Reagendada para dois dias antes do dia de Natal, por força do forte preenchimento do calendário devido à pandemia, a Supertaça Cândido de Oliveira tem lugar já amanhã, no Estádio Municipal de Aveiro. FC Porto e Benfica, eternos rivais e maiores candidatos ao próximo título de campeão, voltam a medir forças, na discussão pelo primeiro troféu da temporada.

MERCADO DÁ O FAVORITISMO AO BENFICA E COLOCA PORTO COMO “UNDERDOG” NA SUPERTAÇA

Um cenário que nos permitirá extrair algum valor nas apostas a favor dos “dragões”? A verdade é que as duas equipas não têm estado ao seu melhor nível até à data neste primeiro terço da época de 2020/21, mas tem sido o FC Porto a equipa mais consistente e equilibrada, ao nível do futebol praticado, nas semanas mais recentes.

Além das exibições bastante cinzentas realizadas pela equipa do Benfica de há várias jogos a esta parte, os resultados também indicam que são os azuis-e-brancos a chegar em melhor momento de forma (10 vitórias nos últimos 11 jogos).

Outro fator que contraria de forma evidente o mercado e que pode fazer a balança pender para o lado do campeão nacional em título é o histórico recente de confronto direto, com o FC Porto a contar com quatro vitórias nos últimos cinco “clássicos” diante do Benfica, sendo os de melhor memória as duas vitórias na última edição da Liga NOS e na final da última Taça de Portugal.

A verdade é que, aparentemente, os oddsmakers continuam a valorizar bastante o elevado investimento feito pela equipa de Jorge Jesus e o facto de ser o Benfica a contar, no plano teórico, com as melhores individualidades.

Na Betano, a vitória do FC Porto no tempo regulamentar paga a 3.05, o Empate a 3.30 e a vitória do Benfica a 2.32.

O favoritismo considerável para as “águias” levantarem o troféu fica ainda mais evidente no mercado “Para vencer a taça”: 2.02 para o FC Porto, 1.65 para o Benfica nas principais casas de apostas.

A título ilustrativo, para quem aprecia o mercado de jogadores a marcar, saltam à vista duas odds interessantes, relativamente aos dois melhores marcadores de cada uma das equipas (curiosamente, dois médios) para marcar qualquer altura: Sérgio Oliveira a 4.30 e Pizzi a 3.05.

Porto e Benfica frente a frente na primeira decisão de 20/21

O PRIMEIRO “CLÁSSICO” ENTRE “ÁGUIAS” E “DRAGÕES” DA TEMPORADA QUE VALE JÁ UM TÍTULO

Competição disputada a apenas um jogo que coloca frente a frente o vencedor do campeonato e da Taça de Portugal, em 2020/21 a Supertaça Cândido de Oliveira decorrerá entre o FC Porto (que conquistou a “dobradinha” na última época) e o Benfica (finalista vencido da “prova-rainha”).

Para Jorge Jesus, este será o primeiro “jogo grande” desde o seu regresso ao futebol português, pela porta do Estádio da Luz, enquanto que para Sérgio Conceição será mais uma oportunidade de confirmar a superioridade em matéria de clássicos (em 20 jogos contra Benfica e
Sporting, o atual treinador do FC Porto venceu 10 e só foi derrotado… em três).

Acredito que, apesar de ser o título mais desvalorizado do futebol português todos os anos, desta feita a Supertaça poderá ter um sabor especial, até como se tem visto pela importância que a imprensa desportiva nacional tem dado à disputa desta quarta-feira com alguns dias de antecedência.

Talvez porque Porto vs Benfica constituam a maior rivalidade da atualidade no futebol português, mas também porque ambos não têm estado ao nível das expectativas neste primeiro terço da época desportiva, especialmente no campeonato, onde “águias” e “dragões” correm atrás na luta pela liderança, ocupada pelo Sporting, no mínimo até à entrada da última semana de 2020.

O HISTÓRICO DE JORGE JESUS CONTRA SÉRGIO CONCEIÇÃO

A título de curiosidade, o primeiro jogo que colocou frente a frente os dois treinadores remonta à temporada 2011/12, num jogo realizado em Olhão, onde o Olhanense, de Sérgio Conceição, conseguiu empatar a 0-0 frente ao Benfica, de Jorge Jesus, na sua primeira passagem pela Luz.

Quase uma década depois, Conceição e Jesus já se defrontaram em 15 ocasiões, com o treinador de 66 anos a levar a melhor, com oito vitórias, três empates e apenas quatro derrotas.

MERCADO DÁ O FAVORITISMO AO BENFICA E COLOCA PORTO COMO “UNDERDOG” NA SUPERTAÇA

Ao serviço do Sporting, antes de rumar ao futebol saudita e ao Brasil, Jorge Jesus defrontou o FC Porto de Conceição em cinco ocasiões: ao nível do tempo regulamentar, o saldo é de duas vitórias para o treinador dos “dragões”, dois empates e um triunfo para o técnico natural da Amadora.

Curiosamente, nas decisões respeitantes a eliminatórias foi Jorge Jesus que sorriu mais, por duas vezes após a marcação de grandes penalidade, nas meias-finais da Taça da Liga em 2018 e, novamente, na disputa pelo acesso à final mas da Taça de Portugal na mesma temporada.

 

Gostaste do nosso conteúdo?
Então regista-te no nosso canal do Youtube e assiste aos nosso Podcasts de Apostas. Entra nas nossas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter. Ainda tens o nosso Canal de Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
3,5 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 100€ euros.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
4,0 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.