Rayo Vallecano vs Valladolid – Primera

Aposta Ganha / Destaques do Desporto e das Apostas / Rayo Vallecano vs Valladolid – Primera

Primera O Rayo Vallecano é 7º classificado do maior campeonato de futebol espanhol e vem de uma derrota, fora de casa, frente ao Real Madrid, por 2-0, o que não se pode considerar como tendo sido um resultado muito mau para esta equipa.

Em termos de registos, a jogar no seu estádio, neste campeonato e até ao momento, esta equipa soma 8 vitórias, um empate e 3 derrotas, o que demonstra que é no seu estádio que esta equipa mais vezes consegue impor o seu futebol e sair vitoriosa, face às demais equipas que compoêm esta prova.

Totalizando os golos deste conjunto, neste campeonato e até à data, o mesmo tem 33 golos marcados e 41 sofridos, que correspondem, respectivamente, ao 9º ataque mais eficaz e à 5ª defesa que mais golos permite, o que perfaz uma das 5ªs piores diferenças de golo, desta prova.

Tacticamente, este conjunto joga num 4-5-1, que pode ser descrito, na horizontal e a pormenor, como um 4-2-3-1, que tem em Piti o melhor marcador da equipa e um dos 8ºs melhores marcadores deste campeonato, até ao momento, com 10 golos marcados em 21 partidas disputadas, o que perfaz 0,47 golos por jogo e 30% do total de golos, deste conjunto.

Em termos de novidades, Raúl Tamudo entra nas opções do treinador para este jogo, treinador este que não contará, por opção, com Nacho Martínez, Alberto Perea e Dani Gimenez e que, nas ausências, não poderá contar com Lass, que está castigado e Rodri e Labaka, que estão lesionados, nesta partida.

É também de referir que este conjunto de 3 jogadores indisponíveis soma, neste campeonato, 35 entradas em campo e 3 golos marcados, pelo que estas ausência se deverão sentir, sobretudo, no ataque desta equipa.

Lista de convocados do Rayo Vallecano: Rubén e Cobe, Tito, Casado, Figueras, Amat, Gálvez e Arbilla, Adrián, Javi Fuego, Trashorras, Vázquez, Piti e José Carlos, Chori, Deli, Leo e Raúl Tamudo.

Onze provável do Rayo Vallecano: Rúben, Tito, Gálvez, Jordi Amat, Casado, Trashorras, Javi Fuego, Piti, Domínguez, José Carlos e Léo Baptistão.

O Real Valladolid é 13º classificado da Liga BBVA espanhola e vem de uma série de 4 jogos consecutivos sem vencer, o que indica o mau momento de forma que esta equipa atravessa, neste momento. Em termos de registos, a jogar fora do seu estádio, neste campeonato e até ao momento, esta equipa soma 3 vitórias, 2 empates e 6 derrotas, o que revela que, fora do seu estádio, esta equipa tem sentido bastantes dificuldades para conseguir competir, nos resultados, com a maioria das equipas que compôem esta prova.

Totalizando os golos desta equipa, neste campeonato e até ao momento, esta tem 32 golos marcados e 32 sofridos, que correspondem, respectivamente, ao 10º ataque mais eficaz e à 7ª defesa que menos golos permite, o que perfaz a 6ª melhor diferença de golos, desta prova. Tacticamente, este conjunto joga num 4-5-1, que pode ser descrito, na horizontal e a pormenor, como um 4-2-3-1, que tem em Óscar González o melhor marcador da equipa e um dos 11ºs melhores marcadores deste campeonato, até ao momento, com 9 golos marcados em 23 partidas disputadas, o que perfaz 0,39 golos por jogo e 28% do total de golos desta equipa.

Em termos de regressos, Sereno cumpriu castigo e Óscar recuperou de lesão, pelo que ambos voltam a puder fazer parte das opções do treinador, ao passo que em termos de ausências, Víctor Pérez, Ebert, Marc Valiente e Rama estão lesionados, não podendo, por isso, ser incluidos na convocatória. É também de referir que o lote de 4 jogadores lesionados soma 50 entradas em campo e 8 golos marcados, pelo que será de esperar um meio-campo bastante debilitado, nesta partida.

Lista de convocados do Real Valladolid: Jaime e Dani Hernández, Rukavina, Sereno, Peña, Balenziaga e Baraja, Rueda, Álvaro Rubio, Sastre, Larsson e Omar, Neira, Bueno, Lolo, Óscar, Manucho Gonçalves e Guerra.

Onze provável do Real Valladolid: Dani Hernández, Rukavina, Sereno, Javi Rueda, Balenziaga, Álvaro Rúbio, Sastre, Omar, Óscar, Bueno e Manucho Gonçalvez.

É esperada uma temperatura a rondar os 4 graus, à hora do jogo, sem possibilidades de chuva, o que, certamente, não ajudará a manter os níveis físicos dos jogadores, durante toda a partida, e, portanto, também os níveis de espectacularidade deste jogo entre duas equipas em metades distintas do maior campeonato de futebol profissional de Espanha sairão prejudicados.

Em confronto teremos, então, o 7º classificado, contra o 13º, pelo que, desde logo, o favoritismo para vencer este encontro está do lado da equipa da casa, que vem de uma derrota, fora de casa, frente ao Real Madrid, por 2-0, e que sofreu, na primeira volta deste campeonato e frente a esta equipa, uma derrota bastante pesada de 6-1, pelo que a mesma deverá querer-se vingar desse jogo.

Em termos de comparação táctica, teremos dois conjuntos a actuar em 4-5-1, ou seja, 4-2-3-1, o que faz adivinhar que iremos ter, nesta partida, equilibrio posicional e numérico de jogadores a meio-campo, o que deixará os desiquilibrios deste jogo para os planos físicos, técnicos, de disciplina táctica, eficácia ofensiva, capacidade de criação de linhas de passe, de desmarcações e de eficácia da conversão dos lances de bola parada, planos estes onde ambas as equipas até possuem níveis bastante semelhantes, mas visto que a equipa visitante terá um meio-campo bastante debilitado pelas 3 ausências de revelo neste sector, deverá sentir-se um maior poderio ofensivo da equipa da casa, neste jogo, que terá o factor-casa do seu lado e o sentimento de vingança após uma derrota de 6-1 imprimida pela equipa visitante, no seu estádio, na primeira volta deste campeonato.

Para a escolha do meu prognóstico, e tendo em vista que este é um jogo com bastante importância para a equipa da casa, visto que o Málaga e o Bétis, dois adversários mais bem colocados na classificação, jogarão entre si, optei pelo mercado de golos da equipa da casa, pois acredito que esta equipa conseguirá repetir, o numero de golos já alcançado por 4 vezes, em 12 partidas efectuadas no seu estádio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
3,5 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
4,0 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.