Apostas Online em Portugal – Aposta Ganha
Apostas Online

        Apostas Online em Portugal. Prognósticos, Tips e Guias de como apostar nos sites de apostas

FC Porto relança Liga NOS no meio do tumulto Vitória-Marega

O embate de ontem à noite que permitiu ao Porto encurtar para apenas um ponto a sua distância face ao Benfica ficou ensombrado por um episódio racista que motivou o abandono do campo por parte de Moussa Marega.

Uma relação que já não vivia os melhores dias

Moussa Marega deu um ‘murro na mesa’ na noite de ontem reagindo com veemência aos insultos racistas de que estava a ser alvo por parte dos adeptos vitorianos.

marega-porto

Esta é uma história que já remonta aos tempos em que o jogador maliano representou o Vitória Sport Club e até abandonou o terreno de jogo em determinada partida por razões pouco claras, o que, na altura, irritou os adeptos vitorianos.

Naturalmente, o insulto gratuito é sempre condenável, especialmente quando o mesmo resvala para o racismo, no entanto, é importante relevar que esta atitude não surgiu como um mero acaso num qualquer jogador, mas sim um ataque personalizado a um jogador temperamental que já o havia evidenciado enquanto jogador do clube que agora o atacou de modo indigno.

Responsabilizar os intervenientes

Na minha opinião, o Vitória não pode ou deve ser responsabilizado pelos atos dos seus adeptos uma vez que é praticamente impossível controlar aquilo que mais de 20 mil adeptos podem ou devem dizer durante uma partida de futebol.

Por outro lado, as declarações dos dirigentes do clube bem como da claque White Angels já podem ser alvo de algum tipo de sanção se as instâncias disciplinares assim o entenderem.

Este tipo de manifestações populares dentro de um jogo de futebol onde por vezes se imitam sons de macacos são naturalmente censuráveis e talvez este episódio acorde as instituições responsáveis para essa realidade que quase faz parte da nossa cultura.

Não adianta penalizar um clube em particular e não fazer nada um pouco por todos os campos do nosso país. Governo, liga de futebol e federação portuguesa de futebol devem atuar de modo sistémico e não ocasional nesta situação.

Passando ao jogo jogado

Olhando à partida propriamente dita, e após a derrota do Benfica na receção ao Sp.Braga, assistimos ao esperado. Uma partida muito renhida e disputada onde o clube mais feliz e eficaz acabou por vencer, no caso o FC Porto.

Os Dragões veem-se subitamente de volta à luta pelo título com apenas um ponto de atraso para um Benfica que parecia desfilar na liga portuguesa.

Como disse, não foi uma partida fácil como se esperava perante um Vitória muito bem treinado por Ivo Vieira, mas a turma de Sérgio Conceição soube vestir o fato-macaco para superar as adversidades de um ambiente frenético e de um adversário de bastante valia, triunfando por 1-2 com Moussa Marega a desequilibrar a contenda já no segundo tempo do desafio.

Agora, temos a liga novamente ao rubro com os dois suspeitos do costume a lutarem pelo título em mais uma temporada doméstica.

E esta luta prevê-se relativamente imprevisível com ambos os clubes igualmente inseridos na Liga Europa e prontos para intercalarem partidas europeias com domésticas.

Creio que a força dos plantéis pode aqui ter influência decisiva nas contas finais da temporada, sendo ainda de notar que também estes dois conjuntos se irão enfrentar na Final da Taça de Portugal no próximo mês de Maio.

Benfica precisa de carregar baterias, mas quando?

O Benfica perdeu em casa com o Braga numa partida muito disputada que poderia ter caído para qualquer dos lados, no entanto, uma vez mais foi possível verificar que os encarnados não estão com a pujança física e disponibilidade mental de outros dias pelo que urge reagir a tempo de conservar a liderança na Liga NOS.

Infelizmente para Bruno Lage, a presença europeia tende a acentuar esse desgaste atual da equipa, portanto, será interessante perceber de que modo o jovem técnico português irá gerir os seus recursos nesta fase.

Irá ele descurar na Liga Europa uma vez mais, ou tentará espremer os seus melhores jogadores nesta fase complicada da temporada de modo a manter-se em todas as frentes?

Será um final de temporada certamente interessante de seguir com Benfica e Porto a dominarem o futebol nacional em mais uma temporada.

E depois de ter estado destacado no topo da tabela com mais sete pontos e extremamente favorito para vencer a liga de acordo com os mercados, o Benfica negoceia agora a 1.65 na Betano para revalidar o título conquistado na época passada.

Por seu turno, o Porto que já esteve na casa dos 4.00 nas casas de apostas em Portugal, está agora bem mais curto a somente 1.80 para ‘roubar’ a troféu aos encarnados numa recuperação que poderia fazer lembrar aquilo de que foi alvo na época passada quando o impiedoso Benfica de Lage procedeu a uma recuperação sensacional.

Outros links Apostaganha onde podes obter mais informações:

Receba Tips exclusivas e gratuitas no canal dos tipsters Profissionais Apostaganha: PROFISSIONAIS

Entra no nosso canal do telegram se queres Receber todos os Prognósticos, Destaques, Tutoriais, Promos e muito mais., assina o nosso CANAL .

Se queres conversar connosco também no Telegram através de CHAT Clica aqui….Assiste a todos os nossos podcast e dicas de apostas no nosso canal de youtube. Se gostas de outras redes sociais segue-nos no Instagram e Twitter.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *