Apostas Online em Portugal – Aposta Ganha

Djokovic vence a ATP Cup e é favorito no Open da Austrália

O novo torneio do circuito ATP – num formato diferente e por seleções – trouxe vários momentos de grande emoção durante cerca de duas semanas e no fim foi a Sérvia a celebrar a conquista da primeira edição da nova competição.

‘Nole’ parece física e psicologicamente em forma

Novak Djokovic foi absolutamente decisivo na conquista sérvia, vencendo todas as suas seis partidas de singulares num espaço de nove dias, para além de forte contribuição que deu nas partidas de pares.

djokovic-atp-cup

O maior tenista sérvio de todos os tempos e um dos melhores da história da modalidade voltou a impressionar com a sua capacidade atlética e solidez do fundo do court e nem Rafael Nadal conseguiu encontrar antídoto para o travar.

Durante a caminhada triunfal da formação dos Balcãs, Djokovic precisou de bater ilustres adversários como Kevin Anderson, Gael Monfils, Denis Shapovalov, Daniil Medvedev ou Rafa Nadal evidenciando que é virtualmente imbatível quando está nas melhores condições físicas e psicológicas.

Uma vez mais veio ao de cima a ideia de que o tenista sérvio é o melhor do planeta em pisos duros e poderá comprová-lo novamente já dentro de uma semana no primeiro Grand Slam da temporada, o Open da Austrália.

Naturalmente, após vencer a edição transata e de ter iniciado o novo ano com excelente conquista no ATP Cup,

Djokovic parte como destacado favorito à conquista de Melbourne Park pela 8ª vez na sua carreira, apresentando neste momento cotações de 2.20 na Betclic para o alcançar.

Principais ameaças estão identificadas

Como principais obstáculos a uma eventual conquista do tenista sérvio estarão os suspeitos do costume Rafa Nadal e Roger Federer.

O tenista espanhol acusou algum desgaste na ATP Cup perdendo para David Goffin e Novak Djokovic num saldo final de quatro vitórias e duas derrotas que não se pode considerar propriamente positivo para o maiorquino.

Com uma semana de descanso antes do início do Open da Austrália, é provável que Rafa se apresente em melhores condições no começo da prova, no entanto, a exigência do mesmo pode ser demasiada para ele nesta fase da sua carreira.

Nadal terá de lidar com temperaturas extremas que têm assolado o país, além de partidas à melhor de cinco sets que podem deteriorar a sua condição física.

Recentemente, o espanhol teve problemas abdominais que o impossibilitaram de aparecer nas melhores condições no ATP Tour Finals, já para não falar nos recorrentes problemas nos joelhos.

Quanto a Roger Federer, a preocupação poderá ser outra. O tenista helvético não alinhou na ATP Cup – afastando com isso a sua nação da prova – e chegará a Melborune sem competir neste começo de temporada.

Trata-se de uma manobra arriscada, mas calculada, com o ‘Relógio Suíço’ confiando num sorteio favorável que lhe permita ir ganhando ritmo nas duas ou três primeiras rondas. De qualquer modo, um sorteio mais azarado pode colocá-lo em xeque logo na fase inicial do torneio.

Rafael Nadal negoceia a 4.00 como segundo favorito para vencer uma competição onde só em uma ocasião foi bem-sucedido, enquanto Roger Federer está a 7.00 na Betclic para ‘levantar o caneco’ em Melbourne pela 7º vez na sua longuíssima carreira.

Daniil Medvedev comanda ataque da ‘NextGen’

Daniil Medvedev vem de uma temporada excecional onde conquistou vários títulos e foi derrotado em várias finais, nomeadamente no último Grand Slam do ano quando perdeu para Rafael Nadal em cinco sets numa épica discussão pelo título do Open dos Estados Unidos.

O jovem tenista russo começou o ano igual a si próprio vencendo quatro partidas na ATP Cup antes de perder em três duros sets para Novak Djokovic.

Deste modo, é obrigatório contarmos com o carismático tenista russo que parece ter um tenis muito sólido, ao contrário de outros jovens talentos que teimam em não chegar às fases mais adiantadas de torneios importantes.

Medvedev conquistou o respeito dos apostadores e negoceia a 5.50  nas casas de apostas em Portugal para vencer na Austrália, apresentando-se com uma cotação abaixo de Roger Federer, algo digno de registo.

Outros jovens elementos como Denis Shapovalov ( 18.00) ou Nick Kyrgios ( 14.00) também iniciaram bem a temporada na ATP Cup, mas ainda precisam de confirmar a sua solidez enquanto jogadores num torneio de grande dimensão.

Destaque ainda para outro russo que parece estar a subir a pulso no ranking mundial. Andrey Rublev surpreendeu no último Open dos Estados Unidos ao atingir os Oitavos de Final depois de afastar Stefanos Tsitsipas, Gilles Simon e Nick Kyrgios.

E enquanto muitos tenistas se digladiavam no ATP Cup, Rublev venceu o torneio de Doha com grande autoridade não cedendo qualquer set durante a semana de competição e pode ser um ‘outsider’ muito perigoso dentro de uma semana.

Ele negoceia a 25.00 na Betclic para fazer um ‘brilharete’.

Outros links Apostaganha onde podes obter mais informações:

Entra no nosso canal do telegram se queres Receber todos os Prognósticos, Destaques, Tutoriais, Promos e muito mais, assina o nosso CANAL. Se queres conversar connosco também no Telegram através de CHAT.

Assiste a todos os nossos podcast e dicas de apostas no nosso canal de Youtube. Se gostas de outras redes sociais segue-nos no Instagram e Twitter.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *