O mundo do futebol, e não só, está em choque. Aos 60 anos de idade, aquele que é para muitos o melhor futebolista de todos os tempos partiu precocemente, vítima de uma paragem cardiorrespiratória, de acordo com a informação veiculada pela imprensa argentina. Para trás, Diego Armando Maradona deixa um legado inquestionável e um conjunto de histórias, dentro e fora do campo, para contar e recontar eternidade dentro.

O FUTEBOL ESTÁ DE LUTO: EL PIBE PARTE AOS 60 ANOS

25 de novembro de 2020. Um dia que ficará indelevelmente marcado na história da humanidade e, muito em particular, no planeta do futebol.

Durante a tarde de ontem, caiu como uma bomba a notícia que dava conta do falecimento de Diego Armando Maradona, um dos maiores jogadores de todos os tempos, reconhecido por boa parte dos adeptos de futebol como o maior de sempre, por mais discussão que exista e traga para a baila nomes como Pelé, Eusébio, Ronaldo ou Messi.

O “astro” havia sido submetido com sucesso a uma operação ao cérebro há poucas semanas e encontrava-se em Tigre, na Argentina, em repouso e fase de recuperação.

Segundo a imprensa, consta que Maradona entrou em paragem cardiorrespiratória e acabaria mesmo por falecer, tornando goradas as tentativas de reanimação feitas pelos médicos que o socorreram.

UMA CARREIRA BRILHANTE E A “VIDA LOCA”

Com uma história de vida muito peculiar, que o fez ser protagonista de vários episódios polémicos ao longo da sua vida, quer ainda nos relvados, quer após o final da carreira como jogador, Diego Armando Maradona ficará para sempre recordado como um dos maiores génios da história do futebol.

Dono de uma capacidade de drible incrível e uma audácia distinta para a época, ‘El Pibe’ formou-se nas camadas jovens do Argentinos Juniors, antes de rumar ao Boca Juniors, em 1981.

Maradona sucumbe e deixa o Mundo em choque

Apenas um ano depois, Maradona rumou ao futebol europeu para vestir a camisola do Barcelona, onde passou dois anos, na antecâmara da etapa onde mais brilhou nos relvados do futebol mundial, entre 1984 e 1991, ao serviço do Nápoles e da Seleção Argentina.

Maradona tornou-se uma verdadeira lenda do clube napolitano, ao serviço do qual conquistou dois campeonatos, uma Taça de Itália, uma Supertaça e uma Taça UEFA.

Seguiu-se uma aventura nos espanhóis do Sevilla, antes do regresso à Argentina, onde representou as cores do Newell’s Old Boys e, por fim, do Boca Juniors.

Talvez o episódio mais alto da carreira de Maradona tenha sido em 1986, ano em que levou a Argentina a sagrar-se campeã do Mundo de seleções, protagonizando um dos lances mais célebres da história do futebol, nos quartos-de-final, diante da Inglaterra, com a famosa “Mão de Deus” a preceder um golo só ao alcance dos predestinados.

Durante a sua carreira como jogador, Maradona marcou 446 golos em 588 jogos pelos clubes que representou, registo a que soma 91 internacionalizações e 34 golos ao serviço da seleção das Pampas.

Como treinador, Maradona não teve tanto sucesso como dentro dos relvados – longe disso –, tendo o ponto mais alto dessa etapa sido no período entre 2008 e 2010, onde desempenhou funções de selecionador principal da seleção da Argentina.

Antes do acontecimento trágico da sua morte, aquele que para muitos é o rei da história do futebol recuperava da operação a um edema cerebral e desempenhava a função de treinador principal do Gimnasia La Plata.

FALECIMENTO DE MARADONA GERA ONDA DE REAÇÕES EM TODA A LINHA

A notícia chocou todo o globo e, se em Buenos Aires e em Nápoles as pessoas choram tristemente a morte do maior craque argentino da história do futebol (Messi poderá seguir-lhe as pisadas), um pouco por todo o Mundo as reações foram-se fazendo sentir ao longo desta última quarta-feira.

A UEFA, por exemplo, decretou um minuto de silêncio antes do início de todos os jogos da fase de grupos da Liga dos Campeões, tal como a CONMEBOL antes das partidas dos oitavos-de-final da Copa Libertadores.

As primeiras reações fizeram-se notar por parte das mais variadas instituições desportivas, com destaque, claro está, para a AFA (La Asociación del Fútbol Argentino).

Nas redes sociais, várias personalidades de grande craveira no futebol mundial endereçaram as suas condolências à família do craque e prestaram a sua homenagem a Maradona.

Pelé partilhou o desejo de «um dia, eu espero que possamos jogar bola juntos no céu».

Ao craque brasileiro, juntaram-se personalidades como Lionel Messi, Cristiano Ronaldo, Kylian Mbappé ou José Mourinho.

Na Argentina, o presidente Alberto Fernández decretou três dias de luto nacional, começando as cerimónias fúnebres esta quinta-feira e estendendo-se até ao próximo sábado no palácio presidencial da Argentina, sediado em Buenos Aires.

O mundo chora a partida de um dos maiores da história do desporto-rei, que tantas paixões movimenta e que, por horas como esta, dá as mãos em torno de uma causa maior.

Que a alma de ‘El Pibe’ Diego Armando Maradona descanse em paz.

 

Gostaste do nosso conteúdo?
Então regista-te no nosso canal do Youtube e assiste aos nosso Podcasts de Apostas. Entra nas nossas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter. Ainda tens o nosso Canal de Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
3,5 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
4,0 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.