Venezuela não será presa fácil para a Argentina

Aposta Ganha / Destaques do Desporto e das Apostas / Venezuela não será presa fácil para a Argentina

Depois de uma Fase de Grupos algo tremida por parte da Argentina, é tempo de deixar isso para trás e focar apenas nas partidas a eliminar, começando já pelo embate diante da Venezuela esta Sexta-Feira a contar para os Quartos de Final da Copa América.

Venezuela sabe jogar de acordo com o momento

Antes do início do torneio muitos apontaram a Venezuela como potencial sensação da competição graças a um interessante conjunto de jovens jogadores comandado por Salomon Rondon na frente de ataque e os resultados estão à vista.

A formação venezuelana terminou na segunda posição do Grupo A com cinco pontos somados e sem consentir qualquer derrota numa chave que continha adversários teoricamente superiores como o Brasil e o Peru.

Venezuela não será presa fácil para a Argentina

A equipa soube ser humilde ao ponto de alcanças duas igualdades sem golos frente a esses adversários para posteriormente bater a Bolívia por 3-1 e selar uma qualificação inteiramente merecida.

Agora, a formação orientada por Eduardo Villegas terá de medir forças com a poderosa Argentina no Estádio Maracanã no Rio de Janeiro em mais uma prova de fogo a esta jovem equipa.

O excelente desempenho defensivo que a equipa teve nas partidas diante de Brasil e Peru abrem, naturalmente uma janela de esperança para este embate diante do forte ataque alviceleste, no entanto as casas de apostas continuam a cotá-los como claros ‘outsiders’ a 6.35 na Betclic para vencerem o encontro em Tempo Regulamentar.

Uma das novidades desta edição da Copa América é o facto de não existir Prolongamento em caso se empate (3.65) pelo que a expetativa de aguentar um empate se torna ainda mais tentadora para as formações teoricamente mais fracas.

A Venezuela está assim cotada em 3.40 para se qualificar para as semifinais e fazê-lo através do desempate das Grandes Penalidades será certamente algo que estará no pensamento de equipa e treinador.

Argentina precisa juntar as tropas

Até ao momento Lionel Scaloni não tem conseguido nada de novo ou inovador face ao passado recente da formação argentina, visto que o seu rendimento em campo continua a deixar muito a desejar tendo em conta a qualidade do seu plantel.

Após uma entrada em falso na competição com uma derrota diante da Colômbia por 2-0, a formação de Lionel Messi foi em crescendo nos restantes encontros, empatando com o Paraguai antes de bater o Qatar na derradeira jornada.

De qualquer modo, o empate diante do Paraguai foi um pouco enganador pois a formação adversária desperdiçou uma Grande Penalidade com o marcador em 1-1.

messi chateado

Já o triunfo diante do Qatar começou a ser construído pelo atacante do Inter de Milão Lautaro Martínez logo aos quatro minutos graças a uma autêntica oferta de um defesa do Qatar com o resultado a ficar apenas sentenciado nos últimos dez minutos com um golo de Sergio Aguero.

Em suma, esta Argentina ainda não convenceu verdadeiramente no torneio e precisa reagir rapidamente pois mesmo que passe pela Venezuela deverá enfrentar o Brasil nas Meias-Finais e aí não poderá manter este baixo nível de jogo sob pena de ir para casa.

Lionel Messi marcou de penalti contra o Paraguai, mas tem passado algo despercebido na prova e o povo argentino estará expectante para que a sua estrela apareça ao mais alto nível quando as coisas começarem realmente a doer, ou seja, já na noite desta Sexta-Feira no Rio de Janeiro.

A Argentina é naturalmente favorita a vencer o desafio a 1.60 na Betano, mas poderá ter de sofrer um pouco até furar a ótima barreira defensiva que os venezuelanos foram apresentando até ao momento nesta competição.

Lionel Messi com Bola de Ouro no horizonte

O descalabro do Barcelona neste final de época que os afastou dos títulos da Liga dos Campeões e da Taça do Rei de Espanha recolocou a luta pela Bola de Ouro em ação.

O virtuoso atacante argentino viu nomes como Virgil van Dijk ou Cristiano Ronaldo aproximarem-se nessa luta graças aos títulos coletivos conquistados, assim como às suas prestações na Liga das Nações no contexto internacional.

Mohamed Salah também pode ainda estar na rota desse troféu pois encontra-se a disputar a Taça das Nações Africanas no seu país e terá claramente boas hipóteses de sucesso.

messi bola de ouro

Por tudo isto, muitos apontam esta Copa América como um momento que pode definir a atribuição da Bola de Ouro.

Se Lionel Messi conseguir nesta fase derradeira do torneio carregar a sua seleção até a um título que lhe foge desde 1993, então dificilmente poderemos discordar da justiça do troféu para o argentino, mas caso tal não seja possível, Van Dijk parece ficar em posição privilegiada de o surpreender nesta atribuição.

Tudo dependerá dos votantes e dos critérios que os mesmos irão privilegiar, no entanto creio que uma boa campanha nesta Copa América ajudaria a desequilibrar a balança a favor de Messi.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




CASAS DE APOSTAS LEGAIS
3,3 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a apostas desportivas online.
4,0 rating
10€ Gráris mais 200% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 50 de euros.
3,5 rating
5€ Grátis com o Código Promocional: apostaga
mais Bónus no primeiro depósito até um máximo de 100 euros.
3,0 rating
Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 100€ euros.
3,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito aposta sem risco até 50 euros.
3,3 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.
3,8 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.
4,3 rating
Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.
4,5 rating
Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50€ euros.