Shakhtar Donetsk vs Dortmund – Liga dos Campeões

Aposta Ganha / Destaques do Desporto e das Apostas / Shakhtar Donetsk vs Dortmund – Liga dos Campeões
Carlos Matos Rodrigues

Licenciado em Ciências da Comunicação – Ramo de Jornalismo na Faculdade de Letras do Porto e Jornalista na SportTV.

Este jogo dos oitavos de final que vai colocar frente a frente as equipas do Shaktar Donetsk e do Borussia Dortmund é, quanto a mim, daqueles jogos que deixam água na boca. Desde o sorteio que foi um dos jogos que fiquei com mais desejo de ver, precisamente pelo facto de colocar em confronto duas das equipas com futebol mais “positivo” que estão em prova.

Tanto os ucranianos como os alemães são equipas de bola para a frente, que privilegiam muito mais o ataque do que a defesa e que, além de tudo isto, possuem jogadores de enorme técnica individual do meio campo para a frente, mas não têm defesas assim tão coesas que lhes garantam muitos jogos em branco (nas competições internas isto não é tanto assim para o Shaktar, mas também há que analisar o nível médio de equipas que defrontam, bem mais baixo do que numa prova europeia). Olhemos aos números:

Overs/unders do Shaktar em jogos oficiais esta época: 17-10

Os ucranianos passaram o seu grupo no 2º lugar, atrás da Juventus, tendo relegado o ainda vencedor da prova para a Liga Europa. Com um score de 12-8 em golos, foi um grupo em que ficou bem clara a apetência desta equipa para criar oportunidades de golo e para as concretizar também, isto apesar de ter pela frente equipas que jogavam num estilo bem mais fechado do que este próximo adversário.

Contra a equipa do Shaktar Donetsk poderá pesar o facto de já não competirem oficialmente há mais de 2 meses. O último jogo oficial do campeão ucraniano foi, precisamente, para a Liga dos Campeões, no último jogo da fase de grupos. O campeonato local cumpre, ainda, a pausa de Inverno e por isso o Shaktar não tem podido fazer mais do que jogos amigáveis de preparação, numa segunda pré-época incluída dentro da época. Mas o ADN da equipa está lá e certamente não terá mudado devido a esta pausa… ataque, ataque, ataque e a jogar na Donbass Arena a tendência é para quererem ser mandões, como (quase) sempre.

Mircea Lucescu é o técnico da equipa e uma raposa velha do futebol. Dentro do plantel quase parece haver duas equipas totalmente distintas… O núcleo dos guarda-redes/defesas, que é totalmente europeu e em grande parte ucraniano… e o núcleo do meio-campo/ataque, que é uma verdadeira colónia sul-americana, de tantos brasileiros que povoam essa zona do campo. Mesmo tendo perdido Willian neste mercado de Janeiro (baixa assinalável), a equipa continua a manter o seu estilo abrasileirado muito vincado, com Fernandinho, Douglas Costa, Ilsinho, Alex Teixeira, Luiz Adriano, Taison ou Eduardo (este último que tem nacionalidade croata, mas fica facilmente perceptível pelo nome que não nasceu em Zagreb). No meio dos brasileiros surge uma jovem promessa, vindo da Arménia, de seu nome Henrikh Mkhitaryan, que tem vindo a conquistar o seu espaço na equipa. São muitas as opções… e credenciais de ataque importantes.

Overs/unders do Dortmund em jogos oficiais esta época: 22-9

Os alemães faziam parte do chamado “grupo da morte”, composto por 4 campeões nacionais, lado a lado com Real Madrid, Manchester City e Ajax. Num grupo tão difícil os alemães não tremeram e passaram sem qualquer derrota. 4 vitórias e 2 empates, com 11 golos marcados e apenas 5 golos sofridos e um primeiro lugar totalmente merecido, na frente do Real Madrid.

A nível interno, o bi-campeão alemão não tem convencido esta época e segue já muito longe do actual líder do campeonato Bayern de Munique. A entrada foi tremida e a equipa continua a alternar o óptimo com o péssimo, pois tanto consegue impôr goleadas convincentes fora de casa (5-0 no campo do Werder Bremen recentemente), como é goleado na sua própria casa, como aconteceu no último fim-de-semana (1-4 frente ao Hamburgo… e até começaram a ganhar!). Mas o ADN deste Dortmund de Jurgen Klopp, tal como o do Shaktar, é de futebol total, com artistas de enorme qualidade nas linhas mais adiantadas do campo.

Roman Weidenfeller é o dono da baliza, por detrás de uma defesa que tem alguns nomes conhecidos, como Hummels ou Piszczek, mas que nem sempre deslumbra (e até tem tido as suas melhores performances da temporada nos jogos europeus). Daí para a frente, Klopp tem a sorte de quase poder baralhar e tirar aos calhas os jogadores a colocar em campo, pois tem várias soluções de qualidade e alguns jogadores que são das maiores promessas do futebol (ou até mesmo certezas, apesar de novos), como é o caso de Mario Gotze, um pequeno-enorme jogador! Com Großkreutz, Gundogan, Kuba, Sahin, Marco Reus ou Lewandowski, tudo isto misturado com o tipo de jogo implementado por Klopp, parece quase obrigatório que o Dortmund jogue de prego a fundo… Prova disso é a quantidade de jogos com over 2,5 golos. O último jogo do Borussia a terminar com under 2,5 foi já em 4 de Dezembro (há 2 meses e 1 semana), no último jogo da fase de grupos da Champions, quando venceram o Manchester City por 1-0.

Conclusão: Esta talvez seja das conclusões mais simples de fazer. Com tantos pergaminhos de ambas as equipas no que diz respeito ao futebol de ataque, com o Shaktar a querer voltar da melhor forma à competição depois de uma pausa tão grande na competição, que deve estar a deixar os jogadores famintos (e que palco melhor para voltar a competir do que a Champions?), com o Borussia Dortmund a querer conseguir um bom resultado para apagar a pesada derrota do fim de semana em casa e sabendo que marcar fora é importante para chegar a casa com perspectivas mais risonhas e, acima de tudo, com duas equipas que sabem que têm do outro lado defesas exploráveis e que sabem também que, por não estarem a defrontar um colosso europeu, têm uma hipótese de ouro para seguir para os quartos de final, o que me faz pensar que ambas vão querer assumir o jogo e atacar… creio que este jogo tem todos os ingredientes para que tanto Shaktar como Borussia marquem e para que a bola entre nas balizas por 3 ou mais vezes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
3,5 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
4,0 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.