Taça da Liga – Pode o Sporting voltar a tramar o Porto?

Aposta Ganha / Destaques do Desporto e das Apostas / Taça da Liga – Pode o Sporting voltar a tramar o Porto?

Destaque do dia: Taça da Liga – Pode o Sporting voltar a tramar o FC Porto?

Este Sábado teremos a decisão do primeiro troféu nacional da época 2018/19 com FC Porto e Sporting a medirem forças na Final da Taça da Liga no Estádio Municipal de Braga.

Um histórico recente favorável ao Leão

Apesar do FC Porto estar a dar muitos sinais de força e vitalidade ao longo da presente temporada, é bom não esquecermos o passado recente no que concerne a decisões entre estes dois emblemas.

Se recuarmos até à época transacta,verificamos que o Sporting Clube de Portugal ‘bateu o pé’ ao Dragão em duas ocasiões, tanto nas Meias-Finais da Taça de Portugal como nas Meias-Finais da Taça da Liga, ainda assim também é preciso notar que em ambas as ocasiões foi o desempate das Grandes Penalidades a desequilibrar a contenda, com Rui Patrício em plano de evidência.

Taça da Liga - Pode o Sporting voltar a tramar o FC Porto?

Já esta temporada, também foi o Sporting que impediu o Porto de Sérgio Conceição de se tornar na equipa com melhor série de vitórias consecutivas na história do futebol português com um empate sem golos no Estádio de Alvalade.

Portanto, o Sporting não tem sido o mais simpático dos adversários para os portistas embora seja justo reconhecer que a sorte tem acompanhado os leões nessas partidas, nomeadamente na marca das Grandes Penalidades.

Agora, o Porto tem oportunidade de ajustar contas numa fase claramente pujante de forma que ficou demonstrada no seu triunfo por 3-1 diante do Benfica.

Razão pela qual não espanta que o Dragão seja claramente favorito a 1.90 na Betclic para vencer o embate da Final no Tempo Regulamentar. Com o empate a pagar 3.30 na Bet.pt.

 

Highlights | Resumo: Sporting 0-0 FC Porto (Liga 18/19 #17)

Sporting afortunado neste tipo de decisões

Não será fácil encontrar algo paralelo por essa Europa fora. Neste momento, o Sporting soma cinco vitórias consecutivas em desempates por Grandes Penalidades numa sequência iniciada na temporada 2014/15.

Na altura, o Leão fez uma ‘remontada’ reduzido a 10 unidades de 0-2 para 2-2 frente ao Braga de Sérgio Conceição e viria a erguer o troféu da Taça de Portugal no Jamor após ser mais feliz no desempate da marca dos 11 metros.

Esta saga teve três novos capítulos na temporada anterior, com triunfos nas Meias-Finais da Taça de Portugal e Taça da Liga – ambas frente ao FC Porto – e outro na Final da Taça da Liga diante do V.Setúbal, ou seja, este tipo de desempate já ofereceu dois troféus aos Leões nas últimas três temporadas e meia.

Ora, na passada Quarta-Feira, em mais um jogo polémico desta Final Four da Allianz Cup, o Sporting voltou a sorrir da marca de Grande Penalidade numa espantosa demonstração de Renan Ribeiro que travou três penaltis bracarenses.

Após uma exibição cinzenta da turma de Marcel Keizer, numa partida com poucas oportunidades de golo onde, ainda assim, foi o Sp. Braga a criar as melhores chances, o Sporting viria a sair com vida do desafio e terá agora de montar uma estratégia que lhe permita passar a perna aos portistas.

Não será fácil, como está espelhado nas casas de apostas,como a Esc Online, que oferece 3.40 por um sucesso leonino nos 90 minutos, no entanto a formação leonina tem vindo a demonstrar no passado recente ser competente nas decisões, especialmente frente às equipas mais fortes, pois no ano passado falhou diante do Desportivo das Aves na Final da Taça de Portugal.

Dinâmica do Porto difícil de ser travada

Neste momento, não há como negar que o Porto é o alvo a abater do futebol português tal é o seu momento de forma. A formação portista está numa sequência invencível de 22 partidas e o recente triunfo diante do Benfica veio reforçar a ideia de que a turma às ordens de Sérgio Conceição é a mais forte em Portugal na atualidade.

É certo que o Porto havia perdido em pleno Estádio da Luz numa fase embrionária da temporada, no entanto o trajeto que tem delineado desde então é verdadeiramente assinalável não apenas no contexto doméstico como igualmente nas competições europeias onde venceu o seu grupo da Liga dos Campeões de modo autoritário.

Sérgio Conceição tem muito mérito na forma como mantém a formação azul e branca com níveis de concentração e intensidade muito pronunciados e, além disso tem esta temporada um plantel mais rico em soluções que lhe permite e permitirá fazer uma melhor gestão dos seus recursos na segunda metade da época.

Deste modo, torna-se complicado desafiar a equipa portista que já leva cinco ponto de vantagem sobre o rival Benfica na Liga NOS – com um derby Sporting vs Benfica no horizonte a poder ampliar essas distâncias.

FC Porto

A qualidade de jogadores como Felipe, Éder Militão, Alex Telles, Danilo Pereira ou Héctor Herrera são os alicerces de uma equipa que depois conta com talentosos tecnicistas como Yacine Brahimi ou Jesús Corona para desbloquear os muros defensivos dos adversários e permitir a portentos físicos como Tiquinho Soares ou Moussa Marega transformar o volume ofensivo da equipa em golos.

Moussa Marega e Yacine Brahimi têm estado particularmente afinados em frente à baliza ao longo da época e voltaram a marcar diante do Benfica pelo que representam boas opções no mercado Para Marcar neste embate.

Destaque ainda para um dado curioso que, provavelmente não terá repetição este sábado: nas últimas 22 partidas, o FC Porto só por uma vez não marcou golos e tal aconteceu diante do Sporting, em Alvalade, frente a uma defesa leonina que curiosamente só por duas vezes não consentiu golos na era Keizer pelo que, aparentemente esse embate foi uma contradição face às tendências atuais de ambas as equipas.

Sporting terá de recuar para as trincheiras?

Depois de surpreender com a sua abordagem na recepção ao FC Porto para a Liga Portuguesa, montando as suas linhas bem mais atrás do que vinha sendo normal, Marcel Keizer como que admitiu a teórica superioridade portista e optou por alterar a sua forma de jogar para conter a força física e rápidas transições defesa-ataque dos portistas, e tal poderá repetir-se nesta Final na ‘Pedreira’.

A formação leonina voltou a denotar sérios problemas na criação de futebol organizado diante do Sp. Braga com os minhotos a preencherem muito a zona central do jogo e a limitarem a ação de Wendel ou Bruno Fernandes.

Como se tem visto, o Sporting tende a não ter plano B neste tipo de ocasiões e acabou por sofrer o primeiro golo diante do Braga após uma tentativa falhada de passe interior que deu origem a uma rápida transição bracarense coroada com o golo de Dyego Souza após cruzamento de João Novais.

Sporting

Ora, isto já aconteceu várias vezes ao Sporting nas últimas semanas e certamente que o técnico holandês está ciente desse problema e talvez seja por isso que poderá reverter novamente para uma postura mais cautelosa, não se expondo tanto na saída de bola e optando por defender com linhas recuadas, tentando sair em contra-ataque sempre que possível através da velocidade de Raphinha ou Diaby.

Tendo em conta as atuais debilidades no sistema de jogo leonino, parece-me que será demasiado audaz tentar encarar o FC Porto olhos nos olhos por parte dos Sporting, e uma postura mais expectante pode gerar outro tipo de dividendos, nomeadamente arrastando o jogo até aos penaltis onde o Leão tem sido exímio no passado recente.

Fator físico pesaria de qualquer forma

Marcel Keizer confessou que gostaria de ter mais um dia de descanso tal como o seu rival nesta partida, no entanto não deu demasiado ênfase à situação afirmando que a sua equipa não se iria escudar em desculpas e abordaria a partida com grande vontade de sucesso.

Sim, o Sporting terá menos 24 horas de descanso que o vencedor da primeira semifinal disputada na terça-feira, no entanto a componente física já se faria sentir mesmo que o tempo de descanso fosse idêntico por parte de ambas as equipas.

Isto porque a formação leonina tem um plantel mais reduzido em termos de opções de qualidade, assim como vários jogadores com histórico negativo no que concerne a fadiga: falo de Jeremy Mathieu que falhou a segunda parte do jogo com o Braga por esse motivo, de Bas Dost que teve pouco tempo de utilização na semifinal ou até mesmo de Nani, que já não tem a frescura de outros tempos devido ao avançar da idade.

Fator físico pesaria de qualquer forma

Em contrapartida, o Porto possui um leque de jogadores muito habilitados do ponto de vista físico como Moussa Marega, Soares, Herrera, Felipe ou Éder Militão que tendem a ser muito intensos de princípio ao fim de uma partida, e tal poderá ser ponto fulcral neste confronto já que o Sporting evidenciou claros sinais de desgaste no final do seu desafio.

Este é mais um fator que nos dá pistas de que o Sporting pode mudar de estratégia no sentido de poupar mais alguns dos seus jogadores que habitualmente se desgastam muito com a pressão alta como Bruno Fernandes ou Wendel.

De acordo com esta ordem de ideias, poderemos ter uma partida claramente inclinada para o meio-campo verde e branco com o Porto em busca do golo e o Sporting na expectativa de uma contra ofensiva que possa ser eficaz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS LEGAIS
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
4,0 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 100€ euros.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
3,8 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.