A fase mais entusiasmante da maior liga de basquetebol do Mundo está aí à porta, depois de concluída uma temporada regular que entrou para a história da NBA pela forma singular como retomou a sua atividade na sequência da paragem provocada pela Covid-19.

CAMPEÃO SAIRÁ DA “BOLHA” DE ORLANDO SEM DIREITO A FATOR CASA

O fator casa que as quatro primeiras equipas classificadas em cada conferência garantem até às finais este ano esfumou-se por completo.

A decisão de retomar no complexo da Disney, em Orlando, sem a presença de público nas bancadas (o único cenário possível, até porque os Estados Unidos são o país mais afetado pela pandemia do novo coronavírus) já mudou o paradigma nos oitos jogos realizados pelas 22 equipas convidadas para a “bolha” e, nos playoffs, essa será uma situação a ter ainda mais em conta.

Normalmente, a equipa melhor classificada garantia os dois primeiros jogos em casa, bem como o direito a jogar no seu pavilhão uma eventual “negra” (no caso de haver necessidade de jogo 7).

Desta feita, desse fator casa permanecem apenas o cenário (logos da equipa que jogaria em casa no chão do court, por exemplo) e o ambiente sonoro criado pela NBA para escamotear a ausência de público nas bancadas… “in loco”.

E referi “in loco” porque nos jogos que já se realizaram e realizarão na “bolha” de Orlando há adeptos que marcam presença de forma virtual. Na sequência de uma parceria desenvolvida com a Microsoft, a NBA consegue reproduzir, em tempo real e por vídeo, o apoio dos fãs a partir de casa.

LUTA PELA ÚLTIMA VAGA NO OESTE DECIDIU-SE APÓS A REALIZAÇÃO DE “PLAY-IN” INÉDITO

De toda a reformulação praticada pela NBA para a retoma da competição, devido às condicionantes impostas pela pandemia, é necessário destacar o facto de 8.º e 9.º classificados terem sido obrigados a jogar uma mini-eliminatória, caso o record do 8.º não fosse superior a quatro jogos de vantagem em relação ao 9.º.

LUTA PELA ÚLTIMA VAGA NO OESTE DECIDIU-SE APÓS A REALIZAÇÃO DE “PLAY-IN” INÉDITO

Na Conferência Este não houve necessidade de realizar o designado “play-in” (onde o 8.º classificado teria de vencer apenas uma vez para confirmar o apuramento para os playoffs, enquanto o 9.º classificado só se apuraria caso ganhasse dois jogos), até porque os Wizards (25-47) ainda “conseguiram” acabar abaixo dos Charlotte Hornets (que nem estiveram em Orlando, visto que já estavam eliminados dos playoffs aquando da interrupção).

Por outro lado, na Conferência Oeste houve três equipas a disputar uma vaga no “play-in” até bem perto do fim da época regular, nomeadamente Portland Trailblazers, Memphis Grizzlies e Phoenix Suns.

A equipa de Devin Booker e companhia até terminou a “bolha” com registo incrível de 8-0, mas não foi o suficiente para superar os Memphis Grizzlies, que acabaram por perder (122-126) com os Portland Trailblazers logo à primeira, no jogo realizado no passado sábado.

Para a recuperação da equipa de Terry Stotts muito contribuiu a forma estupenda com que Damian Lillard (distinguido com o prémio de MVP da “bolha”) fechou a época regular, coadjuvado de forma impressionante pelo poste Jusuf Nurkic (sem esquecer o contributo de CJ McCollum e Carmelo Anthony).

LAKERS E CLIPPERS COM VIA ABERTA ATÉ À FINAL DE CONFERÊNCIA

As duas equipas de Los Angeles acabaram, respetivamente, nas 1.ª e 2.ª posições da classificação da Conferência Oeste e, consequentemente, possuem grande favoritismo para conseguir chegar à final de Conferência.

Os Lakers, equipa de Lebron James e Anthony Davis, terão pela frente na 1.ª ronda os Portland Trailblazers, sendo que, caso consigam confirmar o seu favoritismo, defrontam nas semifinais o vencedor da eliminatória entre Houston Rockets e Oklahoma City Thunder.

LUTA PELA ÚLTIMA VAGA NO OESTE DECIDIU-SE APÓS A REALIZAÇÃO DE “PLAY-IN” INÉDITO

Na outra parte do diagrama, os Clippers de Kawhi Leonard e Paul George terão de ultrapassar, na 1.ª ronda, os Dallas Maveicks de Luka Doncic. Na outra eliminatória, Denver Nuggets e Utah Jazz prometem protagonizar uma ronda bastante disputada na luta pela qualificação para as semifinais, onde quem vencer defrontará Clippers ou Mavericks.

MILWAUKEE E TORONTO FAVORITOS NO ESTE

Na Conferência Este não aconteceram grandes surpresas em relação ao que já era previsto antes da interrupção da NBA, em março passado. Milwaukee venceu a conferência e marcou encontro com os Orlando Magic na 1.ª ronda dos playoffs do Este, onde são o principal candidato a ganhar (1.60 na Betano para os Bucks vencerem o título de conferência).

Nas semifinais, Giannis Antetokounmpo (que cumpriu recentemente um jogo de suspensão na sequência de uma agressão a Moritz Wagner, dos Washington Wizards) – que, naturalmente, terá antes de ajudar a sua equipa a bater os Magic – deverá medir forças com Indiana ou Miami.

A eliminatória de maior cartaz na 1.ª ronda da Conferência Este será a de Boston Celtics e Philadelphia 76ers, que não poderão contar com o contributo de Ben Simmons (segunda maior figura da equipa depois de Joel Embiid) por tempo indeterminado, depois da lesão do base na patela do joelho esquerdo no jogo contra os Wizards, na reta final da época regular.

Por fim, os campeões Toronto Raptors (segundo candidato mais provável, segundo a Betano, a ganhar o Este, com odds de 3.50) terão pela frente, na 1.ª ronda, a reformulada equipa dos Brooklyn Nets (que, surpreendentemente, se bateu muito bem na “bolha”), estando previsto um escaldante confronto, nas semifinais, entre a equipa de Nick Nurse e Boston ou Philadelphia.

MILWAUKEE E TORONTO FAVORITOS NO ESTE

Relativamente ao vencedor final da NBA, o mercado sofreu alterações nos últimos tempos. Talvez a falta de consistência que Lakers e Clippers mostraram na “bolha” de Orlando tenha contribuído para a mudança nas cotações.

Nesta altura, os Milwaukee Bucks são os principais candidatos a ganhar o título, como demonstra a cotação de 3.25 na Betano. Seguem-se à equipa de Giannis, sem surpresa, Clippers e Lakers, ambos com odds de 3.50 para erguer o caneco.

 

Gostaste do nosso conteúdo?
Então regista-te no nosso canal do Youtube. Entra nas nossas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter. Ainda tens o nosso Chat no Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASA DE APOSTAS
3,8 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
4,0 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.