James Blake vs Thiemo De Bakker – Wimbledon

Aposta Ganha / Destaques do Desporto e das Apostas / James Blake vs Thiemo De Bakker – Wimbledon

ATPEncontro relativo à primeira ronda do torneio de Wimbledon que terá lugar no court 17. É o primeiro jogo do dia nesse court. De um lado do court estará o norte-americano James Blake e do outro estará o holandês Thiemo De Bakker.

Blake, é já um veterano de 33 anos que ainda vai procurando competir no circuito ATP. Ocupa neste momento um modesto 94º lugar no ranking ATP sendo que, no auge da sua carreira, já foi o 4º melhor do mundo.

Apresenta um curriculum bastante interessante com 10 títulos ATP conquistados e 14 finais perdidas. Tem um serviço muito bom e uma direita “do outro mundo”.

Extremamente potente que, recorde-se, no US Open de 2011, disparou um winner a mais de 200km/h. James Blake apresenta um jogo de cariz ofensivo. As suas pancadas são agressivas e uma vez que os seus índices físicos já não são o que eram, tenta não se desgastar muito em trocas de bolas.

É em hard court que gosta de competir. A sua temporada em relva tem sido discreta. Após passar o qualifying em Eastbourne, foi eliminado (com alguma surpresa) na primeira ronda pelo espanhol Albert Ramos pelos parciais de 2-6 e 4-6.

Esta será a sua quarta participação neste prestigiado torneio inglês. O ano passado foi eliminado logo na primeira ronda pelo alemão Benjamin Becker (7-6 5-7 0-6 4-6).

De Bakker, 24 anos, está “rankeado” no 93º posto do ranking ATP. Em Julho de 2010, foi 40º. Não tem qualquer título ATP nem finais disputadas. No entanto, regista-se uma final perdida (em pares) este ano no torneio de Roterdão.

Este holandês de 1,93m é um tenista com manifesta vocação para a terra batida. É nessa superfície que o seu jogo é mais eficaz. De Bakker é um jogador consistente no fundo do court e com qualidade no seu serviço.

Tem uma movimentação assinalável não sendo, contudo, um jogador muito ofensivo. Nesta curta temporada de relva esteve pelo torneio de Queen’s derrotando o sérvio Bozoljac (6-2 7-6), para depois “cair” frente a Berdych por 1-6 4-6.

A convite da organização foi até à Holanda disputar o torneio de Hertogenbosch. Aí perdeu na primeira ronda para o italiano Paolo Lorenzi por duplo 7-6. Em Wimbledon, marcou presença apenas uma vez.

Foi no ano de 2010 e, na altura, após derrotar Santiago Giraldo e John Isner, sucumbiu, na terceira ronda, para o francês Paul Henri-Mathieu num jogo muito equilibrado (6-7 6-7 7-6 4-6).

Estes jogadores nunca se defrontaram anteriormente.

A vitória de Blake neste jogo parece-me certa. A derrota do norte-americano frente a Albert Ramos na primeira ronda de Eastbourne não me tira confiança. Pelo contrário.

Acredito que Blake não quis “forçar a nota” nesse encontro para estar nas melhores condições físicas para o Grand Slam. O norte-americano com certeza que vai querer, pelo menos, passar a primeira ronda deste torneio algo que o ano passado não conseguiu.

E, diga-se, nunca o fez. No entanto, é preciso não esquecer que na edição anterior foi eliminado por um jogador extremamente competente em relva, Benjamin Becker.

Em 2009, foi eliminado por Seppi; em 2010, Robin Haase “mandou-o para casa” e em 2011 foi o cipriota Baghdatis que o derrotou sem que antes Blake lhe tivesse “roubado” 2 sets.

Ora, é certo que o norte-americano não deverá ter muitas expectativas neste torneio. Todavia, esta oportunidade de passar a primeira ronda pela primeira vez na sua carreira é algo que não se pode desaproveitar.

Ele sabe que a sua resistência física já não é a mesma e que, actualmente, o circuito está cheio de jogadores de elevadíssima qualidade que jogam a um ritmo que ele já não consegue acompanhar.

No entanto, considero que De Bakker não faz parte desse lote de jogadores. O holandês é um bom jogador mas acredito que Blake tem armas suficientes para o derrotar.

Caso este encontro fosse disputado em terra batida, na “praia” do holandês, a minha opinião seria outra. Não sendo e dado que a odd para a vitória de Blake agrada-me particularmente, creio que ser uma boa aposta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
3,5 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 100€ euros.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
4,0 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.