Nacional vs Guimarães – Primeira Liga

Aposta Ganha / Destaques do Desporto e das Apostas / Nacional vs Guimarães – Primeira Liga

Liga SagresA luta pela europa disputa-se na Madeira, com dois sérios (e já crónicos) candidatos aos lugares europeus em confronto a disputar um lugar ao sol dos milhares da Liga Europa.

NACIONAL

Os madeirenses atravessam um momento positivo de 6 encontros sem conhecer o sabor da derrota. Uma série que começou com o empate imposto ao líder Benfica e que se prolongou com outros pontos arrancados em terrenos difíceis como aconteceu na última jornada ante o Beira-Mar e ainda em casa do Paços de Ferreira.

Para além disso, foram somadas 2 vitórias – em Barcelos (1-2 ao Gil Vicente) e em casa ante o Olhanense. Curioso o facto de apenas 1 vitória constar no reduto madeirense desta amostra de 6 jogos, algo que prova a incapacidade desta equipa em valorizar o factor casa relativamente a anos anteriores – em 11 encontros disputados na Choupana esta época, apenas em 3 houve vitórias do Nacional, que curiosamente somou o mesmo número de derrotas (4 empates, portanto).

Golos sofridos/marcados em casa
Este facto de não aproveitar o factor casa é prejudicial para os nacionalistas, contudo, bom para os adversários e para os… adeptos de futebol. É que é muito graças à permeabilidade defensiva desta equipa que acontecem os deslizes – ou seja, existem mais golos sofridos e por isso, mais emoção nos encontros disputados.

Só por 1 ocasião isso não aconteceu (Estoril), mas essa já remonta a Novembro do ano passado, ficando os últimos 6 jogos na Choupana, para a liga marcados por golos sofridos pela formação nacionalista.
Dos 11 encontros verificaram-se 7 jogos com 3 ou mais golos e 9 com um par ou mais de tentos conseguidos.

Ausências/Regressos
A única boa notícia está no regresso de Mário Rondon à convocatória numa equipa que terá a zona do meio-campo para trás desfalcada e desprovida de peças importantes tais como Moreno (castigo), Manuel da Costa (idem) Revson, Skolnik e Diego Barcellos (lesões).

VITÓRIA DE GUIMARÃES

Do outro lado está um Vitória num estado que não sendo de graça, de lá se deverá aproximar depois de garantir quase um pé e meio na final da Taça de Portugal deste ano após derrotar o Belenenses no seu reduto na passada quarta-feira.

Uma vitória histórica e que vem dar consequência a uma série de jogos positiva na qual a equipa cumpriu sempre a sua obrigação – nos 5 encontros anteriores perdeu para Benfica e Braga, equipas com plantéis superiores, e venceu os outros 3 encontros ante Moreirense, Académica e Setúbal.

Golos sofridos/marcados fora de casa
A jogar fora de portas os comandados de Rui Vitória apresentam um pecúlio relativamente positivo, já que dos 12 encontros disputados fora do D. Afonso Henriques, os vimaranenses venceram por 4 ocasiões e arrancaram três empates, tendo as derrotas ocorrido frente a adversários que ou eram mais poderosos ou o factor casa os tornavam intransponíveis – Benfica, Porto, Paços, Estoril e Braga (curiosamente, os primeiros 5 classificados da liga à entrada para esta jornada).

O poder ofensivo vitoriano tem estado em baixo relativamente a anos anteriores, contudo, a equipa sente-se mais solta quando joga fora de portas, como atestam os 15 golos apontados em reduto alheio que fazem dos vimaranenses o 7º melhor ataque forasteiro da Liga. Só em 4 ocasiões ficou em branco a jogar fora de portas.

Ausências/Regressos:
Kanu, N’Dyae e Soudani regressam à convocatória de Rui Vitória depois do primeiro ter cumprido castigo ante o Belenenses e dos dois últimos terem tido compromissos com as respectivas selecções. Algo que dota o Vitória de poder máximo neste capítulo importante na Madeira.

Conclusão: A equipa do Nacional apresenta-se desfalcada mas poderá fazer uso do facto de este ser um jogo importante para se galvanizar, já do outro lado está uma equipa do Vitória altamente motivada e que pode claramente fazer mossa.

A estatística indicia uma provável ocorrência de over’s, assim como a análise subjectiva ao jogo que nos permite antever um equipa do Vitória a dominar o meio-campo e a exercer o seu domínio contra um Nacional que provavelmente não descurará os contra-ataques venenosos – Mateus, Rondón e Candeias estão lá.
O regresso de Soudani pode significar golos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
3,5 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
4,0 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.
ÚLTIMOS ARTIGOS