Steve Johnson vs Milos Raonic – Valência

Aposta Ganha / Destaques do Desporto e das Apostas / Steve Johnson vs Milos Raonic – Valência

Jogo pela 1ª ronda do ATP 500 de Basel, disputado no piso Indoor Hard em território suíço, que coloca frente a frente o americano Steve Johnson e o canadense Milos Raonic.

Apresentação dos jogadores:

Jogador: Steve Johnson
Nacionalidade: Estados Unidos
Idade: 24 (24-12-1989)
Altura e Peso: 1,88 e 86 kg
Ranking Atual: 41
Melhor ranking na carreira: 41 em 13-10-2014
Valores em prêmios recebidos até hoje: $ 1,014,211
Valores em prêmios recebidos esta temporada: $ 485,318
Vitórias\Derrotas nesta temporada: 19-19
Vitórias\Derrotas nesta temporada em nível de challengers e qualifyings: 26-6
Destaques nesta temporada: No piso duro foi as quartas no ATP 250 de Auckland após sair do qualy, fez semi no ATP 250 de Delray Beach saindo também do qualy, conquistou os Challengers de Dallas e Le Gosier, foi à final no Challenger de Irving, quartas no ATP 500 de Washington, terceira ronda em Cincinnati, quartas no ATP 500 de Tóquio. No saibro foi a final no Challenger de Bordeaux. Na grama foi as quartas no ATP 250 de Newport.
Principais vitórias nesta temporada: No piso duro venceu Baghdatis e K. Anderson no ATP 250 de Auckland, Harrison no Challenger de Dallas, Kukushkin, Haas e F. Lopez no ATP 250 de Delray Beach, B. Bekcer e Tobias Kamke no Challenger Irving, Kenny de Schepper no Challenger de Le Gosier, Isner e Karlovic no ATP 500 de Washington, Paire e Gulbis em Cincinnati, Granollers no ATP 500 de Tóquio. No saibro venceu Schwartzman e Goffin no Challenger de Bordeaux. Na grama derrotou Kenny de Schepper no ATP 250 de Hertogenbosch.
Maiores surpresas (jogos perdidos) nesta temporada: No piso duro perdeu para Jose Statham no Challenger de Noumea.
Ultimo torneio disputado: Vem de Shangai, onde perdeu na segunda ronda para Isner em dois sets.

Características de jogo

Piso de eleição: Prefere os pisos duros, quanto mais rápido melhor. Também se dá bastante bem na grama, e no saibro atua muito pouco, tendo características pouco adaptáveis a esta superfície.
Perfil: Steve Johnson é mais um dos americanos que vieram no tênis universitário, de forma que teve seu desenvolvimento no tênis profissional de forma mais tardia, mas tende a evoluir bastante daqui pra frente. Johnson tem um bom serviço, um bom peso de bola, sua direita é eficaz, é agressivo e vai bem à rede. Sua movimentação é um pouco limitada, não tem muita elasticidade ou uma mobilidade natural, de forma que procura resolver os pontos rapidamente. Tem um lado mental apenas razoável, e precisa evoluir fisicamente ainda.
Caminho percorrido até aqui no torneio: Estréia nesta partida.

Jogador: Milos Raonic
Nacionalidade: Canadá
Idade: 23 (27-12-1990)
Altura e Peso: 1,96 e 99 kg
Ranking Atual: 9
Melhor ranking na carreira: 6 em 07-07-2014
Valores em prêmios recebidos até hoje: $ 6,402,984
Valores em prêmios recebidos esta temporada: $ 2,664,795
Vitórias\Derrotas nesta temporada: 43-16
Vitórias\Derrotas nesta temporada em nível de challengers e qualifyings: 0-0
Destaques nesta temporada: No piso duro fez terceira ronda no Australian Open, quartas em Indian Wells e Miami, conquistou o ATP 500 de Washington, fez quartas em Toronto, semi em Cincinnati, quarta ronda no US Open, final no ATP 500 de Tóquio. No saibro foi as quartas em Monte-Carlo, semi em Roma, quartas em Roland Garros. Na grama foi a semifinal em Wimbledon.
Principais vitórias nesta temporada: No piso duro venceu Murray em Indian Wells, Simon no ATP 500 de Tóquio. No saibro derrotou Robredo em Monte-Carlo, Tsonga em Roma, Simon em Roland Garros. Na grama bateu Nishikori em Wimbledon.
Maiores surpresas (jogos perdidos) nesta temporada: No saibro foi derrotado por Berlocq no ATP 250 de Oeiras. Na grama perdeu para Peter Gojowczyk no ATP 250 de Halle. No piso duro foi batido por Berankis no ATP 250 de Moscow.
Ultimo torneio disputado: Vem do ATP 250 de Moscow, onde perdeu na estréia para Berankis em três sets.

Características de jogo

Piso de eleição: Prefere os pisos duros mais rápidos, tendo dificuldades nos pisos duros mais lentos e principalmente no saibro lento, conseguindo bons resultados em saibros rápidos. Na grama é apenas razoável, visto que é bastante alto e não se move bem, tendo que abaixar-se e mover-se mais para que obtenha maior sucesso nessa superfície.
Perfil: Raonic é dono de um dos saques mais poderosos do circuito, junto com os gigantes Isner, karlovic e Janowicz. O canadense saca de forma extraordinária para um jogador de “apenas” 1,96, visto que os serviços dos jogadores acima são de atletas com mais de 2 metros de altura (de 2,03 a 2,08 para ser mais específico). No entanto, seu saque não é assim tão regular, principalmente em momentos de pressão, visto que ainda tem algumas fraquezas mentais, talvez por ser ainda um tanto jovem. O canadense consegue servir de diferentes formas, surpreendendo seus adversários com tanta variação. No entanto seu segundo saque não é assim tão eficiente como o de Isner e Kalovic por exemplo. Raonic tem uma direita poderosa capaz de abrir buracos na quadra, mas sua esquerda é inconsistente, e sua movimentação é bastante limitada. É um jogador um tanto duro em seus movimentos, com pernas muito longas e fortes, além de um tanto tortas, o que dificultam muito uma movimentação mais natural e uniforme. Na rede também não tem um grande desempenho, errando por muitas vezes bolas fáceis na área pintada, não tendo a mão necessária para atuar ali, o que poderia ser mais aproveitado visto sua facilidade em encurralar seu adversário com um bom 1º saque e quando necessário uma boa primeira ou segunda bola batida com sua direita. Seu lado mental é um tanto instável como já referi, e fisicamente não agüenta assim tão bem partidas muito longas, apesar de conseguir manter uma boa intensidade em partidas melhores de três sets.
Caminho percorrido até aqui no torneio: Estréia nesta partida.

Head-2-Head

Milos Raonic 2 X 0 Steve Johnson

2014 ATP World Tour Masters 1000 Cincinnati
OH, U.S.A. Hard R16 Raonic, Milos
6-7(7), 6-3, 7-6(4) Stats

2014 Washington
DC, USA Hard Q Raonic, Milos
7-6(2), 6-2 Stats

Conclusão: Raonic está a apenas 25 pontos atrás de Ferrer na briga pela ultima vaga ao Finals, no entanto o canadense pouco fez nos últimos dois torneios, por fadiga e talvez por algo que o esteja incomodando, ao qual ele não se pronunciou. Milos foi à final do ATP 500 de Tóquio e perdeu-a no detalhe para Nishikori, e na semana seguinte em Shangai desistiu ainda no primeiro set frente Monaco, alegando que não se sentia bem. Naturalmente a fadiga pode ter lhe afetado, no entanto na semana seguinte o canadense foi ao ATP 250 de Moscow e perdeu surpreendentemente para o talentoso, porém mediano Berankis, de forma que talvez esteja sentindo algo.

Steve Johnson é um americano que veio do tênis universitário e tem dado-se bastante bem no circuito profissional, sendo no momento numero 41 do mundo, o que é o melhor ranking deste jogador que completa 25 anos no final do ano, e obviamente só entrou mais tarde no circuito profissional de forma integral, lá pelos seus 21, 22 anos. Steve fez bons torneios na temporada de quadras duras norte-americanas, teve uma lesão no US Open, mas voltou bem na gira asiática, vencendo Granollers e Golubev e fazendo jogos duros frente os tops-20 Isner e Simon, o segundo apenas no primeiro set.

Este preço de Raonic é muito baixo para as circunstancias desta partida. O canadense pode estar sentindo algum problema, e mesmo que não esteja não está com a confiança alta pelos acontecimentos das duas ultimas semanas. Além do mais, Johnson é um adversário duro como provou frente Isner e Simon nos últimos torneios, e para o próprio Raonic, tendo enfrentado Milos duas vezes este ano, onde na primeira partida perdeu o primeiro set no tié-break, e no segundo encontro só foi perder no tié da terceira parcial. Em ambas as ocasiões Raonic estava em boa forma e mesmo assim teve problemas, sendo as odds basicamente iguais a estas deste encontro. Estando o canadense em duvida, sem muita confiança, e com Johnson em boa forma e tendo um bom jogo para encarar o top-10 sacador, seu preço está muito bom e acredito que ele possa surpreender e vencer o jogo, no entanto vou no handicap a favor do americano, que pode perder por até 2 games de desvantagem, e se perder por três a aposta é devolvida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
3,5 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
4,0 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.