Apostas Online em Portugal – Aposta Ganha

João Cancelo pode encaixar bem no futebol ofensivo do Manchester City

Com o mercado de transferências prestes a encerrar em Inglaterra, o Man.City anunciou ontem a contratação do lateral português João Cancelo que pertencia aos quadros da Juventus. A formação de Pep Guardiola ganha assim uma alternativa credível a Kyle Walker na lateral direita…

João Cancelo: Um lateral moderno

Com o evoluir dos tempos é cada vez mais importante que um defesa lateral tenha no seu reportório qualidades técnicas que lhe permitam subir muitos metros no terreno e até, por vezes, fazer a diferença em termos ofensivos.

João Cancelo pode encaixar bem no futebol ofensivo do Manchester City

Aos 25 anos de idade, o jovem formado no Benfica é claramente um exemplo do lateral moderno com grandes qualidades técnicas e sempre capaz de fintar mais um adversário antes de cruzar, rematar ou passar para o coração da área.

João Cancelo brilhou no futebol espanhol ao serviço do Valência e parecia um valor seguro na Juventus, embora o estilo de jogo dos italianos nem sempre favorecesse o seu estilo.

Agora, Pep Guardiola terá percebido que o seu potencial pode assentar na perfeição na sua equipa e abriu os cordões à bolsa despendendo 65 milhões de euros na sua contratação ao mesmo tempo que vendia o brasileiro Danilo à Juventus por 37 milhões.

Em suma, tratou-se de uma troca de laterais pela qual o Manchester City terá desembolsado 28 milhões de euros.

João Cancelo em Parceria com Bernardo Silva pode ser bem-sucedida

A capacidade de João Cancelo em ganhar metros pelo flanco direito é um dos seus grandes trunfos, e a possibilidade de formar dupla no flanco com Bernardo Silva pode potenciar ainda mais essa sua característica.

Jogando com um extremo puro no flanco, Cancelo como que pode ser travado nas suas investidas atacantes, mas com Bernardo em constantes deambulações pelo centro do terreno, isso irá abrir espaço para Cancelo ser ainda mais ofensivo do que normalmente é.

Isso tem sido visível em algumas das partidas da seleção nacional onde os dois jogadores alinharam pelo flanco.

Bernardo tem a capacidade de atrair atenções pelo corredor central, desmarcando depois quem surja pelo flanco, e essa pode ser uma estratégia muito valiosa na nova época do Manchester City.

bernardo silva city

Bernardo Silva vem da melhor temporada da sua carreira e certamente chega muito motivado e ‘espicaçado’ pelo facto de ter ficado de fora dos nomeados para a Bola de Ouro.

Após uma época onde conquistou imensos troféus, Bernardo já iniciou 2019/20 com nova celebração na Supertaça diante do Liverpool.

João Cancelo pode não só beneficiar da qualidade de jogo da equipa do City, como igualmente acrescentar-lhe alguns trunfos, nomeadamente no que compete à criatividade ofensiva que, diga-se de passagem, já não é pouca para os lados do Etihad.

Três contratações no defeso

Ao contrário de épocas anteriores, o Manchester City até desempenhou uma atividade modesta no mercado de transferências, contratando apenas três jogadores.

De qualquer modo, se formos somar o valor das três transferências concluímos que o clube despendeu qualquer coisa como 147 milhões de euros na vinda de três jogadores. Naturalmente, também houve saídas que permitiram encaixar algum dinheiro, no entanto as mesmas perfizeram cerca de 50 milhões de euros pelo que o clube voltou a abrir os cordões à bolsa.

A chegada de Rodri do Atlético de Madrid visa oferecer uma alternativa a Fernandinho no meio-campo defensivo da equipa, ao passo que o jovem espanhol Angelino chega mais numa perspetiva de futuro.

E agora com João Cancelo, o Manchester City passa a contar com aquela que é provavelmente a dupla de laterais direitos mais valiosa do planeta. Estará Guardiola a ponderar uma derivação de algum deles para a esquerda, ou terão de intercalar titularidade durante toda a temporada?

Será interessante perceber de que modo Guardiola irá lidar com este luxo de ter Kyle Walker e João Cancelo no mesmo plantel. De destacar que só nestes dois laterais, o Manchester City despendeu qualquer coisa como 117 milhões de euros. É obra!

Atacar em todas as frentes!

Com as chegadas de Rodri e Cancelo para acrescentarem alternativas de qualidade em setores necessitados, o Manchester City inicia a nova época com um plantel luxuoso e repleto de opções, pronto para lutar por todos os troféus que disputar.

Ora, a qualidade do seu plantel aliada à qualidade de jogo do sistema de Pep Guardiola torna o Manchester City favorito nas competições em que participa.

Na Premier League, os Citizens estão avaliados nas casas de apostas em 1.40 na Betclicpara renovarem o título inglês e se sagrarem tricampeões, ao passo que na Liga dos Campeões estão no topo da lista de candidatos com cotações de 5.00 na Bet.pt.

Será desta que Guardiola vence a Liga dos Campeões depois do seu período hegemónico enquanto técnico do Barcelona?

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *