Prognósticos para Apostas Desportivas Online - Aposta Ganha

Prognostico Denis Istomin v Kevin Kim – Indianapolis

TIPSTER
95
-30
-31.58 %
UNIDADES INVESTIDAS
SALDO
ROI

Primeira ronda do torneio ATP 250, Indianapolis, onde teremos Denis Istomin, 68º do ranking ATP frente a Kevin Kim, 78º.

Denis Istomin, jogador de 22 anos. Istomin encontra-se actualmente na melhor posição da sua carreira, o 68º lugar. Denis divide a sua carreira pela terra batida e pelo piso duro, mas foi no piso duro que conquistou os seus 10 torneios, apresentando assim um record de carreira de 109-57.

Istomin tem vindo a jogar em vários pisos confirme o decorrer da presente época, jogando apenas os dois primeiros meses em piso duro. Sempre tentando participar ou participando dos principais torneios do circuito ATP, este jogador nunca caiu no seu primeiro encontro de torneio, estacando a sua vitória sobre Vincent Spadea (82º) no Australian Open em 3-0. Istomin nunca caiu na primeira ronda, porém, sempre perdeu na segunda.

Istomin é claramente um jogador em evolução, ainda é jovem e tende a surpreender, como aconteceu nos últimos torneios em que participou, estes no piso de relva.
No torneio de London, bateu Ivo Minar (77º) e perdeu de seguida para Feliciano Lopez, onde foi batido por perder os dois tie-breaks do encontro, tendo este ido a um terceiro set. Seguiu-se o Eastbourne e este derruba Kevin Kim (86º), Sam Querrey (46º) e só Dmitry Tursunov não o permitiu sonhar com as semifinais…

Em Wimbledon Istomin retirou-se, fazendo então o seu ultimo jogo antes de Indianapolis no torneio de Bastad, onde perder para um Crivoi na primeira ronda.
Com uma boa estatura para o ténis, Istomin tem um jogo muito equivalente aos restantes “gigantes” do circuito, usando muito shots em força e movimentando-se com uma certa facilidade em court.

O seu registo de tie-breaks disputados encontra-se em 11-8.

Kevin Kim, jogador de 31 anos que já conta com 12 como profissional. Kim alcançou a sua melhor marca em 2005, ao estar no 63º posto. Como americano que é, a sua especialidade é o piso duro, contando já com um registo de carreira em 263-223.

Kim costuma estar presente em muitos Challengers, jogando muito pelo seguro (jogando sempre em piso duro…), não se deixando influenciar com as mudanças do circuito principal quanto a pisos. Sem muito a dizer deste jogador, que tem como melhor torneio o Challenger de Carson, em Janeiro, onde chegou às semifinais sendo derrotado por Scoville Jenkins em (6-3) (6-3).

Quanto ao presente, a sua “melhor” fase foi num torneio em terra-batida, mas onde chegou às semifinais por bater Lester Cook (317º), Christopher Klingermann (567º) e

Fritz Wolmarans (764º), vendo-se perante Alex Kuznetsov (517º), perde em 3 sets. Depois desta derrota seguem-se 4 consecutivas, frente a Robin Soderling (25º), Denis Istomin (79º), David Ferrer (21º) e Cristian Villagran (Sem informação mas abaixo do 200º posto).

É então em Newport (Relva) que volta a vencer, perante Sebastien Grosjean (950º) e Daniel Brands (116º), perdendo seguidamente para Sam Querrey…
Antes de Indianapolis o americano participou do Challenger de Aptos, onde sendo 1º cabeça de série foi derrotado em (7-5) (6-3) por Takao Suzuki (351º) jogador vindo da qualificação.

Kevin é um jogador algo baixo mas ainda assim apresenta uma boa mobilidade, sendo muito activo em court e sem duvida que a sua experiência e técnica em piso duro o tornam sempre favotiro aos troféus de Challengers, no seu país.

O seu registo de tie-breaks disputados encontra-se em 7-4.

Estes dois jogadores defrontaram-se em 2008 num Challenger, onde Kevin Kim venceu por (3-6) (7-6) (6-1). Na presente época deu-se o seu segundo encontro, onde em Eastbourne, Istomin levou a melhor em (7-6) (7-5).

Conclusão: Um encontro entre dois jogadores peritos neste piso. Dum lado temos um jovem jogador em ascensão e do outro um jogador com muita experiência mas que ainda assim nunca conseguiu ser um grande no circuito. Penso que este facto se nota pela presente época… Kevin Kim não sai dos Challengers no seu país, não se atreve por circuitos principais, se um jogador não consegue derrubar os melhores dos melhores e tenta ao fim de tantos anos sempre ganhar pontos a derrubar 500ºs e 300ºs não vai muito longe, porque mesmo que chegue a um bom posto, não se conseguirá manter.

Um jogador tão experiente que parece que quanto mais joga, pior fica o seu nível de ténis… Kevin Kim teve um bom inicio de época, era dos meus favoritos nos Challengers quando se falava em piso duro, mas não o conseguiu provar simplesmente, acontecem derrotas perante jogadores “medíocres” para o seu nível, e depois as suas vitórias contra jogadores também de tal calibre… e quando se vê perante um 68º por exemplo como Istomin, quebra e lá recomeça a sua sequencia de derrotas consecutivas. Eu tinha esperança neste jogador mas agora não há nada a fazer, Kevin Kim só ganhará este encontro se realmente a sua forma deste jogo em diante mudar, pois o que tenho visto é um Kim sem soluções, sem ténis.

Istomin ao contrário do seu adversário, e ainda mais de sublinhar por ser jovem, não se concentra assim tanto em Challengers, fazendo questão de defrontar os melhores dos melhores e até se tem saído bem para o seu nível de ténis. É a melhor opção para se evoluir como jogador e agora nesta fase da época, sem duvida que está feito mais jogador que Kevin Kim, e voltando ao seu piso de eleição, é esperado que arrase novamente na sua primeira ronda. Não sei como Kevin vai conseguir responder ao serviço do seu adversário, penso que terá bastantes problemas e a partir daí veremos um Kim nada inspirado, um Kim dos últimos torneios…

Prognóstico para ApostasQuotaUn.CasaEstado
Denis Istomin
1.83
5
Betfairganha

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *