A situação em Anfield Road está, definitivamente, fora do alcance da perceção mais simplista do mundo do futebol. Campeão em título, o Liverpool voltou a perder em casa, agora frente ao Brighton, e ficou a sete pontos da liderança do Manchester City, que até tem um jogo em atraso. No próximo domingo, há “clássico” na cidade dos Beatles e com contornos de decisivo na luta pelo cetro.

REGRESSO ÀS DERROTAS DEIXA LIVERPOOL EM SITUAÇÃO DELICADA NA LUTA PELA REVALIDAÇÃO

A última temporada foi histórica para os reds, que viram Jürgen Klopp torna-se uma espécie de rei na cidade de Liverpool, ao fazer da sua equipa campeã nacional inglesa 30 anos depois da última conquista.

Neste arranque de 2021, dificilmente as coisas poderiam estar a correr pior aos campeões em título. A fase não andava muito boa como retratamos aqui: O Liverpool lidera pesadelo dos apostadores no final de semana

Após uma série de cinco jogos onde a equipa somou três de 15 pontos possíveis, ficando assim sem conhecer o sabor da vitória em jogos da Premier League entre a segunda quinzena de dezembro até à última semana, o Liverpool até conseguiu uma reação interessante.

Duas vitórias trazidas de Londres, primeiro diante do Tottenham (3-1), de José Mourinho, e depois frente ao motivado West Ham (3-1), recolocaram a equipa de Klopp na corrida pelos primeiros lugares da classificação, ainda que atrás de Manchester City e Manchester United.

Sol de pouca dura. Esta quarta-feira, o Brighton & Hove Albion, equipa que tinha somado a primeira vitória caseira no campeonato diante do Tottenham no último fim-de-semana, voltou a deitar o campeão inglês ao tapete, em Anfield Road.

Um golo bastou, aos 56 minutos, para superar um Liverpool com alguma falta de criatividade e pior ainda acerto na finalização.

A pólvora seca de nada ajudou e são agora sete os pontos que o separam da liderança do Manchester City, que poderá abrir a vantagem para 10 pontos, caso vença o jogo que tem em atraso (frente ao Everton, arquirrival do Liverpool, em Goodison Park).

REGRESSO ÀS DERROTAS DEIXA LIVERPOOL EM SITUAÇÃO DELICADA NA LUTA PELA REVALIDAÇÃO

MERCADO ALTERNATIVO: DOIS CENTRAIS GARANTIDOS À ÚLTIMA DA HORA EM JANEIRO

O momento de forma do Liverpool não é bom e as várias baixas com que a equipa tem tido de lidar deixam a situação ainda mais delicada, especialmente na linha defensiva, onde a razia (Virgil Van Dijk, Joe Gomez, Joel Matip ou Fabinho) obrigou a direção dos reds a ir contratar dois jogadores para o eixo da defesa na reta final do mercado de janeiro.

O primeiro dá pelo nome de Ben Davies e não é o ala-esquerdo que pertence aos quadros da equipa do Tottenham. É um defesa-central de 25 anos de idade que estava ao serviço do Preston North End, no Championship, e que chegou a Anfield para envergar a camisola 28.

Klopp explicou a contratação: «Numa situação normal, sem leões, não consideraríamos a hipótese de contratar um jogador ao Preston. Mas à medida que a nossa situação ficou cada vez mais clara, com todos os problemas que tivemos, pareceu-nos que seria uma boa contratação. É um jogador com muita qualidade e potencial, que tem muito para dar. Gosto muito do estilo de jogo dele».

Também Ozan Bakak, jovem defesa internacional turco de apenas 20 anos de idade, chegou à cidade dos Beatles a título de cedência por empréstimo do Schalke 04, que está pelas ruas da amargura na Bundesliga.

No final da temporada, o Liverpool poderá exercer a cláusula de opção de compra, reservando-se à possibilidade de enviar de volta para Gelsenkirchen o atleta, caso não corresponda às expectativas que Klopp criou.

Certo é que estas duas movimentações deixam bem claro a fragilidade do momento financeiro que os grandes tubarões europeus estão a viver, em pleno período de recessão económica devido ao combate à pandemia do novo coronavírus. Por sinal analisamos esta questão aqui: Covid-19 gera fantasma de nova paralisação na Premier League

DUELO DE CANDIDATOS ESTE DOMINGO EM ANFIELD EM JOGO DE SEIS PONTOS PARA O LIVERPOOL

No próximo domingo, vai haver o encontro entre os dois maiores candidatos ao título na Premier League e, se uma derrota não será tão penalizadora quanto isso para o Manchester City, para o Liverpool o jogo pode vir a assumir uma importância extrema.

É que, com sete pontos (que poderão vir a tornar-se 10) de desvantagem para a liderança, o campeão poderá a breve trecho ficar a 13 pontos de distância, em caso de derrota, o que hipotecaria definitivamente a oportunidade de chegar ao bicampeonato.

Até porque o Manchester City está claramente na mó de cima e em fase de crescimento, sendo pouco provável que torne a cometer os mesmos erros que vinha demonstrando no primeiro terço da temporada.

🎯 Na Betano, o Liverpool tem estatuto de underdog (3.20), com o favoritismo a recair aos ombros do Manchester City (2.18).

 

Gostaste do nosso conteúdo?
Então regista-te no nosso canal do Youtube e assiste aos nosso Podcasts de Apostas. Entra nas nossas redes sociais Facebook, Instagram, TikTok e Twitter. Ainda tens o nosso Canal de Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
3,5 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 100€ euros.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
4,0 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.
ÚLTIMOS ARTIGOS