Caótico calendário ciclístico sobrepõe Giro e Vuelta em 2020

Aposta Ganha / Destaques do Desporto e das Apostas / Caótico calendário ciclístico sobrepõe Giro e Vuelta em 2020

A União Ciclística Internacional anunciou no dia de ontem o calendário para o restante da temporada de 2020 que deverá recomeçar a 01 de Agosto e estender-se até 08 de Novembro em pouco mais de três meses frenéticos de ciclismo.

GIRO E VUELTA COINCIDIRÃO DURANTE 6 DIAS!

A Volta a Itália costuma ser a primeira grande volta do calendário enquanto a Volta a Espanha costuma fechar as hostilidades no mês de Setembro, mas a paragem nas provas desde Março originou uma sobrelotação de importantes competições no calendário que agora irá originar um fenómeno estranho.

Caótico calendário ciclístico sobrepõe Giro e Vuelta em 2020

Duas das Grandes Voltas do Ciclismo Mundial irão decorrer em simultâneo durante seis dias entre 20 e 25 de Outubro impossibilitando assim que equipas utilizem os mesmos ciclistas nas duas provas. E com a Volta a França – prova mais importante do calendário – agendada entre 29 de Agosto e 20 de Setembro, o tempo entre o Tour e o Giro – que se inicia a a 03 de Outubro – será igualmente diminuto pelo que será a prova italiana a mais prejudicada por este calendário.

Ora, com a Vuelta a iniciar-se precisamente um mês depois do final do Tour de France será possível que muitos ciclistas de topo recuperem de uma para estarem presentes na outra durante esse período.

A organização da Volta a Itália já mostrou o seu desagrado por ter ficado ‘ensanduichada’ entre duas Grandes Voltas, mas tudo indica que o calendário não irá sofrer mais alterações, afinal, as equipas precisam de redefinir as suas estratégias e planeamento de treinos com vista ao novo calendário e é importante que o mesmo não sofra mais alterações.

ESPECIALISTAS EM MONUMENTOS TERÃO DE ABDICAR DE GIRO E VUELTA

Também os ciclistas mais talhados para as famosas clássicas de um dia deverão passar à frente as Voltas a Itália e Espanha tendo em conta que quatro dos cinco ‘Monumentos’ do calendário coincidirão com as datas das duas grandes voltas.

Assim, algumas estrelas como Peter Sagan, Philippe Gilbert, Julian Alaphilippe ou Mathieu van der Poel devem optar pelas clássicas onde geralmente conseguem deixar a sua marca, sendo que ainda assim poderão figurar na Volta a França como forma de preparação para esses eventos.

O Paris-Roubaix que é provavelmente a Clássica mais famosa do mundo pelas suas características que leva os ciclistas para o empedrado (Pavê) gaulês num verdadeiro inferno do qual poucos conseguem sair com sucesso, irá curiosamente acontecer a 25 de Outubro, data em que se corre o último dia do Giro e o sexto da Vuelta, ou seja, será um Domingo absolutamente frenético para todos os fãs do ciclismo.

Ver três corridas de enorme mediatismo no mesmo dia será certamente um fenómeno nunca visto no ciclismo mundial e que irá obrigar as transmissões televisivas a algum contorcionismo, nomeadamente ao nível dos horários das corridas por forma a poder potenciar transmissões em direto das três corridas.

EQUIPAS DE TOPO TERÃO VIDA MAIS FACILITADA

Olhando a este frenético calendário parece evidente que as grandes equipas do pelotão como a Team-Ineos ou a Jumbo Vysma terão vantagem por ter vários ciclistas de grandes voltas nas suas fileiras, podendo assim ‘atacar’ todas as três maiores provas do ano com verdadeiras ambições de vencer.

A Team-Ineos, por exemplo, terá Chris Froome, Egan Bernal, Geraint Thomas e Richard Carapaz como chefes de fila pelo que poderá levar um a cada uma das Grandes Voltas e ainda colocar outro como reserva na Volta a França, por exemplo.

Também a Jumbo Vysma se reforçou no sentido de ser ainda mais forte este ano e contará com Primoz Roglic, Tom Dumoulin, Steven Kruijswijk e George Bennett como armas para atacar as três Grandes Voltas no louco período entre 01 de Agosto e 08 de Novembro. Por outro lado, equipas com menores argumentos financeiros e, consequentemente menos opções para vencer provas de três semanas terão de optar e selecionar os seus trunfos para uma prova em particular.

Esse pode ser o caso da Trek-Segafredo que deve apostar forte na Volta a Itália com o veterano Vincenzo Nibali ao passo que a Bahrain-Mclaren também pode selecionar Mikel Landa para a Volta a Espanha, por exemplo.

Todas estas decisões serão tomadas num curto espaço de tempo, sendo ainda de notar que os ciclistas não vão ter tempo para fazer a habitual preparação para os seus objetivos pelo que terão de fazer opções: será que preferem competir nas poucas provas que terão até uma das Grandes Voltas, ou irão privilegiar os habituais estágios em altitude?

Tudo isto serão interessantes perguntas que terão resposta nas próximas semanas.

 

Gostastes do nosso conteúdo? então regista-te no nosso canal oficial no Youtube. Além disso, entra em nossas redes sociais como o Instagram e Twitter para se manteres bem informado.

Um sitio perfeito para receberes tudo do AG é o canal no Telegram. Também no chat podes conversar com mais de 2.500 apostadores ao vivo sobre as melhores apostas. Se estas a procura dos Pros acede também os Tipster Profissionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS LEGAIS
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
4,0 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 100€ euros.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
3,8 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.