Vieses cognitivas nas apostas desportivas

Aposta Ganha / Tutoriais e Dicas de Apostas / Vieses cognitivas nas apostas desportivas

Estamos de volta, e já em “desconfinamento”, e hoje trago mais um artigo que vai deixar-vos a pensar certamente. Para quem chegou ao mundo das apostas desportivas ou mesmo aqueles que aqui andam, não fazem, ou nem pensavam que as vieses cognitivas poder-se-iam encontra-se nas apostas desportivas.

VIESES COGNITIVAS NAS APOSTAS DESPORTIVAS

O tema hoje é algo complicado, e muitos devem ter em atenção em algumas destas vieses cognitivas, pois para nós apostadores são importantes, não só saber como detetar, ora claro está, evita-las/controla-las!

Vieses cognitivas nas apostas desportivas

Uma vez mais vamos por partes, por tópicos, explicar cada uma delas e que se enquadra nas apostas, e explicar o mais simples possível para que percebam e se apercebam se alguma delas vos atinge todos os dias.

Vamos começar então pelo o “conceito” e depois, uma a uma tentar dar exemplos até para vos ajudar a compreender!

Uma vez mais chamo muita atenção ao que aí vem, é mesmo importante terem a noção destes vieses, porque eu sei, depois de lerem este artigo, vocês vão-se aperceber de cada uma delas, mas desta vez, vocês já sabem o que é e vão evita-las!

Os apostadores mais experientes tanto como os novos apostadores, por vezes têm este tipo de “pensamentos” nas apostas:

“Since black has hit the last nine times, red is overdue to hit on the next spin.”

“My ticket was one digit away from winning on the last draw, so I must be close to winning the jackpot.”

“Because the underdog is performing well against the spread this season, I bet they’ll beat it again this game.”

DEFINIÇÃO

Vieses diria que são “rasteiras”, malta, não sou psicólogo, mas tentarei escrever o mais simples possível, prometo.

Cognitivas é algo do género: A psicologia cognitiva estuda a cognição, os processos mentais que estão por detrás do comportamento. É uma das disciplinas da ciência cognitiva. Esta área de investigação cobre diversos domínios, examinando questões sobre  memória, atenção, perceção, representação de conhecimento, raciocínio, criatividade e resolução de problemas. Pode-se definir cognição como a capacidade para armazenar, transformar e aplicar o conhecimento, sendo um amplo leque de processos mentais.

Agora a parte mais complicada é junta-las estas duas palavras e explicar, como diz a própria definição de cognitivo, é ter uma perceção, errada ou certa de algo, um raciocínio sobre algum assunto, ou armazenar conhecimento, de uma maneira errada ou não.

Agora a questão é, o que é que isto tem com as apostas desportivas, tem e muito, e agora vamos abordar cada uma delas, por tópicos como vocês já estão habituados.

THE GAMBLER’S FALACY

 Um dos mais importantes vieses cognitivos nos apostadores mais novos, é esperar que algo aconteça, só porque aconteceu muitas vezes no passado ou vice-versa. Este “Bias” cognitivo adapta-se muito bem aos apostadores de casino, sobretudo aqueles que jogam a roleta, por exemplo. Nas apostas desportivas é igual, é como diria, apostar sempre naquela equipa só porque ela está a ganhar muitas vezes, ou porque, está a marcar muitos golos há muito tempo. 

 

O exemplo da roleta é o jogo ideial para este exemplo, pois foi “desenhado” para que este “Bias” seja muito usual, e muitos dos apostadores nem notam o que se está a passar.

A probabilidade neste tipo de jogos é algo “dispersa” e assim o apostador normal, tenta encontrar algo semelhante ou algo que lhe faça prever o “futuro” pelo passado ou vice-versa, do tipo, o número ou o vermelho ou preto.

THE GAMBLER’S FALACY

Mas na realidade, a probabilidade é igual a cada jogada, não é por acontecer mais vezes, ou ter saído, uma cor preta, ou um número, que a seguir vai sair. Esta é uma “ilusão” que o próprio jogo cria ou uma falsa sensação preditiva do que poderá acontecer, pois na realidade, as probabilidades mantém-se a cada novo giro na roleta.

No futebol, nas apostas desportivas, este “bias” acontece por inúmeras vezes, já dei exemplos, como aquela equipa que ganha muitas vezes, ou que marca sempre muitos golos. Reparem que esta “falsa” segurança pode induzir-vos em erro na vossa análise, e claro já nem falo se a Odd está no valor, pois isso são outros quinhentos.

 Uma falsa sensação preditiva, ou Gamblers Fallacy, ou em português a falácia do apostador, é uma “Bias” que tem que se ter sempre em conta, nunca se esqueçam que a cada novo jogo, giro, ou encontro as probabilidades são sempre as mesmas. Nas apostas desportivas, as casas de apostas, alertar-vos um poucos esta Bias, porque se a tal equipa ganha muitas vezes, a odd – probabilidade reflete também situação em específico. Assim, mesmo com ou sem valor, terão que pensar que amanhã, naquela aposta, o “normal” pode não acontecer, daí que a importância de cada analise qualitativa e quantitativa perante a vossa aposta. 

 

Nunca se esqueçam disto, se por algum motivo eu coloquei esta viés em primeiro lugar é porque é realmente muito importante, e tanto serve para as apostas desportivas como para jogos de fortuna e azar. Este viés dá-vos uma ilusão que estão no controlo, é totalmente errado.

Afastam-se desta “ilusão” criada pela vossa mente que tentem prever o futuro só por aquilo que se está a repetir, é um engano, pois as probabilidades não mudaram!

VIÉS DE RECÊNCIA

Este viés tem muita coisa que se assemelha e assenta que nem uma luva nas apostas desportivas, pois o apostador tem uma ligeira tendência e subestimar os resultados recentes e verificar a evolução dos acontecimentos conforme certas e determinadas circunstâncias.

Exemplos, vários, em spreads por exemplo, este viés acontece muitas vezes aos apostadores que apostam em NBA, MLB, por exemplo. Muito sinceramente é muito semelhante ao jogo da roleta, mas nos jogos de futebol ou outro tipo de eventos, os resultados são todos independentes um dos outros.

Mesmo que alguns jogos nos dê a ilusão ou a ideia da forma de uma equipa, por exemplo, comparando-a com outra, esta comparação não tem qualquer influência real numa probabilidade futura.

Perceberam? Só me lembro de um exemplo muito prático, quando olhamos para o H2H, e decidimos muito por cima desta “métrica/ponderador” e fazemos uma aposta com base nisto!

VIÉS DE RESULTADO

Este viés é muito engraçado e sobretudo revejo-o muitos daqueles apostadores que apostam ao vivo, ou melhor, fazem apostas ao vivo. Lembram se daqueles apostadores que fazem aquela aposta as odds “gordas” em Live e depois acham-se os maiores?

Ou até mesmo em pré live? Este é um viés de resultado, quando nos empolgamos em demasia com uma aposta e que ganhamos muito, por outras palavras, uma aposta de alto risco, não é?

VIÉS DE RESULTADO

Se o ganho é alto é porque aumentamos a stake ou a odd era enorme, o que quer dizer que a probabilidade de aquilo acontecer era muito baixa, logo uma aposta de alto risco.

Após uma aposta vencedora dentro dos trâmites que referi em cima um apostador pode apresentar um viés de resultado, deixar-se levar por ela, pensado que é o mais sábio da sala de casino ou o maior apostador do mundo.

Esta viés talvez a meu ver seja da piores que um apostador terá que lidar, pois não é fácil contraíra-nos neste aspeto. Até porque reparem, serão muitos aqueles, caso partilhemos a aposta que nos vão agradecer ou vangloriar a aposta ganha, certo?

Controlar o viés de resultado, passa muito por não embandeirar em arco e mantermos o foco, ficarmos contentes, sim, mas partir logo para outra, para a próxima análise, pois, o mais difícil e fazer outra igual, muitos só repetem a façanha largos meses depois.

VIÉS DE CONFIRMAÇÃO

Este viés é também muito importante, nas apostas desportivas, sobretudo aqueles que optam muito pelo estudo qualitativo, entram numa análise já com uma aposta pré-concebida. Por exemplo, ás vezes pensamos para nós num possível desfecho daquele jogo.

No estudo vamos atrás dessa confirmação, o que nos afasta sempre de algo que não nos faça ir naquela aposta pré-concebida.

O ideal será mesmo não fazermos viés de confirmação nas apostas desportivas, pois podemos afastar aquela informação importante para não a fazermos ou ajusta-la perante tal facto importante.

Partir para a busca de uma informação só que nos confirme a nossa opinião inicial é o erro mais comum que os apostadores hoje em dia cometem com mais frequência. Não querer ver o importante, não querer saber de mais nada só se aquilo que queremos que resulte, vai dar asneira pela certa.

O viés de confirmação é sem dúvida o mais fácil de ultrapassar, com uma dica única, não tenham ideias pré-concebidas, e provem-se a si mesmos que têm razão, mas auscultando tudo, procurando tudo que vos faça desistir dessa mesma ideia, a aposta claro está!

TRISTE NOTÍCIA

 Agora para terminar vou dar uma triste noticia, ninguém consegue vencer todos estes vieses cognitivos, eles não são na sua totalidade superados, mas podem e devem ser controlados. 

 

SIM! Os vieses cognitivos apenas poderão ser controlados, e hoje damos o primeiro passo, ter a noção de cada um deles para estarem mais atentos a eles!

Segundo consegui apurar, estudos recentes demonstraram que uma atitude levada pelas vieses cognitivas poderão ser reduzidas a longo prazo através da especialização do jogo ou das apostas que fazemos, em suma da experiência vivida em cada uma delas.

Muito haveria mais por falar sobre as vieses cognitivas, mas tentei ser o mais simples possível e transparente para que todos pudéssemos entender de uma forma simples e clara.

Por hoje é tudo, boa sorte e boas apostas!

 

Gostastes do nosso conteúdo? então regista-te no nosso canal oficial no Youtube. Além disso, entra em nossas redes sociais como o Instagram e Twitter para se manteres bem informado.

Um sitio perfeito para receberes tudo do AG é o canal no Telegram. Também no chat podes conversar com mais de 2.500 apostadores ao vivo sobre as melhores apostas. Se estas a procura dos Pros acede também os Tipster Profissionais.

Uma Comentário para “Vieses cognitivas nas apostas desportivas”

  • Avatar
    João Costa says:

    Excelente artigo!!! Eu sou daqueles que acho que as estatísticas dos jogos só servem para fazer o mercado, porque no final aquela célebre frase dita e redita por todos, ‘dominamos em todo jogo e tivemos mais remates e posse de bola… mas no final as estatísticas não ganham os jogos!!!! Continuação de bom trabalho

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Casas de Apostas
Solverde Apostas

Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de até um máximo de 100 euros.

Luckia

Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.

Nossa Aposta

Não tem bónus de Boas vindas para a postas desportivas online.

Betclic

Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.

Bet.pt

Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.

Betway

Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 100% até um máximo de 100 euros.

ESC Online

Freebet de 10€ mais 100% de bónus sobre o valor do seu depósito até um máximo de 250 de bónus.

Betano

Bónus de Boas Vindas para o primeiro depósito de 50% até um máximo de 50 euros.