso, aposto que nessa posição possa surgir Tarabt. Dos jogadores ao dispor de Lage é o que, neste momento, pode fazer melhor essa opção e sendo este jogador uma aposta pessoal de recuperarão do treinador, pode ser ele também agora a lhe corresponder a essa confiança no seu momento mais difícil no banco encamado.

Pode até a dupla ser Taarabat-Tomas (saindo Seferovic). O que não vejo, como opção consistente para a época, é Raul de Tomas como espécie de nº9,5 (como foram no passado Jonas ou Félix que criaram essa forma de jogar, ou ocupar esse espaço, com especificidade no jogo benfiquista).

No Braga, Sá Pinto tem o problema dos centrais lesionados e deve fazer alterações no meio-campo. Talvez Novais por Fransérgio.

Na frente, Galeno no lugar de Wilson Eduardo (lesionado) e Hassan a nº9 em vez de Paulinho.

No resto, é esperar a criatividade de bom futebol dos irmãos-Horta, com André Horta como cérebro da equipa desde trás e Ricardo Horta transformado em goleador vindo da faixa esquerda.

Os “líderes” Sporting e Famalicão

Mas, quem está na liderança do campeonato, não é, no entanto, nenhuma destas equipas. É o sensacional Famalicão (que vai jogar nas Aves) e o Sporting de Kaizer, mesmo atravessando uma fase difícil e sem saber verdeiramente com que jogadores-onze vai contar no decorrer da época.

O Famalicão tem uma excelente equipa no plano da ideia de jogo pensada por um treinador estreante, João Pedro (ex-adjunto de Marco Silva).

Atenção ao pivot Assunção (filho de Paulo Assunção que jogou no FC Porto), jogando a pivot nº6, a Guga, um médio que sai a jogar e, na frente, Fábio Martins que aparece sempre muito bem, vindo da faixa esquerda, para decidir no passe ou remate.

O Rio Ave de Carvalhal que vai jogar a Alvalade ainda está em construção mas já tem referência fixas vindas da época passada, agora mais potenciadas, como o rápido avançado-extremo Nuno Santos.

No ataque, Taremi, o iraniano que fez três golos na estreia, só surpreendeu quem não o conhecia, embora no Irão jogasse mais descido para uma faixa.

Com espaço e liberdade de movimento pode ser um perigo para o Sporting em Alvalade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS LEGAIS
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
4,0 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 100€ euros.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
3,8 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.