A France Football, publicação francesa que anualmente é responsável por atribuir a Bola de Ouro, elegeu recentemente o melhor onze de todos os tempos da história do desporto-rei e o destaque é a inclusão de Cristiano Ronaldo. O internacional português, detentor de vários recordes e que brilha aos 35 anos pela Juventus, está ao lado de nomes como Pelé, Maradona ou Messi.

‘BALON D’OR DREAM TEAM’ SUBSTITUI BOLA DE OURO EM 2020

Num ano fortemente marcado a nível mundial pela pandemia do novo coronavírus, que levou alguns campeonatos a uma longa interrupção e outros a nem terminarem, a revista francesa France Football optou por não atribuir a Bola de Ouro, famoso troféu que distingue o melhor jogador do Mundo no ano em questão.

Sem a atribuição da carismática distinção – que, ano após ano, faz aumentar a rivalidade entre os fãs de Cristiano Ronaldo e Lionel Messi –, a publicação resolveu oferecer a oportunidade de escolher o melhor ‘onze’ de sempre na história do futebol a 140 jornalistas de várias nacionalidades, os mesmos que, habitualmente, votam para a Bola de Ouro. Difícil tarefa, hein?

Diego Armando Maradona, argentino que recentemente deixou o mundo do futebol mais pobre com a sua partida, e o brasileiro Pelé, duas das maiores figuras de todos os tempos, foram incluídos na lista de selecionáveis, dado que, nas suas épocas de atuação, a Bola de Ouro ainda não era atribuída.

A lista final integra uma equipa que foi montada num 3x4x3 bem ofensivo, por forma a facilitar a distinção de craques de pendor atacante, frequentemente mais valorizados pela capacidade de influência (mais direta) no sucesso coletivo das suas equipas do que os jogadores de setores mais defensivos.

O destaque é a inclusão de um nome português: Cristiano Ronaldo. Detentor de vários recordes e nomeado para o prémio ‘The Best’ da FIFA (ver abaixo) aos 35 anos de idade, o internacional luso continua a gozar de enorme influência na Juventus, eneacampeã italiana em título que saiu recentemente em sorte ao FC Porto nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões.

‘BALON D’OR DREAM TEAM’ SUBSTITUI BOLA DE OURO EM 2020

 

A REAÇÃO DE CR7 À DISTINÇÃO DA FRANCE FOOTBALL

Poucas horas após ter sido tornada pública a lista final dos 11 jogadores que compuseram a ‘Ballon d’Or Dream Team’, Cristiano Ronaldo mostrou toda a sua satisfação por estar entre os finalistas, por via de uma publicação nas redes sociais.

«Sinto-me muito honrado por fazer parte do melhor onze de sempre da France Football. Que extraordinário Dream Team… Todos merecem o mesmo respeito e admiração e, obviamente, sinto-me orgulhoso por estar entre estes extraordinários jogadores. Obrigado», publicou.

RONALDO NOS FINALISTAS PARA O PRÉMIO ‘THE BEST’

Se a France Football optou por recuar e ficar de fora das distinções do melhor jogador do Mundo em 2020, a FIFA não se coibiu de manter a distinção do prémio ‘The Best’, atribuído desde o ano de 2016 e vencido, na sua última edição, por Lionel Messi.

Em 2020, o trio de finalistas candidato à distinção de melhor futebolista do ano coloca Cristiano Ronaldo ao lado do argentino Lionel Messi e do polaco Robert Lewandowski (que ajudou o Bayern a ganhar tudo o que havia para conquistar na última época).

A lista inicial, divulgada pela FIFA ainda em novembro, integrava, além dos três finalistas, os seguintes jogadores: Thiago Alcântara, Kevin De Bruyne, Sadio Mané, Kylian Mbappé, Neymar, Sergio Ramos, Mohamed Salah e Virgil Van Dijk.

O ONZE DISTINGUIDO E VÁRIOS CRAQUES HISTÓRICOS DE FORA

⚽Lev Yashin na baliza, um trio defensivo composto por Cafu, Franz Beckenbauer, Paolo Maldini, um meio-campo bem curto a cargo de Lothar Matthäus e Xavi Hernández e um ataque entregue a Maradona, Pelé, Ronaldo Nazário, Lionel Messi e Cristiano Ronaldo.

Foi este o ‘onze’ final publicado pela France Football, de acordo com a votação dos jornalistas escolhidos para o efeito, cuja tarefa terá sido, naturalmente, bastante complicada.

O ONZE DISTINGUIDO E VÁRIOS CRAQUES HISTÓRICOS DE FORA

Como este tipo de escolhas envolve sempre muita controvérsia, pela emoção e as várias suscetibilidades que fazem erguer, levantou-se automaticamente pelas redes sociais fora alguma polémica, com a não-inclusão de vários craques de enorme qualidade.

De trás para a frente, nomes como Carlos Alberto Torres, Franco Baresi, Alfredo Di Stéfano, Zinédine Zidane, Johan Cruijff, Michel Platini, Ronaldinho Gaúcho ou Garrincha poderiam perfeitamente ter figurado entre as primeiras escolhas.

Os jogadores que acabei de referir, entre outros que deixaram profunda marca na história do futebol mundial, foram integrados numa segunda e terceira equipas divulgadas pela France Football.

A polémica sobe de tom quando percebemos que “monstros” como Gerd Müller ou Ferenc Puskás ficaram de fora dos escolhidos no geral.

 

Gostaste do nosso conteúdo?
Então regista-te no nosso canal do Youtube e assiste aos nosso Podcasts de Apostas. Entra nas nossas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter. Ainda tens o nosso Canal de Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
3,5 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
4,0 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.