Maiorca vs Celta Vigo – Primera

Aposta Ganha / Destaques do Desporto e das Apostas / Maiorca vs Celta Vigo – Primera

PrimeraMallorca recebe o Celta de Vigo, num jogo onde só a vitória interessa às duas equipas. Após uma temporada que não está a ser fácil para ambos os conjuntos, uma vez que ambas ocupam os últimos lugares da Liga, fazem o último sprint na esperança de evitar a despromoção.

Este é portanto um jogo onde nenhuma equipa poderá perder pontos. Uma vitória aqui é de extrema importância, uma vez que o Zaragoza perdeu frente ao Barcelona, e ocupa já um lugar abaixo da linha de água, apenas com 3 pontos de vantagem perante estas duas equipas, o significa que uma vitória hoje poderá ser o caminho para a salvação de ambas as equipas. O Granada, primeiro clube num lugar acima da linha de água também perdeu frente ao Atlético Madrid, e ainda que tenha uma vantagem de 4 pontos, ou seja, embora não seja ultrapassado esta jornada, uma destas equipas poderá colocar pressão, e a luta promete ser intensa até ao final.

Ainda existem jogos para pontuar, mas este confronto entre últimos classificados é realmente a melhor oportunidade que estas equipas podem ter de atingir os seus objectivos. Hoje, joga-se uma verdadeira final, onde até o empate não deverá deixar ninguém completamente feliz, acima de tudo há que lutar pela vitória. Existe, claro, sempre a possibilidade de ambos os conjuntos se fecharem, e dar prioridade a não sofrer golos, mas num jogo destes é a verdadeira oportunidade de ambas encararem o jogo de forma ofensiva.

Aliás, tem sido assim que estas equipas têm encarado os jogos, sem nada a perder, a explorar as suas forças ofensivas, na esperança de anular as fraquezas que apresentam defensivamente. O Mallorca conta já com 63 golos sofridos, o que indica claramente essa dificuldade que a equipa apresenta, dá uma média de 2,1 golos sofridos por encontro. O Celta conta com 45 golos sofridos, e ainda que seja um número melhor que o do Mallorca, é preciso notar em dois factores fundamentais. Primeiro, continua a ser um dos piores registos da Liga. E, segundo, o número apenas é melhorado quando a equipa actua em casa, onde leva 16 golos sofridos, porque fora do seu reduto conta com 29 golos sofridos, o que dá uma média de 1,93 golos sofridos por jogo.

1 vitória, 1 empate e 13 derrotas, é o registo muito negativo do Celta de Vigo fora de casa, onde por vezes não consegue fazer um jogo intenso até ao final da partida, muito por culpa do cansaço que a equipa acumula ao longo do jogo, mas não físico, acima de tudo há um enorme desgaste psicológico. Chega a este encontro após 5 encontros sem vencer. Em casa do Sevilla, onde perdeu por uns expressivos 4 – 1, em casa frente ao Real Madrid, onde fez um jogo acima da média, mas que acabou por perder por 2 – 1, embora o Real Madrid tenha tido oportunidades de marcar mais golos. Em casa do Deportivo, adversário directo na luta pela manutenção, onde perdeu por 3 – 1, empate em casa frente ao Barcelona (2 – 2), e muito provavelmente o melhor jogo da equipa nos últimos jogos e por fim uma derrota caseira frente ao Rayo Vallecano por 0 – 2.

A verdade é que a equipa do Celta de Vigo também perdeu a sua única estrela por quatro jogos, devido a suspensão, uma vez que o jogador foi severamente castigado pela agressão a Marchena no jogo frente ao Deportivo. Não só perderam o seu avançado, uma posição onde não há grandes alternativas, mas também o seu goleador e o melhor jogador da equipa. Aspas tem sido presença habitual no estádio, mas a sua presença fora dos relvados não faz o mesmo que a sua presença em campo, este é certamente mais um factor de desgaste psicológico que a equipa tem vindo a enfrentar.

Quem tem actuado nesta posição, é Park, um jogador que tinha vindo a actuar atrás do avançado, e não creio que tenha características de avançado, mas tem correspondido da melhor forma que sabe e consegue, é um jogador que trabalha bastante, quase sempre substituído devido a esse facto, faz pressão nas defesas adversárias, é rápido, e pode aproveitar os contra-ataques. Hoje, o Celta de Vigo irá precisar muito dele na frente e de Krohn-Dehli que irá jogar a número 10, e é um jogador que pode ser influente na equipa, levar a equipa pa a frente, pensar mais o jogo e até explorar o remate de meia distância.

No jogo frente ao Rayo, a equipa foi fiel a si mesma, como tinha dito, tem vindo a encarar os seus jogos de forma ofensiva, é uma equipa que acima de tudo joga sem medo, e não é que atravesse uma grande crise, é apenas que não tem tido a qualidade para dar a volta, ainda por cima sem Aspas. Contudo, a equipa foi perdendo o fulgor, as coisas não saíram bem, e o desgaste emocional atingiu a equipa, quando já não recuperava bem para defender, e acabou por dar inúmeros oportunidades ao Rayo de marcar, embora a equipa adversária apenas tenha conseguido o segundo golo perto do final.

O treinador do Celta de Vigo não tem dúvidas em relação à importância deste jogo. Afirmou que é um jogo onde só conta ganhar, a solução é simples, é ganhar ou ganhar, e lutar até ao fim para recuperar o que a equipa tem vindo a perder. Acredito que contra o Mallorca, o Celta consiga pelo menos ter mais força ofensiva do que teve contra o Rayo, que também jogou de forma bastante inteligente, e colocou uma equipa bastante coesa em campo, até porque jogava com menos pressão.

O Mallorca tem a vantagem de jogar em casa, é sempre mais fácil jogar em casa, porque dá mais confiança, joga-se perante o seu público e a equipa tem vindo a mudar a sua história esta temporada, tem vindo a mudar o seu rumo negativo, embora mantenha algumas das suas dificuldades, é uma equipa que tem todas as possibilidades de se manter na Primeira Divisão, embora ocupe neste momento o último lugar da Liga.

Nos últimos 5 jogos a equipa conseguiu 2 vitórias, mas chega a este encontro após 3 derrotas. Venceu no campo do Granada por 1 – 2, venceu em casa do Sevilla por 2 – 1, e após esse momento de melhor forma, perdeu frente ao Real Madrid por 5 – 2, mas resta dizer que fez uma grande primeira parte, onde esteve a ganhar por duas ocasiões, mas pouco havia a fazer na segunda, quando o Real entrou com o pé no acelerador, perdeu em casa frente ao Deportivo por 2 – 3 e vem de uma pesada derrota por 5 – 0 em casa do Barcelona, onde a equipa começou por ficar desmotivada, poucas oportunidades teve, pouca posse de bola teve, mas que ainda assim, penso que não há que baixar a cabeça por este desaire.

A equipa conta com Nunes e Geromel na defesa, e ainda que Nunes tenha uma grande experiência, a verdade é que os 36 anos já pesam, e vai faltando frescura física, e Geromel é um defesa-central banal, que por vezes erra demasiado onde não devia errar. Mas, uma coisa é certa, a equipa evoluiu de forma abrupta ofensivamente, muito por culpa do talentoso Gio dos Santos, antigo jogador do Barcelona, que no último jogo foi o único inconformado, é um lutador, muito rápido, que dá profundidade ao jogo do Mallorca, que cria desequilíbrios, mas que também tem noção do jogo e que é perfeitamente capaz de procurar zonas no centro do terreno para fazer jogar os seus companheiros. Na minha opinião tem faltado os golos, porque o jogador já merece, e creio que no último encontro fez tudo para marcar, mas ficou em branco. Hoje, será o meu favorito para apontar um golo a qualquer momento.

Este rendimento de Gio, elevou o nível da equipa, mas deu confiança a outros jogadores que começaram a dar mais a cara e a aparecer mais pela equipa, quando até aqui as coisas pareciam estar perdidas. Os jogadores levantaram a cabeça, o exemplo disso, creio que foi Alfaro, para que estava escondido e agora apareceu, possivelmente está no melhor momento de forma esta temporada, e isso nota-se em campo e ajuda a equipa a crescer. É um jogador fundamental no sistema táctico actual da equipa e penso que tem consciência que pode dar mais, subir de rendimento e dar mais à sua equipa, e ajudar mais Gio no aspecto colectivo. A outra peça, é Hemed, o avançado israelita, que não precisa de muitas oportunidades para deixar marca no jogo, é um jogador perfeitamente capaz de finalizar e que precisa que a bola lhe chegue em melhores condições ao seu alcance, porque quando ela começar a chegar mais e de melhor forma, ele vai acabar por marcar os golos que a equipa precisa para atingir as suas ambições.

Olhando para este encontro, a aposta parece-me clara, o mais de 2,5 golos parece-me algo muito certo, como também já li picks acima com users que apresentaram ideias que vão de encontro às minhas. Contudo, para quem gosta de arriscar um pouco mais, como eu, e gosta de procurar as odds altas, eu vou subir esta linha para o mais de 4,5 golos, e é nisso que vou apostar com convicção, e não apenas porque a odd está alta. Tenho noção que a linha de golos andará muito perto disso, se perder creio que andará pelo menos na linha dos 4 golos.

São duas equipas que precisam de ganhar e que vão entrar equipa com as linhas avançadas, podem defender mais quando não tiverem a bola, mas é certamente um jogo onde vão encarar o adversário nos olhos e colocar todo o seu poderio ofensivo em campo, uma vez que defensivamente ficam aquém. Por jogar em casa, e pelos últimos jogos, o Mallorca tem de ser considerado favorito e creio que irá ter mais oportunidades, e atenção, que ainda que não esteja a fazer uma grande temporada, creio que isso estava a falhar principalmente na construção de jogo, e não propriamente na finalização, pois já vi jogos do Mallorca este ano em que a equipa com duas oportunidades no jogo todo, com dois remates no jogo todo, faz dois golos.

O Mallorca apresenta agora mais qualidade, mais confiança e assim haverá melhorias na construção de jogo, estou convicto. O Celta permite muitos ataques, parece uma defesa amadora, por vezes, falta qualidade, ou como tenho vindo a repetir desgaste psicológico. Aposta sempre no ataque, e não tem medo de abrir o jogo, mas certamente que vai sofrer, porque acaba por sofrer com equipas que conseguem explorar as alas, e em saídas rápidas. Ora, com Gio dos Santos e Alfaro, creio que o Mallorca leva vantagem, ainda para mais quando chega frustrado após uma goleada sofrida no último jogo, onde não conseguiu marcar nenhum golo.

Já o Celta, também precisa desta vitória, e se foi capaz de fazer dois golos ao Barcelona, hoje num jogo aberto, acredito que consiga fazer golos à pior defesa da liga, e poderá aproveitar a sua força colectiva, explorar bem alas, colocar muitos homens no meio-campo, jogar simples, com passes curtos e por fim aproveitar a velocidade de Park.

Jogos entre últimos classificados trazem sempre muitas emoções à flor da pele, é difícil para os jogadores controlarem-se emocionalmente, e se as coisas correm bem, a confiança também dispara, até porque estas equipas também gostam de ir para a frente e fazer bom futebol e marcar golos, uma vez que pela falta de qualidade perante adversários mais forte, têm poucas possibilidades.

Acima de tudo, creio que vai ser um jogo bonito, intenso, com vontade de se jogar futebol, com duas equipas mentalizadas que só a vitória faz parte dos planos, com duas equipas a usar a força ofensiva e acredito que essa força irá ultrapassar claramente as fragilidades defensivas que ambas as equipas apresentam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
3,5 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 100€ euros.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
4,0 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.
ÚLTIMOS ARTIGOS
Há 15 minutos
Há 21 minutos
Há 24 minutos
Há 28 minutos
Há 31 minutos
Há 33 minutos
Há 37 minutos