Tricampeonato chileno pode ser destruído pela Colômbia

Aposta Ganha / Destaques do Desporto e das Apostas / Tricampeonato chileno pode ser destruído pela Colômbia

O atual bicampeão da Copa América, Chile,  terá uma autêntica prova de fogo diante da Colômbia já nos Quartos de Final da competição e o bom momento da equipa de Carlos Queiroz pode culminar no fim do sonho chileno de ser tri campeão sul-americano de modo consecutivo já este Sábado…

Colômbia: A solidez fornecida por Carlos Queiroz

Que esta Colômbia tem imensa qualidade ofensiva não é novidade para ninguém que acompanhe o futebol com regularidade, no entanto aquilo que mais tem espantado nesta nova versão colombiana sob a batuta do português Queiroz é a sua solidez defensiva.

Desde que o técnico assumiu o comando de ‘Los Cafeteros, a Colômbia ainda não consentiu qualquer golo em cinco partidas oficiais, duas de preparação para a Copa América e três já na Fase de Grupos do torneio.

Tricampeonato chileno pode ser destruído pela Colômbia

Silenciar ataques como o argentino, peruano ou paraguaio são claras demonstrações da evolução e do maior rigor que a equipa tem evidenciado sob o comando do experimentado selecionador português que já brilhou noutras seleções, nomeadamente no Irão de onde saiu para ingressar no projeto colombiano.

Ora, quando uma seleção como a da Colômbia consegue atingir estes patamares de solidez defensiva torna-se difícil alguém poder travá-los tendo em conta que em termos ofensivos a criatividade e qualidade de elementos como James Rodriguez, Radamel Falcao, Duván Zapata ou Juan Cuadrado tenderá a desembrulhar as partidas a seu favor.

Perante esta situação, não espanta que a Colômbia surja na terceira posição da lista de candidatos a vencer a competição com cotações de 6.20 na ESC Online, sendo de notar que esta cotação só não é mais baixa porque a turma de Queiroz terá um difícil percurso até à Final.

Nos Quartos de Final enfrentam o Chile, nas Meias-Finais devem encontrar pela frente o Uruguai e na Final nomes como Brasil ou Argentina devem surgir no horizonte.

Ainda assim, a qualidade evidenciada pela Colômbia até ao momento torna-a favorita para superar o atual campeão Chile com cotações de 2.10 na Bet.pt para vencer em Tempo Regulamentar e não posso discordar desta avaliação por parte das casas de apostas tendo em conta o bom momento que a equipa vai vivendo.

Fim de ciclo para o Chile?

O Chile venceu as duas últimas edições da Copa América (2015 e 2016) de modo altamente dramático, batendo a Argentina nas duas ocasiões após Grandes Penalidades em partidas que não saíram do nulo.

A formação chilena nunca antes havia conquistado esta prova e acabou por inscrever o seu nome na taça de modo repetido às custas de uma Argentina fragmentada e de uma boa dose de sorte à mistura.

Agora, a formação atualmente orientada por Reinaldo Rueda persegue o seu terceiro título consecutivo, embora as suas probabilidades de sucesso sejam relativamente reduzidas tendo em conta a dificuldade do percurso que deverão ter até à Final.

Ao perderem com o Uruguai no jogo que decidiu o vencedor do seu grupo, viram-se enleados numa sequência de jogos devastadora pois se agora defrontam a Colômbia, provavelmente voltarão a defrontar o Uruguai nas semifinais caso lá cheguem, e depois Brasil ou Argentina na Final.

Eles estão cotados em 10.00  na Betclic para defenderem o seu título com sucesso, mas acho realmente improvável que o possam conseguir. Isto porque para além do exigente calendário até final da competição, esta formação chilena já não tem a frescura de outros tempos.

Há três/quatro anos todas as suas estrelas viviam tempos áureos de carreira. Arturo Vidal, Alexis Sanchez, Mauricio Isla, Gary Medel ou Eduardo Vargas estavam nos píncaros das suas carreiras, algo que já não sucede atualmente e a renovação do plantel tem sido difícil por falta de novos jovens a despontarem.

vidal pt

Assim, esta é uma seleção chilena mais envelhecida e com menor fulgor que outrora pelo que, mesmo tendo grande experiência, poderá ficar curta nas suas intenções de prosperar nesta competição.

Diante da Colômbia, o Chile surge como ‘outsider’ avaliado em 3.45 para vencer em Tempo Regulamentar, mas provavelmente será mais realista apostar neles para se Qualificarem a 1.95, caso acredite que o seu crer e experiência continuarão a valer ouro nas partidas a eliminar. Todas linhas com odds da Betano, a mais nova dentre as casas de apostas legais em Portugal.

Duván Zapata tem subido a pulso na Colômbia

Um dos destaques da Colômbia nesta Copa América tem sido o atacante da Atalanta Duván Zapata. Aos 28 anos de idade e após uma brilhante temporada na Serie A onde apontou 23 golos em 37 partidas, o atacante colombiano já leva dois golos na Copa América tendo alinhado em apenas 125 minutos de jogo.

A sua titularidade em detrimento de Radamel Falcao começa a ser uma discussão comum no seu país, e acredito que Queiroz lhe possa dar um voto de confiança nesta partida pelo que um golo de Zapata frente ao Chile a 2.50 possa ser uma opção viável de aposta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS LEGAIS
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
4,0 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 100€ euros.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
3,8 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.