QPR vs Tottenham – Premier League

Aposta Ganha / Destaques do Desporto e das Apostas / QPR vs Tottenham – Premier League

Premier LeagueQPR: A equipa visitada chega a este encontro classificada na última posição do campeonato inglês, somando apenas 13 pontos e estando por isso numa situação extremamente complicada, vendo a linha de água longe, contando com um atraso de 6 pontos para o Southampton, 17º classificado, algo que, ainda assim, é perfeitamente recuperável.

A equipa conta com o pior ataque da competição a par do Aston Villa, com apenas 17 golos marcados, enquanto por outro lado é também uma das piores defesas, com um total de 36 golos sofridos, com apenas Reading, Wigan, Southampton, Aston Villa, Newcastle e Fulham a terem piores registos defensivos.

Os registos de resultados da equipa dizem tudo acerca da temporada da equipa: apenas 3 vitórias em 24 jogos até ao momento, com duas delas a sucederem pelas mãos de Harry Redknapp, depois da escolha da direcção para este ser o técnico do clube após a dispensa de Mark Hughes.

A equipa vem desta forma de uma série de dois jogos consecutivos sem derrotas, algo que praticamente ainda não sucedeu nesta época, vencendo em Londres o Chelsea e empatando em casa frente ao West Brom (1-1), isto depois de mais uma má fase de resultados em que a equipa sofreu três derrotas consecutivas.

Indisponíveis: Diakité, Johnson, Zamora, Traoré, Hoilett, Ephraim e Bosingwa.
XI provável: Júlio Cesar; Onuoha, Nelsen, Hill, Fabio; Derry; Mackie, Mbia, Granero, Wright-Phillips; Taraabt

TOTTENHAM: O Tottenham por sua vez está a realizar uma boa prova na Premier League, situando-se no pódio da competição e sendo o actualmente o perseguidor mais directo de Manchester City e Manchester United, totalizando 39 pontos, tendo um ligeiro atraso de 6 pontos para os «citizens» e um atraso mais severo para o líder Man Utd de 13 pontos.

Os «spurs» contam com o quarto melhor ataque da competição, totalizando 39 golos marcados, enquanto por outro lado não são das equipas com melhor registo defensivo, já que em apenas 21 jornadas já sofreram um total de 27 golos adversários.

A nível dos resultados, a formação londrina vem de uma grande série de resultados, aliás, a melhor série de resultados da temporada, com uma sequência de seis jogos consecutivos sem ser derrotado e para além disso uma sequência de quatro triunfos consecutivos, denotando neste período uma grande veia goleadora (12 golos marcados em 4 jornadas), sendo que para além disso até já marcou na grande maioria dos jogos que efectuou nesta temporada (nos 30 totais, marcou em 26), ainda que por outro lado tenha sofrido em 21.

Fora de casa, o Totenham é a segunda equipa da competição que tem mais vitórias somados, contando com seis vitórias em dez jornadas.

Indisponíveis: Gallas e Kaboul
XI provável: Lloris; Walker, Dawson, Vertonghen, Naughton; Lennon, Sandro, Dembélé, Bale; Defoe, Adebayor

CONCLUSÃO: O QPR é uma equipa que tem demonstrado muita inconstância ao longo da temporada e vem de uma série que na generalidade ainda assim é negativa, ainda que nos seus últimos dois jogos tenha conseguido um alívio importante no que toca à pressão sobre a equipa, ao conquistar três pontos muito importantes no campeonato e ainda a conseguir um resultado relativamente positivo na Taça de Inglaterra, algo que pode permitir algum ganho de confiança da equipa, mas também do próprio técnico Harry Redknapp e que pode muito bem “servir de desculpa” para um pontapé na crise desportiva da equipa.

De qualquer forma, a equipa vem de uma série de resultados caseiros que não se podem considerar minimamente positivos sequer, com a equipa a apenas triunfar em dois encontros desde o início da temporada num total de 13 e não vencendo há já três jogos, sendo que a única vitória caseira para o campeonato sucedeu há quatro jogos atrás frente ao Fulham por 2-1, sendo que de qualquer forma a equipa fez entretanto um jogo miserável com o Liverpool, acabando vergada por 3-0.

Do lado do Tottenham, a equipa treinada pelo ex-FC Porto André Villas-Boas está claramente na sua melhor fase da temporada e atravessa uma grande fase de confiança, vencendo os seus últimos quatro jogos realizados, colocando-se no topo da classificação no campeonato inglês e estando ainda na luta pela conquista da Taça de Inglaterra, vindo de um jogo em que afastou o Coventry por 3-0, passando assim à próxima fase da prova, sendo actualmente uma das equipas favoritas à sua conquista.

De qualquer forma, a equipa tem praticado um futebol de boa qualidade ofensiva, marcando muitos golos e sendo por isso um dos melhores ataques da Premier League, ainda que por outro lado denote debilidades defensivas preocupantes para AVB e até para os próprios jogadores. Os «spurs» contam com o segundo melhor registo visitante ao nível das vitória, com seis triunfos em dez partidas.

Resumindo e concluindo, a equipa londrina vem de uma grande série de resultados e está numa forma espectacular, sendo que o facto de Adebayor ainda puder fazer um último jogo antes de partir para a sua participação na CAN é também muito importante para o técnico português, que poderá continuar a apostar numa táctica que tem resultado, sendo que após esta partida esse será um problema sério e que dará muito que pensar.

De qualquer forma, o Tottenham vem praticando um excelente futebol ofensivo e fora de casa especialmente parece manter uma certa constância muito importante, triunfando ao longo das últimas semanas em terrenos extremamente adversos, ao contrário de alguns dos seus rivais, ainda que tenha sido batido frente aos seus rivais nos seus jogos forasteiros.

De qualquer forma, o QPR também ele está numa grande constância devido ao pouco trabalho que ainda foi possível fazer por parte de Redknapp, que já conseguiu limar algumas arestas importantes, mas sabendo que há certos aspectos da equipa que ainda precisam de redefinição, nomeadamente a confiança e a motivação, que não se têm visto para os lados da equipa.

Desta forma, acredito que obviamente o técnico inglês encare este jogo com importância, já que neste momento todos os pontos são importantes na luta pela manutenção, mas ainda assim saberá que os jogos mais decisivos ocorrerão frente aos rivais directos e equipas próximas do fundo da tabela classificativa, o que pode, mesmo inconscientemente determinar que este jogo possa ser um pouco esquecido em certos aspectos em relação aos restantes.

No fundo, acredito que o Tottenham demonstre a habitual e típica postura ofensiva, já que poderá contar com uma equipa na máxima força e aproveitar a confiança em alta para abater um alvo frágil que tem estado abaixo das expectativas e tem a sua confiança em níveis mínimos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
3,5 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
4,0 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.