Absolutamente épico. É esta a forma que encontro para descrever a reta final dos 90 minutos que colocaram frente a frente, esta terça-feira, as equipas do FC Porto e do Sporting. Após 80 minutos de um futebol de muito combate e pouca qualidade estética, três golos caíram do céu e Jovane Cabral saiu do banco para colocar os “leões” na final da Taça da Liga.

FC PORTO VOLTA A FALHAR NA TAÇA DA LIGA E SPORTING ESTÁ NA FINAL COM REVIRAVOLTA ÉPICA

O encontro desta terça-feira, referente às meias-finais da ‘Final Four’ da Taça da Liga, foi antecedido de um forte “bate boca” fora das quatro linhas, com ambos os clubes a trocarem galhardetes através de notas oficiais, tudo devido à questão relacionado com os falsos positivos dos testes a Andraz Sporar e Nuno Mendes.

Em campo, o jogo começou com um FC Porto mais afoito e agressivo na abordagem à disputa de cada lance e um Sporting com dificuldades em sair do seu meio-campo.

Apesar de uma ligeira superioridade inicial dos “dragões”, a equipa de Rúben Amorim conseguiu soltar-se de algumas amarras e caminhou para o intervalo com mais posse, ainda que sem criar oportunidades de golo.

A única chance dos primeiros 45 minutos até pertenceu ao FC Porto, com Moussa Marega a falhar a emenda à boca da baliza, após uma má abordagem de Sebastián Coates na pequena área.

Na segunda parte, o equilíbrio e uma nova superioridade mais ou menos vincada por parte da equipa de Sérgio Conceição foi tomando conta dos acontecimentos, ainda que a toada da dificuldade para criar desequilíbrios às defesas contrárias se mantivesse.

Ao minuto 79, Marega conseguiu uma incursão pela zona central sem que ninguém o travasse e, um pouco aos trambolhões, acabou mesmo por introduzir a bola na baliza de Adán, que ficou pregado ao chão, sem reação, ao ver o remate frouxo do maliano ultrapassar a sua linha de baliza.

O apuramento azul-e-branco para a final da Taça da Liga parecia estar perto de garantido, mas Jovane Cabral saltou do banco já dentro dos últimos 10 minutos para ser o herói de uma partida mal jogada, mas que acabou com uma enorme dose de emoções fortes.

FC PORTO VOLTA A FALHAR NA TAÇA DA LIGA E SPORTING ESTÁ NA FINAL COM REVIRAVOLTA ÉPICA

É que, aos 86’, o jovem avançado lançado do banco por Amorim para o lugar de Tiago Tomás aproveitou uma bola perdida após um lance de bola parada para apontar um grande golo e fixar o empate, fazendo tudo indicar que a disputa seria levada, uma vez mais entre FC Porto e Sporting, para as grandes penalidades.

Puro engano. Já em tempo de compensação, a segundos do apito final de João Pinheiro, Jovane Cabral, solicitado por Pedro Gonçalves, voltou a concluir com chave de ouro, desta feita um contra-ataque dos “leões”. Muita emoção como prevíamos aqui: Final Four da Taça da Liga aí à porta com muita emoção

Está, assim, encontrado o primeiro finalista da Taça da Liga 20/21, com o Sporting a agudizar a maldição do FC Porto numa competição onde continua sem conseguir vencer o troféu respetivo.

FC PORTO ELIMINADO DA TAÇA DA LIGA COM GOLOS SOFRIDOS NOS DESCONTOS HÁ TRÊS EDIÇÕES SEGUIDAS

Grande obreiro das mais recentes conquistas do FC Porto, o treinador Sérgio Conceição não tem boas memórias da Taça da Liga, prova onde os “dragões” ainda não conseguiram uma única vitória na final.

Desta vez, a equipa azul-e-branca nem chegou à final, cenário que conseguiu em 2018/19 e 2019/20. Há dois anos, o FC Porto sofreu golos aos 90+2’ (de Bas Dost) e acabaria por perder contra o Sporting nas grandes penalidades.

Na última temporada, foi o Braga (pela mão de Ricardo Horta, aos 90+5’…) a conseguir derrotar os portistas na final da Allianz Cup, uma prova de má memória e que tem sido uma autêntica maldição para o Dragão.

CONCEIÇÃO FALA EM INJUSTIÇA E CRITICA A ARBITRAGEM

O treinador do FC Porto era a imagem da forte desilusão da equipa azul-e-branca após perder a oportunidade de marcar presença na final da Taça da Liga, agendada para o próximo sábado frente a Braga ou Benfica.

«A equipa fez um bom jogo. Estivemos sempre por cima, criando mais situações que o adversário. No primeiro remate enquadrado na baliza, aos 86 minutos, fazem o golo. Tivemos algumas situações para ter um resultado diferente. Como se diz no futebol, é um resultado um bocado caído do céu. Merecíamos estar na final, não aconteceu. Já que olhar para o nosso principal objetivo, que é o campeonato», afirmou Sérgio Conceição.

As críticas à arbitragem voltaram a estar na ordem do dia, poucos dias depois do “clássico” frente ao Benfica, analisado aqui: Clássico bem quentinho entre Porto e Benfica na Liga NOS

Além de apontar a incompreensão pela expulsão de Vítor Bruno (técnico-adjunto), o treinador dos “dragões” considerou que Palhinha, médio do Sporting, deveria ter sido expulso.

«Em todos os jogos é isto, é difícil haver dois pesos e duas medidas. Não tem a ver com o facto de sermos uma região e querermos lutar contra toda a gente, eu sinto-me prejudicado».

 

Gostaste do nosso conteúdo?
Então regista-te no nosso canal do Youtube e assiste aos nosso Podcasts de Apostas. Entra nas nossas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter. Ainda tens o nosso Canal de Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
3,5 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 100€ euros.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
4,0 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.