Informações contraditórias por parte da imprensa brasileira e portuguesa deixam adivinhar mais uma intensa novela de mercado, devido ao forte interesse do FC Porto em contratar Pepê, extremo brasileiro do Grêmio de Porto Alegre, que não pretende deixar sair o jogador por um valor inferior à cláusula de rescisão.

IMPASSE À VISTA NA PONTE QUE PODERÁ LEVAR PEPÊ DE PORTO ALEGRE PARA O DRAGÃO

Figura principal na equipa do Grêmio, especialmente após a saída de Everton Cebolinha do clube de Porto Alegre para o Benfica, Pepê está a ser um dos jogadores mais cobiçados na formação liderada por Renato Gaúcho.

Há poucos dias, a imprensa brasileira deu conta de estar um acordo alegadamente fechado entre FC Porto e Grêmio para o ingresso do extremo internacional sub-23 brasileiro no campeonato português.

No entanto, de acordo com alguma da imprensa portuguesa, os “dragões” não estão dispostos a ir além dos 15 milhões de euros pela transferência, um valor aquém daquele que os brasileiros pretendem encaixar com a saída de um dos seus principais ativos.

De acordo com o Transfermarkt, Pepê tem valor de mercado avaliado em nove milhões de euros e é, a par de Jean Pyerre o segundo jogador mais caro no plantel gremista.

Dono de uma capacidade de desequilíbrio muito interessante, o extremo foi visto como o sucessor natural de Everton Cebolinha na equipa do Grêmio, que pretende contar com Pepê para a disputa da final da Copa do Brasil, diante do Palmeiras, que só se realiza no próximo mês de fevereiro, quando o mercado de transferência já estará novamente encerrado na Europa.

Além do interesse do campeão nacional, o extremo brasileiro também estará a despertar a cobiça de clubes como o Sevilla e o Zenit. Para o desfecho da novela, será decisiva a vontade do próprio jogador, que estará naturalmente tentado a abandonar o futebol brasileiro e rumar ao Velho Continente.

IMPASSE À VISTA NA PONTE QUE PODERÁ LEVAR PEPÊ DE PORTO ALEGRE PARA O DRAGÃO

VICE-PRESIDENTE DO GRÊMIO APONTA PARA A CLÁUSULA DE RESCISÃO DE 150 MILHÕES DE EUROS

A imprensa brasileira falou num acordo fixado nos 18 milhões de euros para a transferência de Pepê rumo ao FC Porto, mas a verdade é que o Grêmio remete todo e qualquer interesse pelo jogador para os 150 milhões de euros referentes à cláusula de rescisão presente no contrato do extremo com o clube gaúcho.

Em declarações prestadas à Rádio Grenal, Cláudio Oderich foi bastante esclarecedor:

«Não passa pela cabeça do Grêmio vender jogadores nessa janela. O clube que quiser contratar o Pepê nem precisa de falar com o Grêmio, vai à federação e deposita o valor».

Importa relembrar que muito do possível interesse do Grêmio em desfazer-se de um ou mais dos seus principais jogadores passará pela situação económica do clube, que não estaria a contar com a eliminação nos quartos-de-final da Taça dos Libertadores, diante do Santos (de Lucas Veríssimo, que pode estar definitivamente perto de rumar também a Portugal, nomeadamente ao Benfica).

PRESSÃO MÁXIMA NOS RIVAIS E OITAVA VITÓRIA SEGUIDA

A marcar a atualidade azul-e-branca está a vitória dos “dragões” neste domingo, diante do Moreirense, por 3-0, num triunfo que permitiu à equipa do FC Porto manter a distância de quatro pontos para o Sporting e continuar a pressionar o Benfica no topo da classificação.

Um jogo tranquilo, onde os golos da tranquilidade só chegaram perto do fim (pelos “reforços” saídos do banco Toni Martínez e Evanílson), mas onde o conjunto de Conceição teve quase sempre o controlo e o domínio tático da partida, tendo tido mesmo oportunidades para conseguir ter um resultado mais elástico.

Sérgio Oliveira foi o homem do jogo, com um golo e uma assistência e mais uma exibição a chefiar o meio-campo portista.

PRESSÃO MÁXIMA NOS RIVAIS E OITAVA VITÓRIA SEGUIDA

Perante um Moreirense órfão de ideias e do seu treinador (César Peixoto demitiu-se pouco mais de 24 horas antes da visita ao Estádio do Dragão), o FC Porto chegou à oitava vitória consecutiva, confirmando o excelente momento de forma, que até se pode representar pelas 13
vitórias nos últimos 14 jogos, onde o ponto mais alto terá sido a conquista da Supertaça Cândido de Oliveira, frente ao Benfica.

Na próxima sexta-feira, o FC Porto fará curta viagem até Vila Nova de Famalicão, no Minho, para defrontar o Famalicão, em jogo relativo à jornada 13 da Liga NOS, onde o título é o grande objetivo da equipa.

Na Betano, a vitória dos “dragões” paga a 1.42, enquanto que o triunfo dos famalicenses cota a 6.50.

Para suceder-se a si próximo como novo campeão nacional, o FC Porto tem odds de 3.00, apenas atrás do favoritismo maior do Benfica (1.85) nas principais casas de apostas.

 

Gostaste do nosso conteúdo?
Então regista-te no nosso canal do Youtube e assiste aos nosso Podcasts de Apostas. Entra nas nossas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter. Ainda tens o nosso Canal de Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS LEGAIS
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
4,0 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 100€ euros.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
3,8 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.