Prognósticos para Apostas Desportivas Online – Aposta Ganha

‘Fedal’ na semifinal de Wimbledon: Clássico intemporal

Após triunfos competentes nesta Quarta-feira, Rafael Nadal e Roger Federer agendaram um sempre aguardado confronto que terá o seu 40º capítulo! A relva de Wimbledon é uma superfície teoricamente favorável ao tenista helvético, porém Rafa Nadal está num extraordinário momento de forma…

Wimbledon: ‘Fedal’ – Parte XL

A história do ténis ficará indelevelmente marcada por este mítico confronto entre o mágico Roger Federer e o físico Rafael Nadal.

E se a sua rivalidade é uma das mais marcantes da história do ténis, também é verdade que juntos detêm 38 títulos de Grand Slam numa era que ficará eternamente marcada pelos épicos confrontos entre ambos, sem esquecer Novak Djokovic, como é evidente.

‘Fedal’ na semifinal de Wimbledon: Clássico intemporal

Agora, o 40º confronto de carreira entre os dois jogadores irá decidir uma vaga na Final do Torneio de Wimbledon já esta Sexta-Feira, com Nadal a perseguir o seu terceiro título neste local e Federer em busca do nono título na sua superfície de eleição.

Os dois tenistas já disputarem três Finais deste torneio no passado com a lenda helvética a superiorizar-se em duas dessas ocasiões e

Nadal a ‘roubar’ um título noutra ocasião. Nesses três embates, que já aconteceram há mais de uma década – entre 2006 e 2008 – tivemos um embate resolvido em quatro sets a favor de Federer, e dois decididos em cinco sets com uma vitória a pender para cada um dos lados.

Assim, é evidente que o equilíbrio nesta partida pode ser uma realidade muito próxima.

Campanhas sóbrias e autoritárias

Ambos os tenistas têm trilhado caminhos muito sérios até esta fase, sem nunca se colocarem em posições perigosas de potencial eliminação precoce.

Nesse departamento, Rafael Nadal terá tido um calendário teoricamente mais exigente, nomeadamente ao ter de enfrentar Nick Kyrgios e Jo-Wilfried Tsonga em fases relativamente precoces da competição, no entanto, o tenista espanhol está em grande forma e só cedeu um set diante do australiano, atropelando o veterano gaulês em três sets na ronda seguinte.

No caso de Roger Federer, a sua campanha em relva esta época continua imaculada.

Federer Wimbledon

O histórico tenista helvético segue numa sequência de dez vitórias em relva, tendo conquistado o Torneio de Halle e vencido todas as suas partidas em Wimbledon cedendo apenas dois sets.

Após uma entrada em falso no torneio ao perder o primeiro set da primeira ronda frente a um perfeito desconhecido, Federer não mais facilitou e bateu inapelavelmente tenistas potencialmente perigosos como Lucas Pouille ou Matteo Berettini em três sets.

Nos Quartos de Final viria a ceder um set diante do virtuoso Kei Nishikori, mas nada que colocasse em causa a sua presença numa semifinal de sonho.

Um favorito que abre oportunidades de mercado

Com uma vantagem de 24-15 no histórico de confrontos, mas uma desvantagem de 1-2 nas partidas disputadas sobre a relva, é Rafael Nadal quem assume o papel de favorito para este enorme embate com cotações de 1.65 na ESC Online.

O tenista maiorquino está realmente num espantoso momento de forma desde Roland Garros e tem mostrado a sua classe nos courts relvados de Wimbledon, mas terá ele antídoto para o variado jogo de Roger Federer?

O suíço perdeu para o espanhol em Roland Garros, mas tal é perfeitamente natural tendo em conta que o ‘Rei da Terra Batida’ é virtualmente imbatível no seu piso favorito quando está em forma.

Agora em relva, a história é outra e certamente que Federer entrará no court central de Wimbledon com o claro intuito de vencer uma partida para a qual está cotado nas casas de apostas como ‘outsider’ a 2.15 na Esc Online.

Na minha opinião, este é um encontro de praticamente 50/50 pelo que, se tivesse de apostar no jogo, optaria pelo maestro suíço.

Por outro lado, o histórico de embates entre os dois nesta superfície remete para a ideia de uma partida renhida com muitos jogos.

Assim, uma aposta em Mais de 39.5 Jogos a 1.67 pode ser ma excelente alternativa para aqueles que estão indecisos quanto ao vencedor do encontro, ou para aqueles que simplesmente querem divertir-se ao assistir a mais um emocionante capítulo de uma rivalidade sem precedentes.

‘Nole’ tentará despachar Bautista-Agut rapidamente

No outro embate das Meias-Finais, Novak Djokovic defronta o perigoso Roberto Bautista-Agut e tentará manter a eficiência com que tem jogado ao longo do torneio.

O tenista sérvio e nº1 mundial ainda só cedeu um set em todo o torneio e o modo como despachou David Goffin nos Quartos de Final foi claramente uma declaração de interesses rumo ao título que aqui conquistou no ano passado.

Djokovic segue como favorito a vencer o torneio com cotações de 1.66 na Bet.pt, seguido por Nadal (4.00) e Federer (4.75) que tendencialmente podem chegar mais desgastados à Final de Domingo.

Ainda assim, ‘Nole’ já sofreu alguns dissabores diante do espanhol Bautista-Agut pelo que não deverá pensar antecipadamente numa Final, pois terá de correr bastante para vencer o seu jogo da semifinal.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Telegram
50€ de Bónus
10€ de Bónus