Prognósticos para Apostas Desportivas Online – Aposta Ganha

Citizens de Pep Guardiola a caminho de Triplete doméstico

O Manchester City pode conquistar já este sábado o seu terceiro troféu doméstico da temporada, juntando assim o título da FA Cup à Premier League e à Taça da Liga EFL. Pela frente, os Citizens terão o surpreendente Watford.

Manchester City: Uma temporada quase perfeita

Se o Manchester City confirmar o seu favoritismo na Final da Taça de Inglaterra e erguer o seu terceiro troféu da temporada 2018/19 poderemos dizer que se trata de uma temporada quase perfeita.

Na verdade, aquele que seria o seu maior objetivo acabou por ser o único falhanço numa campanha quase imaculada. Estou a falar da Liga dos Campeões onde um aguerrido Tottenham acabou por causar dissabores ao campeão inglês num final de partida absolutamente dramático no Etihad Stadium.

Citizens de Pep Guardiola a caminho de Triplete doméstico

Quem não se lembra dos festejos de toda a equipa do Manchester City após o golo tardio de Raheem Sterling que os colocava nas Meias-Finais. Pois bem, a tecnologia VAR chegou para dar maior credibilidade e verdade desportiva ao Futebol, e foi isso que fez ao invalidar o golo por fora-de-jogo de Sergio Aguero no início da jogada.

Desse modo, os corações de jogadores, staff e adeptos dos Citizens foram despedaçados, porém rapidamente reconstruídos após a conquista do bicampeonato inglês após uma luta extraordinária com o Liverpool até à derradeira jornada de competição.

Agora, com dois títulos no bolso e outro no horizonte, o Manchester City de Pep Guardiola aponta baterias a Wembley este Sábado, onde irá enfrentar um Watford em baixo de forma, em busca de um memorável Triplete que confirmará o domínio interno da equipa de Manchester ao longo da presente temporada em Inglaterra.f

Para este embate, o Manchester City é destacadamente favorito com cotações de somente 1.17 na Betclic para vencer no Tempo Regulamentar.

A excelência da sua temporada e a moral adquirida com a conquista do Campeonato Inglês ajudou a criar ainda maior discrepância nas cotações para este evento e, na verdade seria uma grande surpresa se víssemos os Citizens deixarem fugir este título.

Watford termina temporada em marcha-atrás

Se o Manchester City encerrou a sua campanha na Premier League com uma espantosa sequência de vitórias, o mesmo não podemos dizer do seu adversário que não venceu qualquer das últimas quatro partidas na competição.

Os Hornets chegaram à Jornada 35 com legítimas expectativas de terminarem na 7ª posição da Liga, no entanto um final desastroso que culminou num empate e em três derrotas consecutivas originaram uma séria queda na tabela até à 11ª posição, ou seja, para baixo de meio da tabela.

watford

Apesar de nunca terem estado em perigo de despromoção e os seus objetivos terem sempre passado mais por figurarem na primeira metade da tabela, a verdade é que esta quebra na derradeira fase do Campeonato deixou alguns sinais de alerta para a formação de Javi Gracia.

Agora, este será provavelmente um dos jogos mais importantes da história do clube, pois um triunfo sobre o Manchester City vale um troféu de grande magnitude no panorama do futebol inglês e em especial para um clube modesto como o Watford.

Naturalmente, o Watford surge como claro ‘outsider’ neste embate com cotações de 11.00 para vencerem em Tempo Regulamentar na Esc Online.

Argumentos de sobra no ataque

Apesar de não ter tido o melhor marcador da Premier League – na verdade tivemos um empate entre Pierre-Emerick Aubameyang, Mohamed Salah e Sadio Mane – o Manchester City teve vários jogadores que contribuíram ativamente em termos ofensivos ao longo da temporada.

Sergio Aguero foi o destaque com 21 golos marcados – apenas a um do trio de vencedores da liga – ao passo que o extremo inglês Raheem Sterling também brilhou a alto nível ao apontar 17 golos.

Para além deles, muitos outros marcaram e assistiram regularmente nas competições em que o clube esteve inserido, de onde se destacam Leroy Sane com 10 golos e 10 assistências na Liga, apesar de ter concluído a época como suplente, ou Bernardo Silva que contribuiu com 7 golos e 7 assistências.

aguero city

Riyad Mahrez, Gabriel Jesus, Kevin De Bruyne ou David Silva são apenas mais algumas armas ofensivas desta portentosa equipa que dificilmente pode ser travada ao longo de uma partida de 90 minutos.

Sim, o Tottenham conseguiu vencê-los por 1-0 na primeira mão dos Quartos de Final da Liga dos Campeões, no entanto Hugo Lloris brilhou a grande altura com um bom punhado de defesas de onde se destaca uma Grande Penalidade que negou a Sergio Aguero ainda no primeiro tempo.

Deste modo, podemos concluir que será necessário algo muito especial por parte de um adversário ou uma tarde/noite muito desinspirada por parte dos Citizens para os vermos ficar em branco em qualquer partida, independentemente do adversário em questão.

Hornets também têm as suas armas

Apesar de terem argumentos manifestamente inferiores ao do seu rival nesta Final de Taça, o Watford não deixa de ter algumas armas ofensivas que tentarão causar dissabores a uma defesa dos Citizens que terminou a temporada em muito bom nível.

O talentoso atacante espanhol ex-Barcelona Gerard Deloufeu foi o grande destaque da equipa dos Hornets esta temporada, apontando 10 golos na Liga Inglesa e confirmando finalmente todo o seu potencial que nunca conseguiu mostrar em Camp Nou.

delofeu

Troy Deeney é outro dos trunfos da equipa. O veterano atacante inglês vale sobretudo pela sua força física e capacidade de amassar as defesas contrárias, abrindo por vezes espaço para o surgimento de jogadores rápidos como Deloufeu ou Roberto Pereyra para tirarem partido desse trabalho de sapa.

Ainda assim, Deeney terminou o Campeonato Inglês com nove golos mostrando que continua a ser uma opção válida no ataque da equipa, apesar dos seus 30 anos de idade que já não lhe permitem ser tão agressivo e intenso durante 90 minutos.

Este Watford não é de se ficar

A formação de Javi Gracia foi a 9ª mais eficiente em termos ofensivos na Premier League, no entanto a sua componente defensiva deixou a desejar ao consentir mais sete golos do que aqueles que a equipa marcou.

Deste modo, podemos verificar que a formação dos Hornets dificilmente poderá travar o ataque dos Citizens, porém parece ter condições de pelo menos furar as redes à guarda de Ederson Moraes durante este embate.

Nos dois embates entre as equipas durante a Liga Inglesa registaram-se dois triunfos do Manchester City – 1-2 no Vicarage Road e 3-1 no Etihad – pelo que encontramos aqui um padrão que pode ser interessante de seguir nesta final.

gracia watford

Neste momento, a Bet pt paga 1.88 por uma partida onde Ambas as Equipas Marquem golos, e partindo do princípio de que a resistência defensiva dos Hornets tenderá a durar pouco tempo, então é natural que o Watford saia para o jogo relativamente cedo abrindo assim aso a termos uma partida com vários golos que o City deverá vencer, mas consentindo pelo menos uma vez.

Indo um pouco mais longe nesta ideia de jogo, podemos olhar ao mercado combinado Resultado/Mais de 3.5 Golos com relativo interesse. Um triunfo do Manchester City numa partida com pelo menos quatro golos pode oferecer-nos 2.50 na Betano pelo que representa uma aposta de indesmentível valor nesta partida.

Pep Guardiola é um fenómeno de competência e popularidade

Já poucos duvidam das extraordinárias capacidades de Pep Guardiola como treinador depois de ter obtido sucesso no Barcelona, Bayern de Munique e agora também no Manchester City.

E se é verdade que tem falhado a conquista da Liga dos Campeões nos seus últimos dois projetos, também é verdade que o seu domínio interno tanto na Bundesliga como na Premier League tem sido verdadeiramente notável e digno de registo.

Foi com naturalidade que o técnico catalão recebeu o prémio de Treinador do Ano em Inglaterra, já que venceu todas as competições já finalizadas e se prepara para vencer mais uma este fim-de-semana.

O seu percurso como treinador tem tido efetivamente essa pedra no sapato que diz respeito aos sucessivos falhanços na Liga dos Campeões desde a sua saída do Barcelona, no entanto a forma como coloca as suas equipas a jogar leva-me a crer que esse sucesso estará mais perto do que longe de acontecer.

Além disso, a sua personalidade também reúne adeptos um pouco por todo o planeta. A sua bem-disposta forma de lidar com imprensa, jogadores e staff técnico causa boa impressão nesses mesmos intervenientes e também na opinião pública.

Por outro lado, esta boa ligação que constrói com os seus jogadores reflete-se em campo com toda a sua equipa a remar para o mesmo lado, ao invés de vermos algumas estrelas desejarem assumir o protagonismo por si só.

Tudo indica que Guardiola irá permanecer no clube por mais um ano, apesar do alegado interesse da Juventus, e isso certamente desagradará às restantes formações da Premier League que assim veem as suas chances de conquista do título serem substancialmente reduzidas, tal tem sido o nível apresentado pelo Manchester City sob o leme de Pep Guardiola.

Telegram ApostaGANHA
50€ de Bónus
50€ de Bónus
20€ de Bónus
Freebet de 10€